Android Geek
O maior site de Android em Português

Samsung vai produzir chipsets para o novo iPhone da Apple em 2018

A Samsung Electronics vai produzir chipsets de novo para a Apple, para o seu próximo iPhone em 2018. Um acordo importante que veio já alguns anos depois da gigante Sul Coreana, ter perdido as ordens de produção para a sua rival TSMC em 2013. De acordo com as novas notícias do dia 18 Julho, a Samsung adquiriu recentemente máquinas de litografia ultravioleta extrema, o equipamento mais avançado em fabricação de chipsets no momento, para produzir SoC's mobile em 7nm apenas para a Apple/iPhone.

Aqui alguns equipamentos da Samsung.

Fontes afirmam que Kwon Oh-hyun, um dos três CEO's da Samsung que supervisiona a fabricação de chips e outras partes do negócio, teve uma papel importante neste novo acordo durante a sua visita, à sede da Apple no mês anterior.

Samsung vai produzir chipsets para o novo iPhone da Apple em 2018 1

"O CEO pode persuadir as altas chefias da Apple, tirando assim vantagens da aproximação devidos aos displays OLED" afirma uma fonte da indústria. A Samsung o maior fabricante do mundo de OLED's, com uns números astronómicos de cerca de 95%, de cota de mercado é o único fornecedor de OLED para o futuro iPhone.

A Samsung era o maior fabricante de chipsets para a Apple até ao ano de 2013, até que a TSMC se tornou o único fabricante de chipsets para o iPhone. A TSMC não conseguiu este acordo do nada, conseguiram pois adoptaram um sistema mais eficiente de 7nm mais cedo que os seus rivais. Ainda é dito que a Samsung deverá partilhar algumas ordens, de peças para o iPhone no próximo ano, que estavam monopolizadas pela TSMC até agora.

Samsung vai produzir chipsets para o novo iPhone da Apple em 2018 2

A Samsung planeia completar os seus testes para estas novas máquinas de fabricação de chipsets, em breve e pretende a aprovação final da Apple para a fabricação dos novos SoC's de 7nm.

A TSMC é a firma número neste negócio, tem mais de 50.6% de mercado global no sector de chips, que obteve nada mais nada menos que, US$28.8 milhões em 2016. Seguida apenas pela Global Foundry dos Estados Unidos com 9.6% e a UMC de Taiwan com 8.1%, de acordo com a empresa de pesquisa de mercado IHS. A Samsung mesmo assim conseguiu uma percentagem de 8.1% durante o ano anterior de 2016.

 

 

Gostaram? Podia ter sido melhor?
Partilhem com os vossos amigos e ajudem este projecto em Português.

Obrigado pela visita!

Este Website usa cookies para providenciar uma melhor experiência. Pode recusar se desejar. Aceitar Saber Mais

Gostaram? Podia ter sido melhor?
Partilhem com os vossos amigos e ajudem este projecto em Português.

Obrigado pela visita!
close-link