Análise Xiaomi 12. Um topo de gama em formato mini

Xiaomi 12

É um dos melhores telemóveis do ano até agora, especialmente se não estiver interessado nos enormes aparelhos que mal cabem nas mãos e nos bolsos. Seguindo o exemplo do iPhone SE e do Sony Xperia 5 III, o Xiaomi 12 encolheu em comparação com o aparelho do ano passado, o Xiaomi Mi 11.

À procura de um telefone pequeno mas completo? Esta análise ao Xiaomi 12 tem tudo o que precisam saber. É um dos melhores telemóveis do ano até agora, especialmente se não estiver interessado nos enormes aparelhos que mal cabem nas mãos e nos bolsos.

Seguindo o exemplo do iPhone SE e do Sony Xperia 5 III, o Xiaomi 12 encolheu em comparação com o aparelho do ano passado, o Xiaomi Mi 11. Mais simples na forma e mais simples no nome, a Xiaomi abandonou o prefixo ‘Mi’ e adoptou uma abordagem mais directa ao chamar-lhe apenas Xiaomi 12.

Análise Xiaomi 12. Um topo de gama em formato mini 1

Quando se trata dos melhores telefones Android do mundo neste momento, este aparelho é definitivamente um concorrente porque tem o último processador Snapdragon 8 Gen 1 e é um dos mais baratos com esta jóia da Qualcomm.

Xiaomi 12 : O preço e as novidades

O Xiaomi 12 chega em duas versões, 8GB+128GB e 8GB+256GB, e estará disponível a partir dos 849,99€ e 899,99€ respectivamente.

Análise Xiaomi 12. Um topo de gama em formato mini 2

Lançado a 15 de Março, o Xiaomi 12 estará disponível a partir de 1 de Abril de 2022, com as vendas a começarem a 15 de Abril.

Se estiver a pensar em como o Xiaomi 12 é diferente do Xiaomi Mi 11, então há algumas novidades que vale a pena conhecer.

Ao tirar o aparelho da caixa, encontrará um processador actualizado, um novo sistema de câmara com um sensor de 32MP melhorado e o mais recente software MIUI baseado no Android 12.

Xiaomi 12: Design e Ecrã

Graças ao seu novo Design renovado, o Xiaomi 12 parece estar de acordo com as tendências mais modernas. Embora reconhecidamente não muito diferente de muitos outros telefones este ano, o entalhe arredondado da câmara foi substituído por um rectangular, e as arestas curvas foram tornadas muito mais afiadas. Isto para não mencionar o tamanho; tem um ecrã mais pequeno e uma construção mais pequena para combinar, medindo agora apenas 152,70 x 69,90 x 8,16mm. Também é mais leve do que o Xiaomi Mi 11 era, caindo de 196g para 180g.

Mesmo que o Xiaomi 12 não seja o modelo de topo da série, não faz muitas cedências quando se trata de mostrar qualidade. Isto é demonstrado pelo seu design quase sem margens e alta resolução.

O painel compacto OLED de 6,28 polegadas oferece uma resolução padrão de 1080 x 2400px, taxa de actualização ajustável de 120Hz, taxa de amostragem por toque de 480Hz, sensor de luz ambiente de 360 graus e profundidade de cor de 12 bits. Isto faz dos Xiaomi 12 e 12X os primeiros smartphones a serem comercializados com painéis de 12 bits e devem ser capazes de exibir até 68 mil milhões de cores. O HDR10+ é suportado, mas mais importante, a Netflix tem todo o prazer em transmitir conteúdos com Dolby Vision neste telefone. Embora o Dolby Vision também seja suportado em ecrãs de 10 bits, um dos seus benefícios é o suporte de cores de 12 bits, algo que falta ao HDR10 e HDR10+.

 

Análise Xiaomi 12. Um topo de gama em formato mini 3

Se tiver mãos pequenas, então este telefone compacto é muito fácil de usar com uma só mão, e caberá facilmente nos seus bolsos. Qualquer pessoa que tenha ficado frustrada com o quão grandes os telefones atuais estão a ficar, ficará satisfeita por ver disponíveis opções mais pequenas que não sacrificam no ecrã ou no hardware.

Análise Xiaomi 12. Um topo de gama em formato mini 4

Poderá comprar o Xiaomi 12 em três cores, incluindo cinzento, roxo e azul. Testei a variante Púrpura que me parece a mais divertida mas ainda assim elegante e com estilo.

À volta da estrutura, há uma porta de carregamento USB-C, um botão de energia e os botões de volume – não há entrada para auscultadores, pelo que terá de usar um adaptador ou auscultadores Bluetooth com o Xiaomi 12.

