Android Geek
O maior site de Android em Português

Galaxy P30 (série P) pode ser uma fantasia que nunca será real

Há algumas semanas, um rumor apareceu on-line, que sugeria que a Samsung tinha planos de lançar uma nova série Galaxy P na China. De seguida surgiu a informação que o primeiro dispositivo seria chamado de Galaxy P1 e que suportaria a digitalização de impressões digitais no ecrã,  tornando-o o primeiro desse tipo na Samsung.

Há algumas semanas, um rumor apareceu on-line, que sugeria que a Samsung tinha planos de lançar uma nova série Galaxy P na China. De seguida surgiu a informação que o primeiro dispositivo seria chamado de Galaxy P1 e que suportaria a digitalização de impressões digitais no ecrã,  tornando-o o primeiro desse tipo na Samsung. Há alguns dias, outro boato apontou que este dispositivo seria de facto, chamado de Galaxy P30, mas não teria um scanner de impressões digitais no display como relatado anteriormente.

Galaxy P30 (série P) pode ser uma fantasia que nunca será real 1

Agora, novas informações acabaram de surgir, adicionando ainda mais confusão a toda a história, com alegações de que, tudo o que ouvimos e  lemos sobre o Galaxy P30 são simplesmente mentira.

A última declaração vem de uma fonte que tem uma percentagem de acerto relativamente aos equipamentos Samsung considerável (IceUniverse). Este com um histórico muito melhor sobre dispositivos Samsung em comparação com o MMDDJ que (sem dúvida) foi quem iniciou a história sobre a alegada série Galaxy P, é difícil encontrar um ponto em comum aqui.

Foi alegado que o Galaxy P30 seria lançado no quarto trimestre de 2018 e que seria um telefone exclusivo da China equipado com um processador Qualcomm Snapdragon 720, 6 GB de RAM e 128 GB de armazenamento, mas alguém estava errado. Ou talvez alguém propositadamente esteve errado.

A informação que veiculamos aqui no AndroidGeek vem sempre de contactos internos com as marcas ou relatos de fontes que consideramos de alguma forma credíveis. Neste caso fomos enganados por uma fonte que anteriormente forneceu informações acertadas.

A ver vamos quem tem razão.

Fonte

Ajuda-nos a chegar mais longe, partilha com os teus amigos

Obrigado pela visita!

Este Website usa cookies para providenciar uma melhor experiência. Pode recusar se desejar. Aceitar Saber Mais

Ajuda-nos a chegar mais longe, partilha com os teus amigos

Obrigado pela visita!
close-link