Android Geek
O maior site de Android em Português

Análise Huawei Mate Xs. Os nossos sonhos tornados realidade

Na nossa análise do Huawei Mate Xs, vamos ver quais as vantagens e desvantagens de usar um destes equipamentos na nossa vida quotidiana e se o investimento vale a pena.

No ano passado, a Huawei abafou todos os outros fabricantes no Mobile World Congress 2019 com o Mate X, um smartphone dobrável em que o ecrã se dobra na parte externa do dispositivo. O Huawei Mate X foi vendido apenas na China apesar dos desejos dos consumidores europeus.

Huawei Mate Xs a segunda geração dobrável da Huawei

Huawei Mate Xs, a segunda geração do revolucionário Huawei Mate X, o smartphone dobrável da marca. Desenvolvido com a mais recente tecnologia da Huawei, o Mate Xs é considerado um dos dispositivos mais inovadores da marca, e conta com o Kirin 990 5G SoC e um design Falcon Wing, que permitem uma performance poderosa capaz de proporcionar uma experiência de utilização perfeita em ambos os modos: smartphone e tablet.

A segunda geração deste impressionante equipamento dobrável, o Huawei Mate Xs, deve ser o suficiente para atenuar a fome de equipamentos dobráveis dos mercados internacionais. Na nossa análise do Huawei Mate Xs, vamos ver quais as vantagens e desvantagens de usar um destes equipamentos na nossa vida quotidiana e se o investimento vale a pena.

Análise Huawei Mate Xs. Os nossos sonhos tornados realidade 1

Um dobrável com possibilidades ilimitadas

O Huawei Mate Xs cria uma verdadeira experiência FullView com um ecrã dobrável de 8 polegadas que só é possível devido ao novo design de dobradiça mecânica. O Huawei Mate X foi o primeiro  smartphone onde foi implementado o design Falcon Wing que apresenta mais de 100 peças  interligadas que trabalham em perfeita harmonia para reforçar o ecrã , ao mesmo tempo que  proporcionam uma experiência perfeita para o consumidor.

 

Unboxing Huawei Mate Xs

Design Dobrável com dobradiça reforçada

Visualmente, a Huawei quase não mudou nada comparativamente ao Mate X original, mas existem mudanças, e estas são a nível mecânico.

Análise Huawei Mate Xs. Os nossos sonhos tornados realidade 2A dobradiça, por exemplo, foi revista e melhorada. Provavelmente estas alterações foram inspiradas nos problemas preliminares que equipamentos dobráveis de outras marcas como Samsung enfrentaram nas versões iniciais.

Análise Huawei Mate Xs. Os nossos sonhos tornados realidade 3

 

A dobradiça além de robusta e de ser uma obra de engenharia que quase que nos deixa boquiabertos, tem um nome cheio de estilo a condizer. A Huawei chama-lhe "Asa de Falcão" e é composta por mais de cem peças interligadas por todo o comprimento do telefone, e por a Huawei ter escolhido colocar o ecrã do lado de fora, não partes enrugadas quando o telefone está fechado, nem por fora, nem no ecrã. Está espectacular.

Análise Huawei Mate Xs. Os nossos sonhos tornados realidade 4

Dobrar o ecrã é uma acção que leva algum tempo a tornar-se natural. Isto porque ter um "bicho" de 2500€ nas mãos e dobrá-lo causou-me um aperto no peito nas primeiras utilizações. Mas a racionalidade sobrepõe-se à emoção e lá me convenci que este é um telefone dobrável, é para isso que foi feito. A dobradiça e aliás toda a construção do Mate Xs inspiram confiança pela sua solidez.

Análise Huawei Mate Xs. Os nossos sonhos tornados realidade 5

Para desdobrar o Huawei Mate Xs temos apenas que pressionar um botão localizado na parte traseira abaixo das câmaras.