Desbloquear o ecrã é rápido e fácil utilizando o scanner de impressões digitais no ecrã, embora seja colocado ligeiramente demasiado abaixo do ecrã até onde o polegar se posiciona naturalmente. Poderá também utilizar o reconhecimento facial, se assim o preferir.

Análise Xiaomi 12. Um topo de gama em formato mini 19

O ecrã de 6,28 polegadas FHD+ (2400 x 1080) AMOLED é pequeno, mas não perde qualidade, e tem baixa certificação de luz azul para proteger os nossos olhos. Com mais de 68 biliões de cores e 1.100 nits de brilho máximo, tem um aspecto vibrante e os detalhes ganham outra vida. A clareza é impressionante e faz com que seja um prazer usar seja para enviar mensagens ou para navegar na web.

Os vídeos parecem óptimos graças à Dolby Vision e ao suporte HDR10+, que aumenta o contraste para melhorar o quão bem se pode ver mesmo as áreas mais claras e mais escuras do vídeo e que também melhoram muito as cores.

Para os jogadores, a taxa de renovação de 120Hz será uma bênção, fazendo com que cada deslize e deslocamento se faça sem esforço, mesmo que o tamanho do ecrã não se preste bem a jogos mais complexos.

Corning Gorilla Glass Victus cobre o aparelho, pelo que deverá sobreviver se o deixar cair, embora não exista uma classificação oficial IP, pelo que terá de ter cuidado para não ter quaisquer acidentes relacionados com a água.

Xiaomi 12: Câmaras

O sistema de câmara foi melhorado em comparação com o Xiaomi Mi 11. É agora composto por uma câmara principal de 50MP, uma câmara ultra grande angular de 13MP, e uma câmara de telemacro de 5MP, bem como uma câmara selfie de 32MP na frente – veja alguns exemplos de fotos tiradas no Xiaomi 12 abaixo.

Análise Xiaomi 12. Um topo de gama em formato mini 20

Como se pode ver, o Xiaomi 12 tira algumas fotos impressionantes com as suas configurações padrão de apontar e disparar. São brilhantes, com um ruído mínimo e exposição bem equilibrada; enquanto as cores parecem vibrantes sem estarem demasiado saturadas. Cada imagem parece cheia de vida. Pode-se dizer que não são muito realistas, mas ainda assim, fantásticas.

Análise Xiaomi 12. Um topo de gama em formato mini 21

O nível de detalhe não é bem o que se obteria com o irmão mais velho do Xiaomi 12, o Xiaomi 12 Pro. Mas mesmo assim, estas fotos são mais do que suficientes para serem utilizadas nas redes sociais ou para serem impressas.

Vai gostar de saber:  Xiaomi entrega mais de 13.000 SU7s por mês: Descubra o sucesso da marca!
  • Conseguimos fotos claras e brilhantes sobre o Xiaomi 12.
  • O modo ultrawide encaixa muito mais no enquadramento.
  • Será capaz de tirar boas fotografias com zoom 2x
  • O zoom de 10x mostra mais do que o olho humano pode ver, mesmo que esteja um pouco desfocado.

Para caber mais na fotografia, a câmara ultra-angular tem um campo de visão 123˚ que é bastante amplo. Também só se consegue um zoom até 10x no Xiaomi 12, que está muito longe do zoom de 100x que se pode conseguir com outros equipamentos. É uma pena que não seja mais, mas não consigo imaginar que isso seja uma grande dor de cabeça para a maioria das pessoas.

Análise Xiaomi 12. Um topo de gama em formato mini 26

Selfies são outro tipo de fotos que saem bem. São lisonjeiras e o modo retrato faz um bom trabalho para desfocar o fundo, mesmo que não seja tão preciso como se consegue com aparelhos mais caros, como nos melhores telefones Samsung, por exemplo.

Poderá filmar vídeo em resoluções até 8K e há também um modo Ultra Night Video para que possa continuar a filmar quando a noite chegar.

Xiaomi 12: Performance e Autonomia

O Xiaomi 12 é o mais recente na linha de smartphones com o processador Snapdragon 8 Gen1 da Qualcomm e tem uma GPU Adreno da Qualcomm para acompanhar esse desempenho. Também tem refrigeração líquida que deverá ajudá-lo a lidar melhor com tarefas mais exigentes. Tudo considerado, podem esperar bons resultados quando se trata de desempenho no Xiaomi 12.

Análise Xiaomi 12. Um topo de gama em formato mini 27

O telefone que testei tinha 8GB de RAM e 256GB de armazenamento, mas pode comprá-lo em diferentes variantes, dependendo do que quiser ou precisar no seu próximo telefone.

