Adeus espelhos retrovisores: no futuro todos teremos câmaras no carro

Parece que as câmaras vieram para ficar. A versão mais difundida relacionada com a origem do espelho retrovisor diz que Levitt escreveu no seu livro “A Mulher e o Carro”:

Dizem que o primeiro espelho retrovisor de um veículo data de 1903 e que a sua inventora foi uma mulher, Dorothy Levitt, que foi também a primeira mulher a ganhar uma corrida de carros. Mais de cem anos depois e sem ter mudado substancialmente, o futuro do espelho retrovisor está tremido. Parece que as câmaras vieram para ficar.

A versão mais difundida relacionada com a origem do espelho retrovisor diz que Levitt escreveu no seu livro “A Mulher e o Carro”: Um Pequeno Manual para o Motorista Eduardiano”: “as mulheres devem colocar um pequeno espelho retrovisor de mão num lugar conveniente no carro e levantá-lo de vez em quando, para que possam olhar para trás”.

Dorothy Levitt em Brighton (1905) [via Wikimedia Commons]
Dorothy Levitt em Brighton (1905) [via Wikimedia Commons]

O tempo provou que o Levitt estava certa e, desde então, o espelho retrovisor tem sido um elemento essencial para a condução. No entanto, há referências sobre o espelho retrovisor em civilizações tão antigas como as egípcias. A presença do espelho retrovisor é obrigatória para a condução e, embora legalmente só seja necessário o que se encontra na porta do condutor e no interior, é difícil imaginar um carro sem este elemento também na porta do passageiro.

Adeus espelhos retrovisores: no futuro todos teremos câmaras no carro 1

O futuro do espelho retrovisor está em causa?

Apesar de se ter tornado uma obrigação na maioria dos veículos (e mesmo aconselhável em outros, tais como bicicletas), o desenvolvimento que as câmaras registaram nos últimos anos e, sobretudo, as capacidades técnicas de reprodução em tempo real das imagens capturadas permitiram que o espelho retrovisor fosse substituído por uma câmara.

Vai gostar de saber:  Lista de dispositivos compatíveis com o recurso RAM Plus da Samsung

Adeus espelhos retrovisores: no futuro todos teremos câmaras no carro 2

O primeiro modelo a ser lançado em que os espelhos foram substituídos por câmaras foi o Lexus ES em 2018, mas esta opção foi relegada para o mercado japonês. Na Europa, foi o Audi e-tron que foi o primeiro veículo a substituir os espelhos por este novo sistema. Desde então, temos visto a sua implementação noutros modelos. Primeiro como uma opção alternativa ao espelho interior, com uma escolha entre o espelho tradicional ou modo ecrã, e mais tarde como um substituto para todos os espelhos exteriores, como no caso do Honda e.

Por enquanto, este salto tecnológico também envolve um risco para o fabricante, mas as vantagens deste sistema são óbvias tanto em termos de segurança como em termos de eficiência energética.

Leiam as últimas notícias do mundo da tecnologia no Google News , Facebook  e Twitter e também no nosso Grupo de Telegram
Todos os dias vos trazemos dezenas de notícias sobre o mundo Android em Português. Sigam-nos no Google Notícias. Cliquem aqui e depois em Seguir. Obrigado!
Deixe um comentário