Google revela novos recursos que estão a chegar ao YouTube Music

YouTube Music tem muito papinha para comer se o Google quiser que o seu serviço de streaming de música compita com sucesso com Spotify, Apple Music e até o Google Play Music. Obviamente, isso não é mau, embora a regularidade com que essas melhorias estão a chegar ao YouTube Music deixem algo a desejar.

Google revela novos recursos que estão a chegar ao YouTube Music image

A boa notícia é que o Google decidiu aumentar o ritmo e trazer as principais atualizações para o YouTube Music o mais rápido possível. Em um anúncio recente visto por AndroidCentral, O Google lista vários recursos que o YouTube Music receberá nas próximas semanas.

  • Melhor qualidade de áudio e capacidade de selecionar qualidade para download e streaming;
  • Suporte a Sonos;
  • suporte automático Android
  • Suporte para cartão SD para Android;
  • Opções mais óbvias de reprodução aleatória versus ordem de reprodução para listas de reprodução.

Dos cinco novos recursos listados acima, somente o suporte a cartões SD para Android está a serlançado agora, enquanto o restante provavelmente estará disponível em breve. Além disso, o Google confirmou que eventualmente permitirá que os utilizadores do YouTube Music transfiram músicas directamente do Google Play Music.

Google Play Music irá desaparecer em favor do Youtube Music

Esta nova versão da sua aplicação chegou para concorrer com o Spotify ou mesmo com o Apple Music, já pode ser assinado de forma independente, e começou a ser oficialmente disponibilizado na passada terça-feira, dia 22. Apesar de não ser um serviço que irá inicialmente ser disponibilizado para todos os mercados, uma grande duvida ficou no ar: o que aconteceria ao Google Play Music?

Google revela novos recursos que estão a chegar ao YouTube Music image

Inicialmente, a Google informou que o Play Music iria permanecer sem qualquer alteração. Isto porque na semana anterior, o gigante das pesquisas tinha informado que para que os seus assinantes tivessem acesso ao YouTube Music, tinham de desembolsar o mesmo valor que pagariam atualmente pelo serviço. E se os utilizadores tivessem interessados, a empresa garantia que as músicas compradas e enviadas para o Play Music, tal como as listas criadas, passariam a ficar disponiveis no Youtube Music. E isto tudo, sempre a pedido de utilizador, e nunca como a ser uma imposição.

Mas parece que afinal não vai ser bem assim. Segundo as informações do ArsTechnica, embora a empresa tenha afirmado aos clientes do Google Play Music que nada iria mudar em relação ao serviço, o gestor de produto da Google para o YouTube Music e do Google Play Music, Elias Roman, confirmou em entrevista que o objetivo é migrar os assinantes do Play Music para o Youtube Music, já a partir de 2019.

 

Fonte

Partilhar é importante, mostra este artigo aos teus amigos!

Obrigado, ficamos a dever-te uma 😉


Fique atento à nossa página do Facebook e Twitter para obter as notícias em primeira mão.

Partilhar é importante, mostra este artigo aos teus amigos!

Obrigado, ficamos a dever-te uma ;)
close-link

Achou interessante?

Partilhe com os seus amigos