Oficial: Lenovo descontinua linha Vibe para se dedicar aos Moto

Desde da data de aquisição da Motorola em 2014, que o portfólio de smartphones da Lenovo caiu de 30 para os 10 modelos atuais, que vão desde a linha Moto até à linha Vibe. Mas segundo informou Aymar de Lencquesaing, presidente da área móvel da Lenovo, a ideia para 2017 é reduzir ainda mais esse número.
A linha Moto de smartphones será a principal, enquanto a Vibe, num processo gradual, deixará de existir a longo prazo. Os atuais modelos continuarão a ser vendidos e com a devida assistência aos clientes em 2017, apesar de ainda não terem uma data definida para extinguir essa linha em definitivo.

O objetivo será manter a estratégia de mercado da Motorola mais "focada" e fazer frente aos topo de gama como Samsung Galaxy S7 e iPhone 7.
Toda a estrutura de negócios da Lenovo deve mudar para priorizar a divisão de smartphones, procurando estar entre as cinco maiores fabricantes mundiais. Segundo o vice-presidente, a Lenovo/Motorola atualmente ocupa a sexta posição mundial, sem especificar os parâmetros usados.

Relacionado:  Escassez de chips bate recordes e leva mais empresas a cancelarem as suas produções

Um recente balanço da consultora Gartner, informa que as outras cinco seriam nesta ordem: Apple, Samsung, Huawei, Oppo e BBK, a Lenovo caiu do top 5 no primeiro semestre deste ano. Apesar disso, a empresa diz que o negocio de telefonia teve crescimento em mercados emergentes, como Ásia-Pacífico e América Latina.

Todos os dias vos trazemos dezenas de notícias sobre o mundo Android em Português. Sigam-nos no Google Notícias. Cliquem aqui e depois em Seguir. Obrigado!