Android Geek
O maior site de Android em Português

Porque é que o LG L Fino é um dos smartphones Android ideais para as mulheres?

Porque é que o LG L Fino é um dos smartphones Android ideais para as mulheres?

Lançado silenciosamente em Setembro de 2014, o LG L Fino apresenta-se, apesar da sua aparente pouca popularidade, como um candidato forte à lista de preferências das mulheres. Digo aparente, pois, quando o adquiri, estava esgotado em quase todas as lojas. É estranho quase não existirem reviews deste smartphone, por isso, irei aproveitar esta deixa para a fazer.

Com um design elegante e simples, inspirado nos modelos G3 e G2, este dispositivo é capaz de cair nas boas graças femininas. Como não ultrapassa a faixa das 4.5 polegadas, é possível (já confirmado por mim) guardar nas malas facilmente. Além disso, dadas as suas dimensões, robustez e rugosidade da capa traseira, segurá-lo transmite uma boa sensação, sem termos a perceção de fragilidade, adequando-se, ainda, ao tamanho das mãos da maior parte das mulheres (comprovado, dado que as minhas são pequenas), o que me deixou bastante satisfeita. O que contribui, também, para o conforto no uso é a posição dos botões de volume e de power, na capa traseira, embelezando-a ao mesmo tempo, mais uma vez, seguindo o design do G3 e do G2. No entanto, como, ao tato, os botões são muito semelhantes, existe a possibilidade de, nos primeiros tempos, nos enganarmos.

Os smartphones passaram de meros dispositivos de comunicação e entretenimento a acessórios de moda. A LG não passou ao lado desta tendência, disponibilizando 5 cores: preto, branco, vermelho, verde e dourado; no entanto, em Portugal só é possível escolher entre o preto e o branco. Ainda existem à venda capas elegantes, que podem completar o visual, de acordo com as preferências de cada um.

 

O ecrã de 4.5'

Apesar da resolução de 480x800, que para o tamanho do ecrã seria de esperar maus resultados, o ecrã apresenta imagens bastante nítidas, quase de alta definição. Posso dizer que só muito perto e com atenção, conseguimos distinguir os pixels individuais. Além disso, os ângulos de visão são muito bons, graças à tecnologia IPS. Estas duas características somadas permitem uma experiência de imagem razoável, desde a visualização dos feeds no Facebook até à visualização de vídeos.

Outra característica deste ecrã é o aspeto brilhante (glossy), o que faz com que este seja muito refletor. Dentro de edifícios, esta característica não causa problemas, mas na rua é impossível ver o que está no ecrã, o que pode ser resolvido facilmente com o aumento da luminosidade. No entanto, esta solução irá gastar mais bateria.

 

Câmara

Este dispositivo tem disponível uma câmara traseira de 8 MP e uma frontal VGA.

Depois de ter testado ambas com aplicação de origem da câmara, notei diferenças significativas entre elas. Como seria de esperar, a câmara frontal tem resultados piores que a traseira e, aí, para fotos noturnas, nem a luz do ecrã a salva. No entanto, esta é suficiente para selfies ocasionais e para videochamadas, por exemplo, via Skype.

A câmara traseira não é das melhores que já presenciei, mas também não é das piores. É capaz de capturar fotos bastante decentes, que servirão as necessidades diárias e do Instagram, claro!

Quanto aos vídeos, infelizmente, já não posso felicitar tanto a LG. Estava à espera de uma melhor qualidade, tendo em conta a qualidade da câmara traseira. Parece-me, no entanto, que não tem mais qualidade porque a LG não quis, estando, talvez, limitada através do software.

Finalmente (guardei o melhor da câmara para o fim), a LG adicionou funcionalidades muito úteis e divertidas à aplicação de origem da câmara. A captura automática das fotos pode ser feita de duas formas: por gestos ou por voz. Através de gestos, basta levantar a mão, com a palma da mão aberta virada para a câmara. Através da voz, basta dizer uma destas palavras: cheese, smile, LG, Uísque ou Kimchi. Estragar uma foto, porque não conseguimos chegar com o dedo ao botão, já não existe!

 

Software e Armazenamento

Equipado com o Android KitKat e customizado com a LG UI 3.0, com um design muito semelhante ao Material Design da Google, as tarefas diárias tornam-se muito intuitivas, acessíveis e apelativas, seja a escrever mensagens, a ler o e-mail ou a gerir fotos e documentos.

De origem, vem com as aplicações do costume e algumas da LG, por exemplo, de partilha de ficheiros. Se estiver bloqueado a uma operadora, é possível que algumas das suas aplicações sejam transferidas, aquando da primeira ligação à Internet. Se não quisermos alguma dessas aplicações, não é necessário recorrer a métodos complicados, pois pode ser desinstalada como as outras.

Já o armazenamento é o “calcanhar de Aquiles” deste smartphone. Com apenas 4GB e, portanto, 2GB disponíveis para o utilizador, não há espaço para muitos documentos, fotos e aplicações. A solução passa por utilizar um cartão de memória e fazer alguma "ginástica" para mover as aplicações para o cartão.

 

Comunicações, Performance e Bateria

Para além do habitual, WiFi, Bluetooth e GPS, o LG L Fino traz algo que cada vez mais é habitual vermos nos dispositivos móveis mais recentes, o NFC. É possível, assim, caso tenhas tags NFC, por exemplo, mudar definições do dispositivo automaticamente, ligar o computador remotamente, criar um hotspot para o computador, partilhar cartões-de-visita digitais ou outros tipos de informação.

Passando agora para o desempenho do dispositivo... Apesar de não ser nenhum topo de gama (esconde um Quad-core a 1.2 GHz e 1GB de RAM), este bichinho comporta-se, diria, de forma exemplar. Com 3 meses de utilização, ainda não vi aplicações lentas ou a arrastar-se, principalmente no browser (mais especificamente, o Google Chrome). Sou mais de jogos casuais, por isso não posso dar a minha opinião sobre o desempenho em jogos mais exigentes, no entanto, tendo em conta as críticas existentes, apesar de serem poucas, não diria que este seja o melhor dispositivo para os jogos mais recentes e exigentes. Contudo, para jogos casuais o seu desempenho é excelente.

Agora passando para a autonomia da bateria, que é algo que preocupa todos os utilizadores (mulheres ou não). Tendo em conta a experiência de utilização, em pouco uso ou normal a bateria dura 3/2 dias (com o brilho do ecrã a, aproximadamente, 20% e dados, WiFi e GPS ligados, só quando necessário). Em uso intensivo, a bateria dura 1 dia. Definitivamente, a autonomia deste LG foi algo que me surpreendeu muito, pois há muito tempo que a bateria de um smartphone meu não durava tanto, sem um novo carregamento.

 

Preço

Finalmente, o preço: um dos pontos fortes deste LG! Diria que é um dos smartphones com melhor relação qualidade/preço. Na Meo, é possível adquiri-lo por 139,90€ ou 129,90€ online.

 

Em suma, o preço apetecível, o design elegante com cores disponíveis bastante populares, o ecrã à medida das mãos femininas e com alguma qualidade, a câmara intuitiva, o design prático e apelativo oferecido no software da LG, um conjunto completo de diferentes formas de comunicação, uma performance satisfatória e uma autonomia de bateria surpreendente fazem deste smartphone um pretendente na lista das mulheres (e não só!).

Este Website usa cookies para providenciar uma melhor experiência. Pode recusar se desejar. Aceitar Saber Mais