Análise Huawei Mate Xs. Os nossos sonhos tornados realidade 6

Vá, não superei totalmente a fobia de dobragem, mesmo depois de duas semanas, ainda sinto um arrepio quando abro e fecho o Mate Xs. Mas o medo de destruir o dispositivo diminuiu após alguns dias de uso intensivo.

A dobradiça foi desenvolvida com um metal líquido à base de zircónio, esta nova dobradiça é ainda mais resistente, possibilitando que o ecrã dê uma volta completa de 180 graus. O ecrã flexível, que compõe o Mate Xs, está equipado com uma inovadora estrutura de polímero de duas camadas. A Huawei apresenta uma técnica pioneira na produção deste ecrã dobrável, que adere a duas camadas de poliamida de grau aeroespacial .

Este material exclusivo permite que o ecrã apresente uma excelente qualidade de imagem, saturação e brilho, garantindo um elevado grau de durabilidade. O novo dobrável da Huawei é um smartphone poderoso que conta com um ecrã duplo: um ecrã
principal de 6,6 polegadas e um secundário de 6,38 polegadas. Aberto, o Mate Xs transforma-se num tablet de 8 polegadas que oferece uma experiência de visualização sem rival numa infinidade de cenários de trabalho e lazer.

AndroidPIT huawei mate xs top iso
 

Quando dobrado, o Huawei Mate Xs é mais grosso que um smartphone normal, mas não tão grosso como o Galaxy Fold. Aliás estes equipamentos têm muito poucas ou nenhumas semelhanças se excluirmos o facto de dobrarem. O peso de 300g é significativamente superior aos habituais 180g (em média) dos Flagships de várias marcas, mas pelo que oferece, estes 300g não são um problema para mim. Mas tenham isto em conta na altura de se decidirem por um dobrável: são mais pesados que os smartphones regulares.

AndroidPIT huawei mate xs on off
O sensor de impressão digital e os botões de volume na lateral do Huawei Mate Xs.

Estas 300g são a única razão porque podem querer usar o Mate Xs com as duas mãos quando fechado, porque em termos de dimensões é absolutamente perfeito. 

Análise Huawei Mate Xs. Os nossos sonhos tornados realidade 7

O ecrã é impressionante

Se o Huawei Mate Xs estiver aberto e o ecrã estiver ligado, é impossível olhar para outra coisa. Mesmo quando dobrado, o painel AMOLED de 6,6 polegadas com molduras estreitas chama de imediato à atenção.

Análise Huawei Mate Xs. Os nossos sonhos tornados realidade 8

Como mencionado anteriormente, este Huawei Mate Xs não tem nenhum vinco no ecrã, e isto é explicado por o equipamento dobrar para fora. Assim, ao passar o dedo sobre o ecrã todos os dias, não vão ficar tristes ao serem confrontados com um ecrã vincado.

Análise Huawei Mate Xs. Os nossos sonhos tornados realidade 9

Depois de testar o Samsung Galaxy Fold, tenho que assumir que o mecanismo de dobrar para fora do ecrã do Huawei Mate Xs é imbatível até agora.

Sem Google de fábrica, mas sem stress

O Mate Xs vem preparado com o EMUI10.0.1 e o sistema operativo Open Source do Android. Este inovador smartphone combina um excelente desempenho com um sistema de segurança melhorado, suportando a funcionalidade Multi-screen Collaboration, a tecnologia desenvolvida pela Huawei que quebra barreiras entre os dispositivos Windows e Android. Com este inovador recurso, os utilizadores podem facilmente transferir ficheiros entre o Huawei Mate Xs e um MateBook da Huawei, controlando dois sistemas a partir de um único display (visor).

Análise Huawei Mate Xs. Os nossos sonhos tornados realidade 10

Quando falamos de software, é necessário olhar para este smartphone Huawei de dois ângulos.
O sistema operativo Android é de código aberto. A Huawei pode continuar a usá-lo e não viola o embargo comercial dos EUA. O que a Huawei precisa compensar ou, se preferirem fornecer alternativas, para os serviços do Google e daí ter desenvolvido o seu próprio ecossistema de aplicações.

