Samsung partilha 276 novas tecnologia com PMEs na Coreia do Sul

As PMEs constituem a principal fonte de emprego, representando em média cerca de 70% dos postos de trabalho, e são os principais contribuintes para a criação de valor, gerando em média entre 50% e 60% do valor acrescentado. Nas economias emergentes, as PME contribuem com até 45% do emprego total e 33% do PIB.

A Samsung Electronics transferiu 276 tecnologias não utilizadas para pequenas e médias empresas (PME), a fim de encorajar o crescimento e estimular a inovação. Esta é a última iniciativa da Samsung para apoiar as PMEs. As PMEs constituem a principal fonte de emprego, representando em média cerca de 70% dos postos de trabalho, e são os principais contribuintes para a criação de valor, gerando em média entre 50% e 60% do valor acrescentado. Nas economias emergentes, as PME contribuem com até 45% do emprego total e 33% do PIB.

Hoje, o Ministério do Comércio, Indústria e Energia da Coreia do Sul anunciou que a Samsung Electronics irá transferir 276 tecnologias patenteadas para pequenas e médias empresas gratuitamente este ano.

Samsung partilha 276 novas tecnologia com PMEs na Coreia do Sul 1

Em particular, o Ministério emitiu uma declaração em que afirmava ter aceitado pedidos de pequenas e médias empresas (PMEs) que desejavam obter gratuitamente 276 patentes pertencentes à Samsung Electronics. A Samsung Electronics iniciará a transferência no dia 11 de Maio e terminá-la-á no dia 13 de Maio.

Samsung electronics unused technologies

De facto, esta não é a primeira vez que um gigante tecnológico transfere as suas tecnologias não utilizadas para PMEs. O Ministério do Comércio, Indústria e Energia tem vindo a conduzir tais actividades de partilha de tecnologia desde 2013. Tem havido até 25 grandes empresas, incluindo a Samsung Electronics, que partilharam as suas tecnologias com empresas mais pequenas. No total, 1043 PMEs receberam 2402 tecnologias patenteadas até ao ano passado.

Como é que as PME beneficiam destas transferências?

Os nossos leitores poderão pensar se a Samsung o considerar inútil, que benefício trará às empresas mais pequenas. Contudo, uma empresa sul-coreana, fabricante de desfibrilhadores automáticos externos (AED), desenvolveu anteriormente o primeiro dispositivo de monitorização integrada baseado na Internet das Coisas (IoT) do mundo. O que é mais importante, utilizou gratuitamente a tecnologia de “partilha de serviços em rede” da Samsung Electronics. Outra empresa concebeu caixas de correio controladas por smartphone-desenvolvidas através da transferência da tecnologia de autenticação de segurança baseada em OTP da Samsung Electronics (chave inteligente Bluetooth).

A Samsung Electronics decidiu transferir 276 tecnologias de patentes não utilizadas em 7 sectores este ano. Estas patentes incluem 140 tecnologias para o sector de dispositivos móveis, 45 tecnologias para o sector de comunicação/rede, 34 para semicondutores, 27 para ecrãs, 15 para aparelhos domésticos, 10 para dispositivos médicos, e 10 para áudio/vídeo.

“É uma oportunidade para as nossas PMEs conseguirem um crescimento inovador utilizando a tecnologia desenvolvida pela Samsung Electronics, uma empresa de classe mundial”, disse Roh Geon-ki, director da política de convergência de tecnologia industrial no Ministério da Indústria.

Samsung partilha tecnologia que nuca foi usada anteriormente

Antes disso, a Samsung Electronics transferiu muito mais tecnologias para PMEs. Por exemplo, no ano passado, partilhou as suas 505 tecnologias patenteadas com pequenas e médias empresas locais. Havia 213 tecnologias móveis, 68 tecnologias de semicondutores, 68 tecnologias de visualização, 45 tecnologias de telecomunicações, 31 tecnologias de equipamento médico, e outras.

Um ano antes, em 2020, a empresa tecnológica de primeiro nível sediada na Coreia do Sul transferiu gratuitamente 135 tecnologias para PMEs afectadas pela crise da COVID-19.

“As tecnologias que serão transferidas desta vez incluem as relacionadas com a inteligência artificial e os dispositivos inteligentes. Esperamos que ajudem as PME a desenvolver produtos de convergência ou serviços não cara-a-cara”

De facto, “Technology Sharing” é um projecto especial que visa o crescimento partilhado entre grandes e pequenas empresas.

VIA : nate

Leiam as últimas notícias do mundo da tecnologia no Google News , Facebook  e Twitter e também no nosso Grupo de Telegram
Todos os dias vos trazemos dezenas de notícias sobre o mundo Android em Português. Sigam-nos no Google Notícias. Cliquem aqui e depois em Seguir. Obrigado!