Android Geek
O maior site de Android em Português

Aplicação de metereologia da TCL anda a recolher dados dos utilizadores

De acordo com o canal da BBC, uma aplicação gratuita que nos dava o estado da meteorologia a ‘Weather Forecast—World Weather Accurate Radar’, tem vindo a recolher uma quantidade excessiva de informações. E o programador responsavel por esta aplicação? Trata-se da empresa TCL, a mesma empresa responsavel por fabricar smartphones da marca Alcatel e Blackberry.

De acordo com o canal da BBC, uma aplicação gratuita que nos dava o estado da meteorologia a ‘Weather Forecast—World Weather Accurate Radar‘, tem vindo a recolher uma quantidade excessiva de informações. E o programador responsavel por esta aplicação? Trata-se da empresa TCL, a mesma empresa responsavel por fabricar smartphones da marca Alcatel e Blackberry.

A TCL é responsavbel pelo fabrico de muitos smartphones da Alcatel

TCL

A empresa de segurança e comércio móvel Upstream Systems descobriu que a aplicação transmite informações para os servidores na China. As informações recolhidas incluem endereços de correio eletrónico, números de IMEI e a localização do utilizador.

Para além disso a aplicação meteorológica fazia pedidos de subscrição em nome dos utilizadores para serviços de pornografia e realidade virtual. Os utilizadores afetados incluem proprietários de smartphones da Alcatel no Brasil, na Malásia e na Nigéria. O Brasil, em particular recebeu mais de 2,5 milhões de tentativas de assinaturas entre julho e agosto de 2018.

Também pode interessar saber :

Relativamente à empresa TCL, a aplicação do Weather Forecast não tenta mais inscrever utilizadores em serviços de terceiros. No entanto, a Upstream Systems descobriu que a aplicação ainda recolhe as informações que mencionamos.

Esta não é a primeira vez que o TCL lança uma aplicação que recolhe uma quantidade estranha de informações. Em janeiro de 2018, as pessoas notaram que uma aplicação de terceiros na Play Store substituia a aplicação da galeria padrão nos seus smartphones Alcatel.

Por outra aplicação de terceiros com o nome de Candy Gallery, a aplicação igualmente pedia uma lista de permissões exageradas quando aberta pela primeira vez. A chave criptográfica da aplicação correspondia a uma versão da antiga aplicação de galeria da Alcatel. Isso poderia significar que a Alcatel ou vendeu a aplicação ou a informação relacionadas com as suas aplicações.

Ajuda-nos a chegar mais longe, partilha com os teus amigos

Obrigado pela visita!
Fonte

Este Website usa cookies para providenciar uma melhor experiência. Pode recusar se desejar. Aceitar Saber Mais

Ajuda-nos a chegar mais longe, partilha com os teus amigos

Obrigado pela visita!
close-link