Tudo na utilização do Xiaomi 12 foi fácil; lidou bem com o carregamento mesmo das aplicações mais pesadas e não teve qualquer dificuldade quando tive muitas delas abertas de uma só vez. È sem dúvida um smartphone sólido quando se trata de desempenho.

No teste de desempenho Geekbench 5, obteve 1,121 no single-core e 3,514 no multi-core. Isto é semelhante a equipamentos como o Samsung Galaxy S22 Ultra e o OnePlus 9 Pro; de facto, excede as pontuações obtidas por muitos telefones com preços semelhantes, incluindo o Samsung Galaxy S21 FE.

Com suporte tanto de 5G como de Wi-Fi 6, está  garantida a velocidade de ligação mais rápida possível em casa ou na rua.

Análise Xiaomi 12. Um topo de gama em formato mini 28

Para acompanhar a rapidez do desempenho, a Xiaomi 12 inclui uma bateria de 4.500mAh. Durou-me um dia inteiro sem precisar de ser carregada. Nesse dia respondi a algumas mensagens, li alguns artigos online, folheei os meios de comunicação social e tirei algumas fotografias.

Para o testar com um pouco mais de precisão, descarreguei e corri um vídeo HD durante duas horas com a luminosidade total. Nesse tempo, o nível da bateria caiu 18%, pelo que teria durado pouco menos de treze horas no total. Tudo bem, mas não são bem as dezassete horas ou mais que conseguimos com outros smartphones.

Análise Xiaomi 12. Um topo de gama em formato mini 29

No que diz respeito ao carregamento o Xiaomi 12 é competitivo. O carregador de 67W fornecido pode carregar 87% da bateria nos primeiros 30 minutos, enquanto que uma carga completa a partir do zero demora cerca de 46 minutos. Isto é bastante próximo dos 39 minutos anunciados, mas notámos que a bateria atinge o estado de “carga completa” alguns minutos após a marca dos 39 minutos.

No departamento de software, o Xiaomi 12 utiliza o MIUI 13 que é baseado no Android 12. Este sistema operativo não está assim tão longe do Android mas não é tão agradável de usar porque alguns dos ícones e fontes da aplicação parecem um pouco exageradas demais.

Todas as aplicações do Google vêm pré-instaladas, bem como alguns serviços populares como o TikTok e Amazon. Para mais aplicações, tem a opção de utilizar ou a Google Play Store ou a Mi Store, o que lhe dá uma quantidade quase infinita de opções.

Xiaomi 12: Veredito

Há algumas áreas em que o Xiaomi 12 poderia ser melhor. Por exemplo, a duração da bateria e o tempo de carga poderiam ser mais exuberantes; a Xiaomi poderia aumentar o zoom da câmara; e outro ponto que gostaria de referir é que embora o design seja muito elegante, corre o risco de se perder um pouco entre o resto da multidão de smartphones de gama média.

Mas mesmo assim, em comparação com outros telefones a este preço, o Xiaomi 12 é definitivamente um dos melhores porque não sacrifica nenhuma das suas características de hardware, o que significa que continuará a ter um desempenho fantástico, um ecrã deslumbrante, e uma boa câmara fotográfica.

A sua característica de destaque tem de ser, no entanto, o seu tamanho. Se tiver mãos pequenas, ou se apenas preferir um aparelho mais compacto, este será o melhor telefone para si neste momento. É minúsculo!

75%
Um topo de gama em formato mini

Análise Xiaomi 12

Há algumas áreas em que o Xiaomi 12 poderia ser melhor. Por exemplo, a duração da bateria e o tempo de carga poderiam ser mais exuberantes; a Xiaomi poderia aumentar o zoom da câmara; e outro ponto que gostaria de referir é que embora o design seja muito elegante, corre o risco de se perder um pouco entre o resto da multidão de smartphones de gama média.

  • Design
  • Ecrã
  • Bateria
  • Desempenho

Mas mesmo assim, em comparação com outros telefones a este preço, o Xiaomi 12 é definitivamente um dos melhores porque não sacrifica nenhuma das suas características de hardware, o que significa que continuará a ter um desempenho fantástico, um ecrã deslumbrante, e uma boa câmara fotográfica.

A sua característica de destaque tem de ser, no entanto, o seu tamanho. Se tiver mãos pequenas, ou se apenas preferir um aparelho mais compacto, este será o melhor telefone para si neste momento. É minúsculo!

Leiam as últimas notícias do mundo da tecnologia no Google News , Facebook  e Twitter e também no nosso Grupo de Telegram
Todos os dias vos trazemos dezenas de notícias sobre o mundo Android em Português. Sigam-nos no Google Notícias. Cliquem aqui e depois em Seguir. Obrigado!