A Sony já foi uma das maiores fabricantes de smartphones Android, e tem vindo a tentar há muito, muito tempo voltar ao topo. A Sony está a perder dinheiro na sua divisão móvel trimestre após trimestre, e o mais recente não é uma exceção. Embora a Sony tenha ganho dinheiro no final de 2018, a divisão móvel é uma pedra no sapato.

Sony. Resultados financeiros mostram contínuas perdas na divisão móvel 1

O ano fiscal da Sony começa em abril,  os resultados são para o seu terceiro trimestre, durante o qual a empresa fez 377 biliões de ienes (US $ 3 biliões). A tabela abaixo (em biliões de ienes japoneses) ilustra o problema – a divisão de comunicações móveis da Sony perdeu 15,5 biliões de ienes (141,6 milhões de dólares). Isso é menos do que as suas perdas no trimestre anterior, mas é uma queda substancial em relação ao terceiro trimestre do ano passado, quando a divisão de tecnologia móvel móvel teve um lucro de 15,8 biliões de ienes.

Sony. Resultados financeiros mostram contínuas perdas na divisão móvel 2

Os lucros móveis evaporaram-se graças ao declínio das vendas no Japão, na Europa e na América Latina. No ano passado, a Sony movimentou 4 milhões de telefones no terceiro trimestre, mas vendeu apenas 1,8 milhão no trimestre mais recente. A Sony reviu as suas previsões em baixa, sugerindo que não vê essa tendência a alterar-se em breve.

Sony. Resultados financeiros mostram contínuas perdas na divisão móvel 3

A Sony é uma grande empresa com muitas divisões, quase todas a ganhar dinheiro. A Sony pode suportar algumas perdas no mercado de smartphones enquanto as suas unidades de música e jogos gerarem lucros sólidos. Isso pode durar para sempre.