Por que não devem comprar um Apple Watch Series 3 em 2022

Não é que o Série 3 seja um mau relógio. A Apple ainda o suporta com a mais recente versão do watchOS; embora seja mais lento do que um modelo topo de gama, ainda é perfeitamente funcional; e embora não tenha as mais recentes funcionalidades, provavelmente ainda oferece todas as funcionalidades que procuram num smartwatch.

Estão no mercado para o vosso primeiro Apple Watch? Podem sentir-se tentados a ir para a oferta mais barata da empresa. Se não sabem se vão gostar de ter um mini iPhone amarrado ao vosso pulso, o custo de 229 euros de um Apple Watch Series 3 poderá parecer mais tentador do que desembolsar 439 euros no último Série 7. Se este é o comboio de pensamento em que estão, pedimos que não tomem essa decisão e não comprem um Série 3 em 2022.

Não é que o Série 3 seja um mau relógio. A Apple ainda o suporta com a mais recente versão do watchOS; embora seja mais lento do que um modelo topo de gama, ainda é perfeitamente funcional; e embora não tenha as mais recentes funcionalidades, provavelmente ainda oferece todas as funcionalidades que procuram num smartwatch. Mas é fundamentalmente defeituoso de uma forma específica: espaço de armazenamento.

Por que não devem comprar um Apple Watch Series 3 em 2022 1

O Série 3 só é enviado com 8GB de armazenamento interno, isto era o que seria de esperar de um iPod em meados dos anos 2000. Isto poderá não parecer um deal breaker se não estiverem a planear descarregar várias músicas, podcasts ou fotografias para o vosso relógio. No entanto, esse armazenamento de 8GB ainda será uma chatice quando chegar a hora de atualizar o vosso dispositivo.

Não entendam mal, é ótimo que a Apple ainda suporte um relógio lançado em 2017. Somos todos a favor da longevidade de um produto. Acreditamos que se pode manter um Apple Watch antigo a funcionar ainda mais tempo apenas substituindo a bateria. No entanto, em 2022, as atualizações do watchOS são demasiado grandes para o Série 3 de 8GB. Para atualizarem, a Apple obriga-os a desemparelharem o relógio do vosso iPhone, e apagar o conteúdo do relógio e, em seguida, instalar a atualização.

Por que não devem comprar um Apple Watch Series 3 em 2022 2

E como o Série 3 é tão antigo, estas atualizações também demoram uma eternidade. Há relatos de pessoas que atualizaram o seu Série 3 recentemente, e depois de passarem pelo processo de desemparelhar do iPhone, a atualização em si demorou cerca de duas horas só para descarregarem para o relógio. Até desativar o Bluetooth no iPhone, o que poderia acelerar o tempo que leva para descarregar a atualização, mas não teve grande efeito. Depois de esperar ainda mais tempo para que a atualização fosse finalmente instalada, era preciso então restaurar a cópia de segurança anterior para usar o seu relógio como estava antes de instalar a atualização.

Vai gostar de saber:  Atualização do Firmware chega ao HUAWEI Watch GT3 Pro

É possivelmente o pior processo para atualizar um dispositivo – certamente um da Apple. Isto não significa que os utilizadores o vão abandonar – o Série 3 ainda rastreia treinos, aceita mensagens e notificações, e faz alarmes, juntamente com todas as outras coisas básicas que se espera de um smartwatch. As atualizações penosas, são algo com que terão de lidar de vez em quando.

O que comprar em vez do Apple Watch Series 3

Os novos compradores estão num barco diferente. Claro, que 229 euros é um bom preço para um Apple Watch funcional, mas por mais 80 euros, podem comprar o Apple Watch SE, que é muito mais relógio sem o frustrante problema das atualizações. O SE vem com um processador S5 moderno, um ecrã maior e melhor, um monitor de batimentos cardíacos melhorado, e detecção de quedas, entre outras novidades. E podem instalar atualizações sem reiniciar o relógio inteiro primeiro, por isso é uma vantagem.

Por que não devem comprar um Apple Watch Series 3 em 2022 3

Não podemos, recomendar-vos que comprem um produto que esperam usar durante anos quando há algo tão fundamentalmente defeituoso sobre ele, especialmente quando há outra opção acessível que vos servirá muito melhor.

Não nos surpreenderá ver a Apple deixar cair o Série 3 da programação este ano. Na WWDC 2022, a empresa irá revelar o watchOS 9 e, se assim o desejar, poderá parar o suporte ao software para este modelo mais antigo. Não há garantias de que isso aconteça, mas a Apple ainda suporta o iPad Air 2, que saiu em 2014, mas é algo em que se deve pensar antes de comprar.

Leiam as últimas notícias do mundo da tecnologia no Google News , Facebook  e Twitter e também no nosso Grupo de Telegram
Todos os dias vos trazemos dezenas de notícias sobre o mundo Android em Português. Sigam-nos no Google Notícias. Cliquem aqui e depois em Seguir. Obrigado!