Os próximos iPhones podem não suportar velocidades Gigabit LTE

Um novo relatório divulgado hoje diz que a Apple usará modems Qualcomm e Intel para o seu próximo trio de iPhones, retomando a estratégia que usou no ano passado para o iPhone 7 e 7 Plus. E, tal como no ano passado, isto significa que a empresa irá acelerar os modems da Qualcomm para garantir que eles funcionam ao mesmo nível da Intel.

Enquanto a Qualcomm já possui um modem que, teoricamente, pode atingir as velocidades gigabit LTE (e isso está incluído no chipset Snapdragon 835 que impulsiona os flagships Android de 2017). Os modems Intel funcionarão com recursos similares, mas não terão essa tecnologia pronta a tempo para o iPhone 8 e companhia, que a Apple lançará neste outono.

A Apple não quer depender de apenas um fornecedor de um componente de hardware tão crucial, e especialmente da Qualcomm - com o qual está envolvido em um processo onde alega que o fabricante de chips está envolvido em práticas monopolísticas. A solução da Apple para este imbróglio é fazer o que fez no ano passado: acelerar os modems de maior desempenho da Qualcomm ao mesmo nível do que os Intel conseguem alcançar. Assim, não haverá diferença de desempenho entre os iPhones que tragam componentes diferentes.

Relacionado:  IFA Berlin vai regressar em força em 2022. IFA 2021 está oficialmente cancelada

Isso pode, no entanto, criar uma questão de marketing difícil de gerir para a Apple. As grandes operadoras dos EUA prometeram tornar as redes Gigabit LTE uma realidade até o final do ano, e os iPhones mais recentes não vão suportar esta tecnologia . Por outro lado, os Galaxy S8, S8 + e Note8 da Samsung estão todos, juntamente com outros aparelhos Android equipados com o Snapdragon 835 compatível com Gigabit LTE.

Como as operadoras querem promover as suas inovações tecnológicas, a imagem da Apple pode sair prejudicada assim como as vendas de iPhones.

Todos os dias vos trazemos dezenas de notícias sobre o mundo Android em Português. Sigam-nos no Google Notícias. Cliquem aqui e depois em Seguir. Obrigado!