Android Geek
O maior site de Android em Português

Até o maior rival da Huawei é contra as sanções dos EUA

Os EUA não satisfeitos em banir a Huawei das suas redes também têm pressionado os países aliados para banir o uso da infraestrutura da Huawei para redes 5G. A Ericsson diz que um bloqueio á Huawei vai atrasar o 5G Um dos maiores rivais da Huawei no espaço de infraestrutura manifestou-se contra a recente proibição na Suécia.

Como se não fosse díficil para qualquer marca (ou individuo) lidar com uma pandemia mundial e uma inevitável crise económica, a Huawei  teve que lidar com agressivas sanções americanas  no último ano, estas sanções tiveram maior impacto na sua divisão de tecnologia móvel e negócios de infraestrutura de rede.

Os EUA não satisfeitos em banir a Huawei das suas redes também têm pressionado os países aliados para banir o uso da infraestrutura da Huawei para redes 5G.

Até o maior rival da Huawei é contra as sanções dos EUA 1

Ericsson diz que um bloqueio á Huawei vai atrasar o 5G

Um dos maiores rivais da Huawei no espaço de infraestrutura manifestou-se contra a recente proibição na Suécia. O CEO da Ericsson, Borje Ekholm, disse ao Financial Times que a proibição no país de origem da Ericsson restringe a livre concorrência e resultará num atraso para o 5G.

“Eu pertenço àquela categoria que acredita que a concorrência nos torna uma empresa melhor no longo prazo. Pode ser doloroso a curto prazo, mas a longo prazo torna-nos mais inovadores e a fazer produtos melhores para os nossos clientes ”, disse Ekholm, ao mesmo tempo em que observou que competia“ fortemente ”com a Huawei, mas também colaboravam nos padrões de rede.

Relacionado:  SoC do próximo Samsung Galaxy A42 5G revelado pelo... Google

O CEO da Ericsson também sugeriu que a Europa corre o risco de ficar para trás se não conseguir uma implementação rápida de 5G.

“Pensem no 4G - o debate na Europa era: qual é a aplicação prática? Os americanos e chineses lançaram o 4G mais rápido e a economia das aplicações para os consumidores agora é dominada por empresas americanas e chinesas ”, disse Ekholm. “5G vai ser o mesmo, mas para as empresas. Retardar a implementação do 5G é um risco para a economia. A Europa corre o risco de ficar para trás novamente. ”

Os comentários foram feitos algumas semanas Depois da Suécia proibir o uso da infraestrutura da Huawei para redes 5G, alegando “extensa recolha de dados e roubo de tecnologia”.

Ekholm observou que as redes móveis têm que ser cada vez mais e compreensivelmente sujeitas ao escrutínio da segurança nacional. No entanto, afirmou que a Suécia se afastou da política da UE em redes 5G, que exige um equilíbrio entre segurança e concorrência.

 

Fonte

Todos os dias vos trazemos dezenas de notícias sobre o mundo Android em Português. Sigam-nos no Google Notícias. Cliquem aqui e depois em Seguir. Obrigado!