Android Geek
O maior site de Android em Português

Kirin 1000 a 5nm chegará este ano, Kirin 1100 será lançado em 2021

Mais que isso, os produtos a que este calendário se refere usam a tecnologia de processo de 5 nanômetros, ou seja topos de gama. O lançamento de pequenos lotes começa já este ano e as primeiras soluções para smartphones serão os Chipsets Apple A14 / A14X e Huawei Kirin 1000.

Um cronograma que mostra alegadamente que produtos e datas em que serão produzidos pela TSMC surgiu Online. Mais que isso, os produtos a que este calendário se refere usam a tecnologia de processo de 5 nanômetros, ou seja topos de gama. O lançamento de pequenos lotes começa já este ano e as primeiras soluções para smartphones serão os Chipsets Apple A14 / A14X e Huawei Kirin 1000. Mas no próximo ano, a produção começa em larga escala desde CPUs, SoCs e GPUs, tudo com o processo de fabrico de 5 nm N5.

Kirin 1000 a 5nm chegará este ano, Kirin 1100 será lançado em 2021 1

O Kirin 1000 com 5nm chegará este ano, O Kirin 1100 será lançado em 2021

Kirin 1000 a 5nm chegará este ano, Kirin 1100 será lançado em 2021 2

De acordo com o cronograma, no próximo ano, haverá pelo menos quatro SoCs para smartphones usando a tecnologia de processo de 5 nm: Qualcomm Snapdragon 875 com modem incluído 5G Snapdragon X60, Apple A15, Kirin 1100 da Huawei e MediaTek Dimensity 2000. Para desktop, os processadores terão uma CPU AMD baseada na arquitetura Zen 4. Quanto à lista de placas gráficas parece também muito interessante. Em 2021 veremos modelos AMD em RDNA 3, GPUs Nvidia baseadas na arquitetura Hopper e até GPUs Intel Xe de 5nm!

Os analistas esperam que a receita da TSMC com a produção de 5nm serão cerca de 10% do total neste ano e, no próximo ano, subirá até 25-30%. O que está previsto depois da tecnologia de processo N5 de 5 nm, a empresa mudará para um N5 + de 5 nm mais avançado. Isso acontecerá em 2022.

Ao que parece a TSMC aproveitará ao máximo o avanço na gravação em 5 nm, em termos de rendimento e capacidade de produção, para angariar o máximo de clientes, como já havia feito com a tecnologia de 7 nm.

De acordo com a informação disponível mais recente, o governo de Trump está a tentar convencer fabricantes de Chipsets, onde se incluem Intel e TSMC, a construir fábricas nos EUA. Essa medida ajudará os EUA a reduzir a sua dependência das importações asiáticas. Além disso, a informação disponível afirma que algumas autoridades do governo dos EUA também estão a tentar persuadir a Samsung a expandir-se no mercado nos EUA e a produzir nos EUA Chipsets mais avançados.

 

Todos os dias vos trazemos dezenas de notícias sobre o mundo Android em Português. Sigam-nos no Google Notícias. Cliquem aqui e depois em Seguir. Obrigado!