Android Geek
O maior site de Android em Português

Parece que a Sony anda a preparar um telefone dobrável com um ecrã rolante retrátil

De acordo com o tweet, os protótipos que estão a ser construídos pela empresa estão equipados com um display LG, uma câmara com zoom de 10x e uma bateria de 3220mAh. Esta bateria parece estar longe do ideal, mas a Sony está a trabalhar em protótipos de momento.

Os outros fabricantes de telefones desenvolvem os seus próprios dobráveis ​​estão a obervar a Samsung e Huawei atentamente, um tweet de uma fonte (através da MSPoweruser) com o nome de Max J. diz que a Sony também está a trabalhar no seu próprio dispositivo dobrável. De acordo com o tweet, os protótipos que estão a ser construídos pela empresa estão equipados com um display LG, uma câmara com zoom de 10x e uma bateria de 3220mAh. Esta bateria parece estar longe do ideal, mas a Sony está a trabalhar em protótipos de momento.

Por exemplo, o Snapdragon 7250 SoC de gama média está a ser usado nos modelos de teste, embora se espere que o foldable use um Snapdragon 855 Mobile Platform e o modem Snapdragon X50 5G. Sim, o dobrável da Sony suportará conectividade 5G.

O dobrável da Sony aparentemente terá um ecrã retrátil

Ao contrário do Galaxy Fold ou Mate X, o tweet observa que o dobrável da Sony usará um design Nautilus. Isso significa que poderia usar o fator de forma de apresentação retrátil semelhante ao que Samsung incluída nas ilustrações de uma patente que registou recentemente. Em 2016, a Samsung também usou para ecrã um protótipo  OLED rolável. A patente mencionada com trilhos para ajudar o utilizador a expandir um display de smartphone, puxando em ambos os lados do dispositivo. Isso transformaria um smartphone num tablet. Supondo que não haja contratempos, o informador observa que o foldable da Sony talvez venha a ser lançado no final de dezembro de 2019, ou no início do próximo ano.

O dobrável da Sony aparentemente terá um ecrã retrátil
O dobrável da Sony aparentemente terá um ecrã retrátil

Uma imagem da patente da Samsung para um telefone dobrável usando uma tela rolávelQualquer telefone rolável retrátil teria que lidar com detritos e poeira. Como a Samsung descobriu com o Galaxy Fold, basta um pequeno pedaço de material estranho entrar através de uma abertura e pode haver problemas. Um analista encontrou uma protuberância no ecrã interno da sua unidade de análise Galaxy Fold depois de detritos terem sido sugados para dentro do dispositivo através de uma abertura na dobradiça.

A Samsung reduziu o tamanho dessa lacuna para evitar que isso aconteça novamente.

A produção de um dispositivo dobrável por parte da Sony agora pode parecer estranho para uma empresa que está a perder dinheiro há muito tempo com a sua divisão móvel, mas esse é um negócio em que a Sony quer ter sucesso. Como resultado, se essa fuga de informação for legítima, a empresa japonesa prepara-se para deixar (mais) uma marca na indústria.

Fonte

Este Website usa cookies para providenciar uma melhor experiência. Pode recusar se desejar. Aceitar Saber Mais