Android Geek
O maior site de Android em Português

Alphabet (Google) regista receita de US $ 40,49 mil mihões no terceiro trimestre de 2019

A empresa de Mountain View regista, portanto, uma faturação de US $ 40,49 mil milhões entre o início de julho e o final de setembro.

A Alphabet, empresa controladora do Google, acaba de divulgar seus resultados financeiros para o terceiro trimestre de 2019. A gigante americana apresenta números difíceis de apreender para o cérebro humano. A empresa de Mountain View regista, portanto, uma faturação de US $ 40,49 mil milhões entre o início de julho e o final de setembro. Isso representa um aumento de 20% em relação ao mesmo período do ano passado.

Alphabet (Google) regista receita de US $ 40,49 mil mihões no terceiro trimestre de 2019 1

O lucro operacional, pela sua vez, é muito menos relevante, mas permanece nuns impressionantes 9,17 mil milhões de dólares. A Alphabet, no entanto, considerando o seu lucro líquido de US $ 7,06 mil milhões regista uma descréscimo de 23,1% em relação ao mesmo período do ano passado.

Alphabet (Google) regista receita de US $ 40,49 mil mihões no terceiro trimestre de 2019 2

Apesar disso, a Alphabet surpreende com os seus bons resultados financeiros. No terceiro trimestre de 2019, houve 941 milhões de dólares de déficit que foram gerados por projectos arriscados. Mas, como vimos acima, essa perda não tem grande impacto nas finanças da Alphabet.Alphabet (Google) regista receita de US $ 40,49 mil mihões no terceiro trimestre de 2019 3

Alphabet (Google) regista receita de US $ 40,49 mil mihões no terceiro trimestre de 2019 4

“O nosso esforço para construir uma solução Google mais útil para todos traz inúmeras oportunidades para ajudar utilizadores, parceiros e clientes corporativos todos os dias ”, disse Sundar Pichai, CEO do Google.

“Estou extremamente satisfeito com o progresso que fizemos em todas as áreas durante o terceiro trimestre. Sejam nossos avanços recentes em pesquisa e computação quântica. Ou o forte crescimento de nossas receitas alimentado pela pesquisa móvel, YouTube e nuvem. ”, Disse Sundar Pichai, chefe do Google.

 

Fonte

Este Website usa cookies para providenciar uma melhor experiência. Pode recusar se desejar. Aceitar Saber Mais