Próximos Apple Watch podem ser uma desilusão completa

Vai faltar tanta coisa no Apple Watch 8 que já é bom dar as horas No futuro, a Apple irá adicionar mais funções de saúde ao seu smartwatch através do desenvolvimento de novos sensores. No entanto, as próximas versões Watch Series não incluirão esses sensores, deixando a Apple vários passos atrás na corrida pela inovação.

Embora haja rumores de que o próximo Apple Watch virá com uma série de novas funcionalidades, há uma boa hipótese de que vá desapontar muitos utilizadores. O relógio irá alegadamente não incluir os mais recentes sensores de saúde que já vemos nas alternativas de outras marcas.

Vai faltar tanta coisa no Apple Watch 8 que já é bom dar as horas

Próximos Apple Watch podem ser uma desilusão completa 1

No futuro, a Apple irá adicionar mais funções de saúde ao seu smartwatch através do desenvolvimento de novos sensores. No entanto, as próximas versões Watch Series não incluirão esses sensores, deixando a Apple vários passos atrás na corrida pela inovação. O novo Apple Watch não terá Monitorização de glicose, pressão arterial e temperatura corporal só para citar alguns.

Segundo Mark Gurman, um repórter da Bloomberg News, a próxima geração de smartwatch da Apple não incluirá pelo menos estes três sensores cruciais que já estão disponíveis no mercado de outras empresas rivais.

Próximos Apple Watch podem ser uma desilusão completa 2

O termo “Wearable” pode ser usado para descrever dispositivos que estão ligados ao corpo, tais como Smartwatches e Smart Glasses. A ausência de sensores para monitorizar os níveis de açúcar no sangue, pressão sanguínea e temperatura corporal nos próximos dispositivos Wearable da Apple não é uma jogada muito “Smart”. A Apple está alegadamente a trabalhar nestes mesmos sensores, mas a integração levará algum tempo

Apple Watch Series 8 trará ainda assim novidades

O Apple Watch Series 8 pode incluir um sofisticado sistema de monitorização do sono que pode até detectar casos de apneia nocturna.

Se chegar, uma função de medição da temperatura corporal para o Apple Watch seria útil. No futuro, poderia detectar quando um utilizador tem febre.

Vai gostar de saber:  OnePlus 10 Pro em testes na Europa e Índia, deve chegar em Março

Há rumores de que a Apple está a trabalhar num método de monitorização não invasiva dos níveis de glucose no sangue usando também sensores ópticos, oferecendo potencialmente aos doentes de diabetes uma forma de gerir a sua condição de uma forma muito mais fácil, uma vez que não seria necessário perfurar a pele.

No início deste ano, a Apple revelou-se o maior cliente da empresa britânica Rockley Photonics, que desenvolve sensores ópticos não invasivos para detectar múltiplas métricas de saúde relacionadas com o sangue, incluindo a tensão arterial, glicemia e níveis de álcool no sangue.

A revelação da Rockley de que o seu maior cliente é a Apple surgiu quando a empresa se preparava para se tornar pública em Nova Iorque. Dado o crescimento da Rockley Photonics e a escala da parceria da Apple com a empresa, parece ser virtualmente inevitável que a tecnologia de sensores de saúde da empresa venha a chegar ao Apple Watch em algum momento, mas não este ano

No entanto, nem a ausência dos sensores acima mencionados, nem a inclusão do sistema avançado de monitorização do sono estão confirmados oficialmente.

O que sabemos é que a Apple tem uma legião (a maior?) de fãs que irão certamente comprar os novos Apple Watch como se fossem a última bolacha do pacote. Mas dificilmente serão.

Leiam as últimas notícias do mundo da tecnologia no Google News , Facebook  e Twitter e também no nosso Grupo de Telegram
Todos os dias vos trazemos dezenas de notícias sobre o mundo Android em Português. Sigam-nos no Google Notícias. Cliquem aqui e depois em Seguir. Obrigado!
Deixe um comentário