Análise Huawei Mate Xs. Os nossos sonhos tornados realidade 11

O futuro é Huawei Mobile Services (HMS) e a própria AppGallery. Nenhuma destas coisas precisa ser reinventada pela Huawei, mas o sistema, que já é usado há anos no seu país de origem, precisa reunir as parcerias e apoios para conseguir ser internacionalização com sucesso.

Análise Huawei Mate Xs. Os nossos sonhos tornados realidade 12

Usando o Huawei Phone Clone, têm a tarefa facilitada a configurar o vosso Huawei Mate Xs. Com esta aplicação da Huawei podem transferir aplicações e dados, fotos e vídeos, configurações, SMS e contactos do vosso antigo smartphone. No meu teste, funcionou extremamente bem. Até conversas e dados do WhatsApp foram transferidos.

Análise Huawei Mate Xs. Os nossos sonhos tornados realidade 13

Mas basicamente, todas as aplicações que usam os Google Mobile Services em segundo plano não funcionam corretamente em dispositivos Huawei com EMUI 10 se não vierem com GMS de fábrica. Mas como já vos dissemos dezenas de vezes é possível e relativamente fácil instalar GMS num equipamento Huawei.

Ainda assim a AppGallery da Huawei já conta com aplicações como Snapchat, Telegram, Microsoft Office ou até Fortnite oficialmente. Este é certamente apenas o começo, e presumo que os HMS irão ficar cada vez melhores com o tempo.

Se não encontrarem as vossas aplicações preferidas na AppGallery e não quiserem instalar os GMS, podem recorrer à aplicação App Search para instalar o que estiver em falta.

Além disso, há sempre a opção de usar aplicações Web como alternativa e armazenar os favoritos correspondentes como um ícone no ecrã principal do Huawei Mate Xs. Portanto, existem várias maneiras de usar o Mate Xs com as aplicações e serviços habituais. Basta apenas querer explorar alternativas, porque elas existem.

Potência e elegância

A maior novidade em comparação com o Huawei Mate X de 2019 está no interior do Mate Xs. Em vez da combinação de dois Chipsets, Kirin 980 + modem Balong 5000, o Huawei Mate Xs agora apresenta o Kirin 990 com um modem 5G integrado. O Kirin 990 possui 8 GB de RAM e 256 GB de armazenamento interno disponível, que pode ser expandido com a ajuda dos cartões de memória Huawei NM.

Análise Huawei Mate Xs. Os nossos sonhos tornados realidade 14

Esta atualização para o Kirin 990 deve não apenas aumentar o poder de computação puro do Huawei Mate Xs, mas também melhorar a eficiência em termos de consumo de energia. Nos nossos testes, o Huawei Mate Xs conseguiu-se posicionar à frente do Samsung Galaxy Fold, mas no teste de benchmark gráfico 3DMark, o desempenho  é visivelmente inferior.

Performance poderosa e conectividade 5G

Feito especialmente para o formato elegante do Mate Xs, o sistema de antena 5G é mais uma mostra da competência da Huawei na área das tecnologias de telecomunicações. O design da antena deste smartphone é resultado de um longo processo de Pesquisa & Desenvolvimento (P&D) e permite garantir uma conectividade estável e de alta velocidade.

Análise Huawei Mate Xs. Os nossos sonhos tornados realidade 15

O Huawei Mate Xs beneficia de toda a força do chipset mais avançado da Huawei, o Kirin 990 5G . O SoC inclui um CPU octa-core que compreende dois núcleos Cortex-A76 super-sized, dois grandes núcleos Cortex-A76 e quatro pequenos núcleos Cortex-A55, com 2,86 GHz de base 1 .

