Android Geek
O maior site de Android em Português

O que alguém pode fazer com más intenções e o vosso número de telefone?

o número de telefone.

Num mundo onde pedimos a grandes empresas de tecnologia como Google e Apple que garantam a nossa segurança e privacidade , em muitas ocasiões somos nós que inconscientemente - ou não -, comprometemos a nossa privacidade, e revelamos constantemente dados pessoais. Não não estamos apenas a falar sobre tudo o que fazemos nas redes sociais, mas muits vezes na Internet partilhamos o que é possivelmente um dos nossos dados mais pessoais: o número de telefone.

Segurança cibernética

Os riscos de revelar nosso número de telefone: são maiores do que se imagina

Há alguns meses, falámos sobre o que um hacker mal intencionado poderia fazer com um número de telefone e poucas centenas de euros e embora possa parecer complicado, a verdade é que, na prática, não é.

Isto é confirmado por um jornalista do The New York Times que queria confirmar em primeira mão, tudo o que podem saber sobre uma pessoa com apenas o número de telefone. Para isso, ele entrou em contato com a Fyde, uma empresa de segurança localizada em Palo Alto (Califórnia), mais especificamente com Emre Tezisci, um dos seus investigadores. Basta colocar o número de telefone do jornalista num diretório público do registo e ele teve acesso ao nome, a data de nascimento, o endereço e até o nome dos parentes. O facto é que, com apenas essa manobra simples e uma pesquisa exaustiva na Internet, uma pessoa ou organização com objetivos duvidosos pode usar todas essas informações para responder a perguntas de segurança, aceder a contas pessoais ou atacar diretamente o utilizador ou seus contactos com golpes de phishing.

Há serviços que cobram apenas 5 dólares por mês para dar acesso a esses registos que são públicos. Em apenas uma hora poderam  localizar:

  • O endereço em que o jornalista mora, o tamanho da sua casa, o custo e os impostos que paga.
  • A morada de onde ele morava anteriormente.
  • Nomes completos dos seus parentes.
  • Número de telefone anterior.
  • Antecedentes criminais.

E se tudo isso puder ser feito por uma empresa dedicada à segurança, basta imaginar o que um cibercriminoso pode fazer.

Então, é seguro partilhar nosso número de telefone?

Resposta complicada, mesmo para especialistas. Por exemplo, muitos sites exigem o nosso número para nos registar, apesar de outros, como bancos, lojas on-line ou o próprio Google, que solicitam que esses dados sejam capazes de usar a verificação por dois fatores, uma ferramenta de segurança que todos deveriam usar.

A única coisa que podemos aconselhar é ter bom senso e que não partilhem os vossos dados pessoais com tanta facilidade para quem os solicita on-line.

Este Website usa cookies para providenciar uma melhor experiência. Pode recusar se desejar. Aceitar Saber Mais