Android Geek
O maior site de Android em Português

Fusão Nokia e Alcatel-Lucent a 14 de Janeiro abana mercados

Será que isto abre a porta a que vejamos equipamentos criados em parceria pelas duas empresas? E correrão Windows ou Android?

A escalada evolutiva de empresas como a Huawei e Ericsson na indústria de telecomunicações móveis obrigou a Alcatel-Lucent e a Nokia a uma jogada arrojada.
Segundo a empresa finlandesa a Nokia e a Alcatel-Lucent transformam-se numa empresa só a 14 de Janeiro, data em que iniciam operações conjuntas.

Esta fusão já tinha sido aprovada pelos reguladores de concorrência europeus e norte-americanos, faltando apenas a validação da entidade reguladora Francesa (AMF), a divisão de poderes após esta fusão fica assim: a companhia finlandesa passará, por agora, a deter 79,32% do capital e 78,97% dos direitos de voto da Alcatel-Lucent.

"Vamos mover-nos rapidamente para juntar a duas empresas e executar os nossos planos de integração. Teremos uma capacidade de I&D e de inovação inigualáveis, que usaremos para liderar na criação de tecnologia e serviços de nova geração",

Afirmou o presidente e CEO da Nokia, Rajeev Suri, em comunicado.

O investimento para esta fusão foi de 15,6 mil milhões de euros por parte da Nokia para assumir o controlo da rival Alcatel-Lucent. A nova entidade que resulta desta fusão irá chamar-se Nokia Corporation e terá sede na Finlândia , os objectivos imediatos desta fusão serão competir no mercado dos equipamentos móveis com os gigantes Ericsson e Huawei, e apostar no desenvolvimento de tecnologias associadas ao 5G, aplicações na cloud, software de redes ou sensores.

Será que isto abre a porta a que vejamos equipamentos criados em parceria pelas duas empresas? E correrão Windows ou Android?

FONTE

Este Website usa cookies para providenciar uma melhor experiência. Pode recusar se desejar. Aceitar Saber Mais