Proprietários do Applanet condenados nos Estados Unidos

A pirataria está ao rubro, e cada vez mais existem "pseudo lojas" de aplicações para dispositivos Android, que sobrevivem ás custas do trabalho árduo de milhares de programadores. Tirando alguns casos excepcionais, essas lojas oferecem gratuitamente aplicações para o sistema da Google, que em lojas oficiais seriam pagas.
Uma dessas lojas era a Applanet, que operou durante algum tempo de forma ilegal, fecharam portas e agora o sofreram as consequências.

Os grandes responsáveis pelo Applanet, Aaron Blake Buckley e Gary Edwin Sharp II foram condenados e considerados culpados pelos crimes de infracção de direitos autoriais das aplicações distribuídas sem autorização e respectivo pagamento aos programadores dos valores das aplicações, tal como acontece em lojas oficiais como a Play Store e ou Amazon Store.
A sentença de ambos será lida no próximo dia 1 de Agosto, e segundo a condenação dos arguidos, eles terão transaccionado aplicações que o valor atinge os 17 milhões de dólares.

O crime não compensa mesmo...

Relacionado:  Vivo continua a liderar o mercado chinês, Honor bate Apple
Leiam as últimas notícias do mundo da tecnologia no Google News , Facebook  e Twitter e também no nosso Grupo de Telegram
Todos os dias vos trazemos dezenas de notícias sobre o mundo Android em Português. Sigam-nos no Google Notícias. Cliquem aqui e depois em Seguir. Obrigado!