Android Geek
O maior site de Android em Português

NETFLIX. O Justiceiro | Jon Bernthal discute o problema da violência armada nos Estados Unidos

O serviço somou 5,3 milhões novos clientes no trimestre entre julho e setembro, Alcançando os 104 milhões de utilizadores. Agora, surgiram novas informações do Justiceiro | Jon Bernthal discute o problema da violência armada nos Estados Unidos.

A Netflix anunciou recentemente que superou pela primeira vez a marca dos 100 milhões de subscritores. O serviço somou 5,3 milhões novos clientes no trimestre entre julho e setembro, Alcançando os 104 milhões de utilizadores.

Agora, surgiram novas informações do Justiceiro | Jon Bernthal discute o problema da violência armada nos Estados Unidos.

A experiência Netflix é altamente personalizada. Tanto que o serviço de streaming usa um algoritmo baseado em dados de hábitos de visualização do utilizador para saber aquilo em que está mais interessado, a criar géneros específicos e recomendando de maneira exata aquilo de que a pessoa pode gostar.

O Justiceiro | Jon Bernthal discute o problema da violência armada nos Estados Unidos

 

A segunda temporada de O Justiceiro vai chegar num tempo conturbado nos Estados Unidos. Frank Castle utiliza armas de fogo, e o país está sofrendo uma verdadeira epidemia de ataques armados a escolas e outros lugares. Jon Bernthal falou ao site Den of Geek sobre o tema :

“Eu acho que a arte, quando produzida da maneira adequada, é um verdadeiro espelho para a sociedade, e faz os espectadores questionarem seus pré-julgamento. Nós não devemos tentar dar respostas prontas para vocês. Não devemos pregar. Devemos fazer com que todos os espectadores olhem para si mesmos, e conheçam os dois lados do argumento. Uma série como essa ajuda os espectadores a questionarem valores e dogmas presentes no mundo em que vivem”, afirmou o intérprete do Justiceiro.

De acordo com dados de novembro desse ano, só em 2018 aconteceram 307 ataques armados e assassinatos em massa nos Estados Unidos.

“Nós estamos a passar uma fase difícil em nosso país, em que certos elementos da sociedade detém o monopólio do que é ser forte, durão, masculino ou patriótico. Para mim, patriotismo e força é manter a mente aberta. Escutar todos os lados e não se ligar fanaticamente a ideias de bem e mal, certo e errado. Para mim, ser americano é ser aberto para todos os argumentos. Eu realmente fico enojado com a polarização da sociedade”, afirma o ator.

Contando novamente com 13 episódios, a 2ª temporada de O Justiceiro chegará à Netflix em janeiro.

Ainda este ano, a Netflix lançou novas temporadas de Jessica Jones, Punho de Ferro e Demolidor.

Á conta dos seus conteúdos originais, a Netflix recebeu já diversos prémios. Foi o primeiro serviço online a ganhar um Globo de Ouro – em 2014 a atriz Robin Wright venceu a categoria de melhor atriz em drama para televisão. Em 2013, o documentário The Square, uma produção egipto-americana, foi nomeada para Oscar de melhor documentário, mas não venceu.

Mais Netflix no AndroidGeek

Nota: Este lançamento irá ocorrer apenas em determinados mercados e as datas de disponibilização podem diferir entre eles.

Partilhem com os vossos amigos e ajudem este projecto em Português.

Obrigado pela visita!

Este Website usa cookies para providenciar uma melhor experiência. Pode recusar se desejar. Aceitar Saber Mais

Partilhem com os vossos amigos e ajudem este projecto em Português.

Obrigado pela visita!
close-link