Android Geek
O maior site de Android em Português

Aplicação Samsung Device Care envia dados para a China, mas é suposto

Embora o autor tenha reconhecido que a afirmação é sensacionalista, diz que é a verdade. O alegado problema está relacionado com a aplicação Samsung Device Care, que vem pré-instalada como parte da base Android da empresa e não pode ser removido pelo utilizador.

Há alguns dias, uma publicação no Reddit alarmou a todos quando surgiram alegações que há spyware chinês pré-instalado em todos os telefones Samsung. Embora o autor tenha reconhecido que a afirmação é sensacionalista, diz que é a verdade.

O alegado problema está relacionado com a aplicação Samsung Device Care, que vem pré-instalada como parte da base Android da empresa e não pode ser removido pelo utilizador.

O utilizador que fez a publicação no Reddit descobriu um tráfego estranho proveniente do scanner de armazenamento do Device Care, que procura arquivos indesejados que podem ser excluídos para arranjar espaço.

Esse scanner estava a enviar dados de volta a domínios chineses - e como os scanners de armazenamento geralmente precisam aceder a todos os arquivos do equipamento, os dados podem incluir quase tudo. A explicação imediata na publicação não era totalmente tranquilizadora.

O utilitário foi desenvolvido em colaboração com a empresa Qihoo 360, mas não estava claro quais são os dados estavam a ser enviados à Qihoo e por quê, o que levou o Redditor a assumir que se tratava de spyware. A Samsung diz que a verdade é menos alarmante do que parece.

Relacionado:  Google quer atualizar funções e trazer mais segurança na app Telefone do Android

A gigante sul-coreana diz que os únicos dados enviados ao Qihoo são informações genéricas necessárias para otimizar o armazenamento, o que geralmente inclui Versão do SO, modelo de telefone e capacidade de armazenamento, entre outros dados.

A Samsung acrescenta que a principal contribuição do Qihoo é uma biblioteca de referência para identificar arquivos indesejados, mas essa biblioteca é armazenada localmente no utilitário, e a empresa nunca recebe dados que permitam identificar um arquivo específico no dispositivo de um utilizador.

(Fontes - 1 1, 2)

 

Todos os dias vos trazemos dezenas de notícias sobre o mundo Android em Português. Sigam-nos no Google Notícias. Cliquem aqui e depois em Seguir. Obrigado!