Android Geek
O maior site de Android em Português

Samsung usou indevidamente tecnologia proprietária da Huawei e é condenada em tribunal

A Huawei emerge vitoriosa em um processo de violação de patente contra a Samsung. Como parte da decisão, a Samsung deve parar o fabrico e venda dos dispositivos prevaricadores.

A Huawei emergiu vitoriosa em um processo de violação de patente contra a Samsung. Como parte da decisão, a Samsung deve parar o fabrico e venda dos dispositivos prevaricadores. As empresas estão em processos de patentes entre si desde 2016. As batalhas legais da Samsung contra a Apple podem ter sido memoráveis, mas uma ação judicial que o fabricante sul-coreano deseja esquecer é o processo por violação de patente que acabou de perder contra o fabricante chinês Huawei.

Em 2016, a Huawei apresentou várias ações judiciais de patente nos EUA e na China e alegou que a Samsung usou a sua tecnologia e patentes de software sem licença. Mesmo que se acreditasse que a Huawei queria compensação monetária  pelo suposto uso sem licença da Samsung, a BBC informou que a Huawei queria sim um acordo para usar a tecnologia da Samsung, era justo.

É a primeira vez que uma empresa chinesa apresentou uma ação judicial contra a Samsung, um cenário algo incomum, tendo em conta que as empresas chinesas costumam ser as Processadas. Mas A Huawei não é uma chinesa qualquer.

Infelizmente para  a Samsung, não estava no lado correcto da história, uma vez que um tribunal chinês recentemente decidiu a favor da Huawei. O site Phys.org informa que o juiz de Shenzhen decidiu em favor da Huawei em duas patentes que envolvem tecnologia de telefones de quarta geração. De acordo com o relatório, o juiz aceitou a reclamação da Huawei depois de descobrir que a Samsung “atrasou as negociações de má fé”. Como parte da decisão, o juiz ordenou à Samsung que suspenda a fabricação e venda dos dispositivos que usam a tecnologia acima mencionada e a pagar uma pequena taxa judicial. Não foi fornecida uma lista de modelos de telefones, embora a Samsung tenha dito que “analisaria minuciosamente a decisão do tribunal e determinaria as respostas apropriadas”.

Duvidamos que este seja o fim desta batalha. Em processos anteriores  em abril passado, a Huawei emergiu vitoriosa quando o Tribunal Popular de Quanzhou ordenou que a Samsung pagasse cerca de US $ 11,6 milhões. Como tal, esperamos que a Samsung ofereça (mais uma vez) algum tipo de recurso, embora a história ainda esteja em desenvolvimento.

Partilhar é importante, mostra este artigo aos teus amigos!

Obrigado, ficamos a dever-te uma 😉

Este Website usa cookies para providenciar uma melhor experiência. Pode recusar se desejar. Aceitar Saber Mais

Partilhar é importante, mostra este artigo aos teus amigos!

Obrigado, ficamos a dever-te uma ;)
close-link