Niantic retira Pokemon GO da Rússia e Bielorussia

A Niantic optou pelo encerramento do jogo nestes países, isto vem no decorrer das inúmeras sanções recentes contra a Rússia. Os adeptos na Rússia e na Bielorrússia já não poderão apanhar o Pokémon nos seus países de origem.

Niantic, a empresa por detrás do Pokémon Go, está a encerrar o jogo na Rússia e Bielorrússia. Isto é um choque para muitos fãs do jogo que o têm vindo a jogar desde o seu lançamento em 2016. A Niantic optou pelo encerramento do jogo nestes países, isto vem no decorrer das inúmeras sanções recentes contra a Rússia. Os adeptos na Rússia e na Bielorrússia já não poderão apanhar o Pokémon nos seus países de origem.

Niantic retira Pokemon GO da Rússia e Bielorussia 1

Após um apelo do vice-primeiro-ministro ucraniano Mykhailo Fedorov para que as empresas de jogos cessassem as operações na Rússia e Bielorrússia na semana passada, Niantic anunciou que iria encerrar o apoio ao Pokémon Go nesses países.

Niantic diz que os downloads do Pokémon Go já foram desactivados nessas regiões, com a jogabilidade definida para ser suspensa “em breve”. A iniciativa de Niantic surge no meio de uma onda de decisões semelhantes de companheiras de jogo que decidiram suspender negócios ou serviços nesses países após a invasão russa da Ucrânia no final do mês passado.

A Sony já suspendeu as vendas tanto de jogos como de consolas na Rússia. A Microsoft suspendeu todas as vendas no país no fim-de-semana passado. A Nintendo suspendeu as vendas de jogos digitais na sua eShop depois de desactivar as transacções em rublos, e mais recentemente anunciou que iria deixar de enviar produtos, incluindo o Switch para a região.

E enquanto algumas editoras de jogos como a Bungie continuam a fornecer um serviço limitado para os seus títulos, continuando a apoiar a versão base gratuita do Destiny 2, os jogadores na Rússia já não têm a capacidade de comprar conteúdo DLC, cosméticos, ou Prata (moeda do jogo do Destiny 2). Entretanto, outras empresas de jogos, incluindo Epic, Ubisoft, CD Projekt Red, Take-Two, EA e outras, deixaram de vender os seus jogos lá inteiramente.

Actualmente, não é claro quanto tempo durará a suspensão do serviço de Niantic na região. Mas com a decisão da empresa de encorajar uma “resolução rápida da violência e do sofrimento na Ucrânia”, não haverá nenhuma captura de monstros em linha via Pokémon Go na Rússia ou Bielorrússia até que algum tipo de acordo de paz possa ser mediado.

Leiam as últimas notícias do mundo da tecnologia no Google News , Facebook  e Twitter e também no nosso Grupo de Telegram
Todos os dias vos trazemos dezenas de notícias sobre o mundo Android em Português. Sigam-nos no Google Notícias. Cliquem aqui e depois em Seguir. Obrigado!