Android Geek
O maior site de Android em Português

Oficial, Exynos 9820 de 8nm com NPU e desempenho de GPU 40% melhor

Hoje, a Samsung anunciou oficialmente o seu chipset móvel de última geração – o Samsung Exynos 9820 na China que traz um slogan consigo que diz “Extraordinária sabedoria, nascida de dentro”. O novo chipset da Samsung é fabricado a usar o processo LPN FinFET de 8nm, que a empresa diz que consome 10% menos energia em comparação com o processo de 10nm.

Hoje, a Samsung anunciou oficialmente o seu chipset móvel de última geração – o Samsung Exynos 9820 na China que traz um slogan consigo que diz “Extraordinária sabedoria, nascida de dentro”.

O novo chipset da Samsung é fabricado a usar o processo LPN FinFET de 8nm, que a empresa diz que consome 10% menos energia em comparação com o processo de 10nm. Para comparação, os chipsets Huawei Kirin 980 e Apple A12 Bionic são fabricados a usar o processo de 7nm.

Samsung Exynos 9820

A arquitectura de CPU do Samsung Exynos 9820 é uma combinação de dois grandes núcleos de quarta geração, dois núcleos Cortex A75 e quatro pequenos núcleos Cortex A55. De acordo com a empresa, comparado ao Exynos 9810, o desempenho de vários núcleos aumentou em 15% e o desempenho de um único núcleo aumentou em 20%. O desempenho geral deste novo chipset é 40% melhor do que seu antecessor, afirma a Samsung.

O chipset vem com o processador gráfico Mali-G76 MP12, que tem mais unidades de execução e canais duplos. Alega-se que oferece um desempenho 40% melhor do que a GPU no Exynos 9810 e também é dito que é 35% mais eficiente em termos energéticos. Para comparação, o Chipset Kirin 980 apresenta o GPU Mali-G76 MP10.

Pela primeira vez, o chipset Exynos série 9 da Samsung vem com Unidade de Processamento Neural (NPU), que oferece sete vezes mais poder de computação baseado em inteligência artificial do que seu antecessor.

Samsung Exynos 9820

Quanto à fotografia, o chipset Exynos 9820 suporta até cinco elementos sensores, a incluir sensores infravermelhos para permitir o reconhecimento facial. Para a câmara frontal, suporta sensor de câmara de até 22MP e o mesmo 22MP para a câmara traseira. Ele também suporta configuração de câmara dupla com um máximo de um sensor de câmara de 16MP. Para gravação de vídeo, o chipset suporta 8K 30fps e 4K 120fps e também suporta codec HEbit / H.264 / VP9 de 10 bits.

Para o ecrã, o chipset suporta resolução 4K. Quanto à conectividade, o novo chipset da Samsung suporta a banda de base 4G LTE com o maior downlink Cat.20 8CA que suporta velocidade de pico de 2Gbps. Ele também suporta memória flash UFS 2.1 / 3.0 e também uma gestão de chave PUF ao nível de hardware.

O principal chipset Samsung Exynos 9820 da gigante sul-coreana será produzido em massa até ao final deste ano e deverá ser usado no próximo smartphone da empresa – Galaxy S10 – Que poderá ser revelado em fevereiro do ano que vem, durante o Mobile World Congress 2019.

 

Partilhar é importante, mostra este artigo aos teus amigos!

Obrigado, ficamos a dever-te uma 😉
Fonte Samsung

Este Website usa cookies para providenciar uma melhor experiência. Pode recusar se desejar. Aceitar Saber Mais

Partilhar é importante, mostra este artigo aos teus amigos!

Obrigado, ficamos a dever-te uma ;)
close-link