Android Geek
O maior site de Android em Português

Leak do futuro SoC da Huawei - Kirin 970 na rede social Weibo

O chipset de nova geração da Huawei o Kirin 970, apareceu em leak na rede social Weibo, com alguns detalhes muito interessantes. O leak de Janeiro mostra que o novo Kirin 970 vai ser construído com o novo processo de 10nm TSMC, e irá chegar sob a forma de um CPU Octa-Core, conta também com banda de Cat.12 LTE. Agora novas informações revelam mais detalhes do SoC Kirin 970, que voltou a aparecer na rede social chinesa Weibo.

Leak do futuro SoC da Huawei - Kirin 970 na rede social Weibo 1

Aqui o novo flaghip da Huawei, o Huawei P10.

De acordo com a fonte da informação, o chipset Hisilicon Kirin 970 vai ser mesmo fabricado usando o processo de FinFET de 10nm TSMC. Este novo processo de 10nm, vem melhorar a geração anterior do Kirin 960, que era fabricado com um processo mais "antigo" de 16nm. O processador é listado como tendo integrado um Cortex A73 ARM, que deverá provavelmente ser uma configuração Octa-Core. A fonte parece sugerir ainda que o novo chipset Kirin 970 vai ser o primeiro com a nova GPU, ARM Heimdallr MP. Finalmente o equipamento vem com todo o suporte de rede, 5 agregações de portador de rede e também um maior suporte de frequências de banda globais.

Leak do futuro SoC da Huawei - Kirin 970 na rede social Weibo 2

Um rumor anterior havia também deixado a indicação de que, o Kirin 970 seria equipado com um CPU Octa-Core com 4 núcleos ARM Cortex-A73 e 4 núcleos ARM Cortex-A53. Esta nova geração de chipsets flagship é também apontada como correr um clock de frequência entre 2.8GHz a 3.0GHz. O Kirin 970 vai ser equipado com Cat.12 LTE de raiz, e vai ser o primeiro SoC da Huawei, a usar o processo de 10nm na fabricação de chipsets. O CPU deverá também vir com bastantes melhoramentos, em consumo de energia, controlo de temperatura e outros aspectos.

Leak do futuro SoC da Huawei - Kirin 970 na rede social Weibo 3

Vamos aguardar com bastante ansiedade por mais informações sobre o Kirin 970, pois a Huawei já demonstrou nas anteriores gerações, que consegue fabricar uns excelentes chipsets que não ficam nada atrás dos Qualcomm ou mesmo dos Exynos da Samsung.

Este Website usa cookies para providenciar uma melhor experiência. Pode recusar se desejar. Aceitar Saber Mais