Face ID nao funcional leva a agressão agravada em Apple Store

Um homem tailandês de 23 anos chamado Kritpan Kitjit foi acusado de “Agressão Agravada depois de dar um soco na cara de uma vendedora da Apple numa loja da Studio7 em Bangcok. A funcionária, Saijai Trinech, de 30 anos, foi abordada por Kitjit, que solicitou um novo IPhone X depois de afirmar que o recurso Face ID não estava a funcionar na sua unidade.

Um homem tailandês de 23 anos chamado Kritpan Kitjit foi acusado de “Agressão Agravada depois de dar um soco na cara de uma vendedora da Apple numa loja da Studio7 em Bangcok. A funcionária, Saijai Trinech, de 30 anos, foi abordada por Kitjit, que solicitou um novo IPhone X depois de afirmar que o recurso Face ID não estava a funcionar na sua unidade.

Os funcionários da loja examinaram o  iPhone X do senhor Kitjit's e concluiram que não havia nada errado com a TrueDepth Camera do seu telefone. Como resultado, a loja negou a solicitação do cliente de atribuição de um novo modelo, embora se oferecessem para enviar o dispositivo à Apple para testes adicionais. Kitjit respondeu atacando o representante, que estava a impoedir que ele entrasse na sala de componentes da loja.

Kitjit foi multado em US $ 150 e foi condenado a pagar à vítima US $ 1.500. Enquanto isso, o vídeo foi partilhado mais de 1,4 milhões de vezes no Facebook.

Relacionado:  Samsung finalmente abre inscrições para One UI 4.0 beta em sete países

A Apple atualmente não tem uma loja da Apple em Bangcok, mas planeia abrir uma no final deste ano.

 

Fonte : Facebook via Coconuts

Leiam as últimas notícias do mundo da tecnologia no Google News , Facebook  e Twitter e também no nosso Grupo de Telegram
Todos os dias vos trazemos dezenas de notícias sobre o mundo Android em Português. Sigam-nos no Google Notícias. Cliquem aqui e depois em Seguir. Obrigado!