Preços de reparação do novo flagship Huawei P50 Pro assustam

De acordo com um relatório da CINNO segundo a ‎‎ITHome, ‎os custos de reparação de vários componentes do Huawei P50 Pro foram revelados.

‎Em julho de 2021, a Huawei lançou oficialmente a série P50 na China. A programação foi a mais recente série principal da empresa e contou com especificações e recursos de primeira linha. Agora, um novo relatório revelou o custo para reparar o P50 Pro, e os preços são bastante altos.‎

‎De acordo com um relatório da CINNO segundo a ‎‎ITHome, ‎os custos de reparação de vários componentes do Huawei P50 Pro foram revelados. Isso inclui vários componentes como display, módulos de câmara frontal e traseira, painel traseiro e muito mais. Notavelmente, o relatório afirmou que o display por si só poderia custar uns impressionantes 2.479 Yuan (cerca de 325 euros). Isso tornaria o seu preço mais alto do que alguns smartphones de gama média superior.‎

Preços de reparação do novo flagship Huawei P50 Pro assustam 1

‎Para quem não sabe, o P50 Pro tem um ecrã OLED curvo BOE de 6,6 polegadas com resolução 2700 x 1228. O ecrã tem uma taxa de atualização de 120Hz, 1440Hz pwM dimming, e uma taxa de amostragem de toque de 300Hz. Ele pode exibir mais de mil milhões de cores e tem uma gama de cores P3 ampla. Além disso, a variante Pro também destronou o Samsung Galaxy S21 Ultra para se tornar o novo líder de display no ranking do DxOMark.‎

‎Outros preços de substituição de peças incluem ainda :‎

  • ‎Painel traseiro – 486 Yuan (aproximadamente 64 euros)‎
  • ‎Câmara Frontal – 295 Yuan (cerca de 38 euros)‎
  • ‎Câmara traseira principal – 940 Yuan (aproximadamente 123 euros)‎
  • ‎Câmara telefoto – 528 Yuan (aproximadamente 70 euros)‎
  • ‎Lente grande angular – 268 Yuan (aproximadamente 35 euros)‎
  • ‎Placa-mãe de 256GB – 2879 Yuan (aproximadamente 378 euros)‎
  • ‎Placa-mãe de 512GB – 3579 Yuan (cerca de 470 euros)‎

De notar que estes preços são convertidos diretamente, e que vão variar de região para região. Para além disso os preços são de apenas das peças, faltando a mão de obra.

Huawei P50 / P50 Pro

A série P50 é composta por duas variantes: Huawei P50 e Huawei P50 Pro, mas nenhuma delas vem com suporte a 5G por causa da proibição.

‎Apesar de serem variantes diferentes da mesma série, o Huawei P50 e P50 Pro têm o mesmo chipset: o Snapdragon 888 da Qualcomm corre a uma frequência máxima de 2,84 GHz. O chipset é emparelhado com até 8 GB de RAM e até 256 GB de armazenamento interno no Huawei P50, enquanto que o P50 Pro vem em uma configuração superior com 12 GB de RAM e 512 GB de armazenamento interno.

" alt="" aria-hidden="true" />Huawei P50 Pro retira Galaxy S21 Ultra do trono de melhor ecrã segundo o DxoMark 4

De notar que o Huawei P50 Pro também chega em uma variante com o chipset da Huawei Kirin 9000. A variante Snapdragon 888 chegará ao mercado apenas em dezembro, enquanto que a versão Kirin 9000 estará disponível em breve. O Huawei P50 e P50 Pro têm armazenamentos expansíveis graças a uma slot de cartão de memória nano, mas nenhum deles suporta 5G: eles só trazem conectividade 4G.

Os telefones correm o HarmonyOS 2.0 em vez do Android, mas que consegue correr aplicações Android. No mercado global, eles não chegam com o suporte para Google Mobile Services, mas vão ter o Huawei Mobile Services instalado.‎

 

Relacionado:  Logitech G435 são os fones de ouvido Gaming do futuro. Já disponíveis em Portugal

 

Leiam as últimas notícias do mundo da tecnologia no Google News , Facebook  e Twitter e também no nosso Grupo de Telegram
Todos os dias vos trazemos dezenas de notícias sobre o mundo Android em Português. Sigam-nos no Google Notícias. Cliquem aqui e depois em Seguir. Obrigado!