Honor V40 será o primeiro depois da venda da empresa

De acordo com um conhecido Blogger da rede social chinesa Weibo, a primeira máquina nova após a reorganização da Honor terá o nome de código YORK, modelo YOK-AN10, o nome comercial deve ser Honor V40. Este modelo, deveria ser dividido em duas versões uma com processador Kirin e outra MediaTek, mas agora a Honor deve abdicar da versão Kirin e lançar apenas a versão MediaTek.

Embora a Honor tenha sido separada da Huawei, mas isso não ter afetado o lançamento de novas máquinas, a Honor atualizará em breve a sua linha de produtos da série V, denominada Honor série V40.

De acordo com um conhecido Blogger da rede social chinesa Weibo, a primeira máquina nova após a reorganização da Honor terá o nome de código YORK, modelo YOK-AN10, o nome comercial deve ser Honor V40. Este modelo, deveria ser dividido em duas versões uma com processador Kirin e outra MediaTek, mas agora a Honor deve abdicar da versão Kirin e lançar apenas a versão MediaTek.

Honra V40 YORK | Modelo NO-AN10
Honor V40 será o primeiro depois da venda da empresa 2

Se a notícia for verdade, isso significa que a série Honor V40 virá equipada com processadores MediaTek, mais especificamente o Dimensity 1000+, ou o novo MediaTek SoC 6893.

O novo SoC da MediaTek, que foi revelado anteriormente pelo Benchmark AnTuTu, não deve ser anunciado por enquanto, e a CPU apresenta um Cortex-A78 quad-core com um design Cortex-A55 quad-core, com uma GPU Mali-G77 e um número desconhecido de núcleos.

A pontuação total desta máquina de teste é 622409 pontos, dos quais a pontuação da CPU é 175351, a pontuação da GPU é 235175, a pontuação MEM é 123535 e a pontuação UX é 88348. Considerando que é uma máquina de teste, a pontuação actual em execução não representa o desempenho final do SoC, e deve haver mais melhorias no futuro.

Relacionado:  Realme GT 5G com data de lançamento na Europa confirmada - Portugal incluído

Fonte

 

Todos os dias vos trazemos dezenas de notícias sobre o mundo Android em Português. Sigam-nos no Google Notícias. Cliquem aqui e depois em Seguir. Obrigado!