Android Geek
O maior site de Android em Português

O que é o SafetyNet e porque ele proíbe a instalação de aplicações no nosso Android

Os dispositivos Android oferecem uma ” API SafetyNet ” , que faz parte da camada do Google Play Services instalada em dispositivos Android aprovados pelo Google. Segundo a Google, esta API “fornece acesso aos serviços da Google que o ajudam a avaliar a segurança de um dispositivo Android”. Se é programador Android, pode utilizar essa API na sua aplicação para verificar se o dispositivo em que a mesma está a ser executada foi adulterado.

Esta API SafetyNet foi projetada para verificar se um dispositivo foi adulterado – seja ele root feito por um utilizador, esteja a executar uma ROM personalizada ou tenha sido infectado com malware de baixo nível.

O que é o SafetyNet e porque ele proíbe a instalação de aplicações no nosso Android 1

Os dispositivos que são fornecidos com o Google Play Store e outras aplicações instalados devem passar no Android “Compatibility Test Suite”. Fazer root num dispositivo ou instalar uma ROM personalizada impede que um dispositivo seja “compatível com CTS”. É assim que a API SafetyNet pode dizer se o equipamento está rooteado, ou seja, ele apenas verifica a compatibilidade CTS. Da mesma forma, se receber um dispositivo Android que nunca veio com as aplicações do Google, como um desses smartphones de US$25 enviados diretamente de uma fábrica na China, não será considerado “compatível com CTS”, mesmo que não tenha rooteado o equipamento.

Para obter essa informação, o Google Play Services instala um programa chamado “snet” e o executa em segundo plano no seu dispositivo. O programa recolhe dados do  dispositivo e envia para o Google regularmente. A Google usa essa informação para vários fins, desde obter uma imagem mais ampla do ecossistema Android, até determinar se o software do seu dispositivo foi ou não adulterado. A Google não explica exatamente o que o snet procura, mas é provável que ele verifique se a partição do sistema foi modificada do estado de fábrica.

Podemos verificar o status do SafetyNet do dispositivo fazendo download de uma aplicação, como o SafetyNet Helper ou SafetyNet Playground. A aplicação irá perguntar ao serviço SafetyNet da Google sobre o status do seu dispositivo e informá-lo da resposta que ele recebe do servidor do Google.

Partilhar é importante, mostra este artigo aos teus amigos!

Obrigado, ficamos a dever-te uma 😉

Este Website usa cookies para providenciar uma melhor experiência. Pode recusar se desejar. Aceitar Saber Mais

Partilhar é importante, mostra este artigo aos teus amigos!

Obrigado, ficamos a dever-te uma ;)
close-link