Google prepara recurso para ocultar o seu IP no Chrome

Descubra como o Google Chrome está a melhorar a privacidade online com a sua nova funcionalidade de Proteção de IP. Essa inovação visa proteger os endereços IP dos utilizadores por meio de servidores proxy.

Como o Google Chrome está a melhorar a privacidade online com a proteção de IP

O Google Chrome sempre foi amplamente utilizado como navegador da web, mas não era a escolha preferida quando se tratava de segurança e privacidade do utilizador. Alternativas como Brave e Firefox eram conhecidos por oferecer recursos de privacidade mais avançados. No entanto, parece que o Google está finalmente a responder às procuras dos utilizadores por melhorias na privacidade. Descubra como o Google Chrome está a melhorar a privacidade online com a sua nova função de proteção de IP.

Google prepara recurso para ocultar o seu IP no Chrome 1

A importância da proteção de IP

O nosso endereço de IP é um identificador fundamental do nosso dispositivo e localização, e pode representar um risco significativo à segurança se usado de forma indevida. Os endereços de IP são usados por sites e serviços online para rastrear o comportamento do utilizador e criar perfis digitais que são usados para publicidade direcionada. Isto levanta sérias preocupações de privacidade, pois burlar esse rastreamento sem o uso de ferramentas de terceiros não é tão simples quanto lidar com cookies de terceiros.

A solução do Google

O Google reconhece a necessidade de equilibrar a privacidade do utilizador com as funcionalidades essenciais ao navegar na web. A sua solução envolve disfarçar o endereço de IP do utilizador redirecionando o tráfego de domínios de terceiros específicos por meio de servidores proxy, tornando efetivamente o endereço de IP invisível para esses domínios. É importante salientar que os endereços de IP desempenham papéis cruciais no roteamento de tráfego, prevenção de fraudes e diversas outras funções. Portanto, o Google projetou um sistema que impede o rastreamento enquanto preserva as funções críticas dos endereços de IP.

Google prepara recurso para ocultar o seu IP no Chrome 2

A função de proteção de IP

Essa nova função, anteriormente conhecida como ‘Gnatcatcher’, faz parte do conjunto de ferramentas ‘The Privacy Sandbox’ do Google. O seu objetivo é proteger os utilizadores contra o rastreamento entre sites por meio de endereços de IP. Inicialmente, o uso deste proxy será opcional para os utilizadores, e a sua implementação ocorrerá gradualmente. O Google pretende adotar uma abordagem por fases, garantindo que cada região se adapte a essa inovação no seu próprio ritmo. Inicialmente, apenas os domínios dentro de contextos de terceiros serão afetados, com foco em domínios conhecidos por rastreamento.

Vai gostar de saber:  Qualcomm revoluciona atualizações no Android: saiba tudo!

A fase inicial

A primeira fase envolverá o Google a direcionar solicitações exclusivamente para os seus próprios domínios por meio de um proxy proprietário. Esta configuração permite que o Google teste a infraestrutura do sistema e avalie abrangentemente a lista de domínios. Inicialmente, apenas utilizadores com uma conta do Google Chrome e endereços de IP nos Estados Unidos terão acesso a estes servidores proxy. Um número limitado de utilizadores participará da fase de testes, e o sistema deverá evoluir à medida que os testes avançarem.

Google prepara recurso para ocultar o seu IP no Chrome 3

Segurança e preocupações

No entanto, existem riscos de segurança potenciais associados a essa função. Atacantes podem comprometer um servidor proxy do Google e observar e manipular todo o tráfego que passa por ele. Além disso, a proteção de IP pode dificultar o bloqueio de ataques de negação de serviço (DDoS) e a detecção de tráfego inválido por parte de serviços de proteção contra fraude. Para lidar com essas preocupações, o Google está a considerar a exigência de autenticação dos utilizadores desta função, tornando mais difícil para servidores proxy vincular solicitações da web a contas específicas. O Google também está a analisar a implementação de limitações para prevenir ataques de DDoS e garantir que a segurança do utilizador seja uma prioridade.

Conclusão

É animador ver o Google Chrome tomar medidas para melhorar a privacidade online dos utilizadores com a função de proteção de IP. Embora ainda esteja em fase de testes e não esteja disponível para o público em geral, esta nova funcionalidade promete ser um avanço significativo na proteção da privacidade do utilizador. À medida que o Google continua a melhorar esta função e abordar as preocupações de segurança, esperamos que ela seja lançada em breve para que todos possam desfrutar de uma experiência de navegação mais segura e privada.

Para mais notícias e atualizações sobre tecnologia, não deixe de acompanhar o AndroidGeek.

Fonte

Leiam as últimas notícias do mundo da tecnologia no Google News , Facebook  e Twitter e também no nosso Grupo de Telegram
Todos os dias vos trazemos dezenas de notícias sobre o mundo Android em Português. Sigam-nos no Google Notícias. Cliquem aqui e depois em Seguir. Obrigado!