Android Geek
O maior site de Android em Português

Google anuncia Stadia, uma plataforma de jogos baseada em nuvem

A plataforma é uma infraestrutura baseada em nuvem na qual os programadores de jogos poderiam escrever e desenvolver jogos para serem executados diretamente no hardware do Google em data centers. Isso abre a possibilidade de jogos baseados na nuvem que tecnicamente “transmitem” o jogo para um ecrã à nossa escolha.

A Google revelou a sua mais nova plataforma: Stadia - a forma plural da palavra "Stadium". A plataforma é uma infraestrutura baseada em nuvem na qual os programadores de jogos poderiam escrever e desenvolver jogos para serem executados diretamente no hardware do Google em data centers. Isso abre a possibilidade de jogos baseados na nuvem que tecnicamente “transmitem” o jogo para um ecrã à nossa escolha.

 

A Stadia vai levantar restrições sobre os jogos que criamos e jogamos - e as comunidades que os jogam.

O Google diz que Stadia vai acabar com as limitações de hardware de PCs e consolas de videojogos. Em vez disso, os jogos irão correr na rede global de data centers do Google, com o poder de computação infinito que a empresa tem à sua disposição. O Google alega que os programadores de jogos deixarão de estar presos a limitações de computação e poderão criar jogos com "recursos quase ilimitados".

O Google também lançará um controlador de jogo para usar com o seu serviço chamado controlador Stadia. É bonito e tem um botão de captura de ecrã dedicado, um atalho Google Assistant e um microfone embutido. O controlador tem dois joysticks, quatro botões de acção, um controlo direcional em tamanho grande e dois botões laterais.

Google anuncia Stadia, uma plataforma de jogos baseada em nuvem 1

Controlador do Google Stadia

Numa declaração ao site Kotaku, O Google descreve as possíveis saídas de resolução e framerate. Para referência, o Google demonstrou o Assasin’s Creed Odyssey no Project Stream e rodava a 1080p e 60 fps com uma conexão de 25Mbps.

Quando a Stadia for lançada ainda este ano, esperamos poder fornecer 4K 60 fps com aproximadamente os mesmos requisitos de largura de banda.

O que o Google não menciona é como abordará a latência da Internet - que é o atraso entre o momento em que os dados são transmitidos e o momento em que a instrução para os dados começa a ser executada. Dependendo da conexão com a internet do utilizador, alguns jogadores podem sentir mais lentidão de entrada do que outros. O controlador será ligado diretamente à internet via Wi-Fi, Mas isso será suficiente para reduzir a latência?

Problemas técnicos à parte, isto parece um sonho. O Google pretende que as pessoas comecem a jogar com um controlador dedicado em questão de segundos - já que o jogo é streaming, não há downloads. Fica a dúvida se o Google conseguirá atrair programadores de títulos de jogos AAA e daqui a quanto tempo no futuro será possível um jogo Stadia ser tão bom quanto um de consola.

Essa parece ser a intenção do Google: fazer com que mais pessoas joguem jogos. Tudo por um preço.

Fonte | Através da

 

Este Website usa cookies para providenciar uma melhor experiência. Pode recusar se desejar. Aceitar Saber Mais