O processamento gráfico é tratado pelo GPU Mali-G76 de 16 núcleos, o GPU mais poderoso dos dispositivos Huawei, enquanto as exigências de Inteligência Artificial (IA) são suportadas por um NPU desenvolvido a partir da arquitetura Da Vinci da Huawei. O Kirin 990 5G SoC inclui um modem 5G integrado, permitindo simultaneamente fornecer uma
performance poderosa e conectividade 5G com a melhor eficiência e menor produção de calor. Este suporta 2G, 3G, 4G, bem como 5G NSA e SA. O SoC sustenta todo o espectro 5G 2 e 5G + 4G Dual SIM Dual Standby.

Uma mistura saudável de P30 Pro com um toque de Mate 30 Pro

Embora o SoC do Mate Xs seja o mais poderoso da empresa chinesa, o hardware da câmara mantêm a configuração que conhecíamos do Huawei Mate X de 2019.

Mantendo a herança da Huawei de incorporar nos seus dispositivos as melhores câmaras da categoria, o Huawei Mate Xs vem equipado com um sistema de câmaras único. Organizado na vertical ao longo da barra lateral do dispositivo, o sistema SuperSensing Leica Quad Camera possui uma câmara principal de 40MP (grande angular, f / 1.8), câmara de 16MP de ultra grande angular (f / 2.2), câmara telefoto de 8MP (f / 2.4, OIS) e uma câmara com um sensor que deteta a profundidade 3D. O sistema de câmaras suporta uma combinação de OIS e Estabilização de imagem assistida por IA e zoom híbrido até 30X. Este sistema de câmaras suporta ainda um ISO de até 204800 para captar fotografias incríveis mesmo em situações de baixa luminosidade.

Huawei Mate 30 Pro à esquerda e Mate Xs à direita
Huawei Mate 30 Pro à esquerda e Mate Xs à direita

A configuração da câmara consiste nos seguintes componentes:

  • Câmara grande angular de 40 MP, f / 1,8, 27 mm com PDAF
  • Câmara telefoto de 8 MP, f / 2.4, 52mm
  • Câmara de 16 MP, f / 2.2, 17 mm de ultra grande angular
  • Sensor ToF para informações de profundidade 3D

Análise Huawei Mate Xs. Os nossos sonhos tornados realidade 16

O que é positivo com o Mate Xs e já se verificava com o Mate X é o facto de não precisar de uma câmara selfie, porque basta virar o smartphone para tirar selfies e usar a parte exterior do ecrã como visor. Em termos de qualidade,  temoa a mesma qualidade de foto e vídeo dos métodos de gravação normais.

No que toca à câmara, o Mate Xs da Huawei vem revolucionar a categoria das Selfies, permitindo que o utilizador aproveite ao máximo o sistema de 4 câmaras que tradicionalmente beneficiaria apenas nas imagens captadas com as câmaras traseiras, podendo os utilizadores usufruir do ecrã secundário para tirar as suas selfies com as 4 câmaras do Mate Xs.

AndroidPIT huawei mate xs 08

No geral, o Mate Xs tira ótimas fotos como é habitual nos equipamentos Huawei; retratos e fotos noturnas incluídos.

Análise Huawei Mate Xs. Os nossos sonhos tornados realidade 17

Autonomia a "dobrar"

A Huawei também não fez alterações na bateria em comparação com o
Mate X de 2019. Mantém-se a bateria de 4.500 mAh. Na unidade de teste que recebi a Huawei incluiu um carregador de 40 watts, no vídeo de unboxing digo que é igual ao do P40 Pro e é mesmo.

Deixo em aberto que as unidades comerciais tenham incluso um carregador similar ou igual ao carregador que acompanha o
Huawei MateBook D 14 ou laptops MateBook Pro. Com esta fonte de alimentação, a bateria fica semi-carregada em menos de 20 minutos e totalmente carregada em 59 minutos.

AndroidPIT carregador para huawei mate xs supercharge

A duração da bateria no nosso benchmark é de dez horas e 20 minutos. No uso real consigo usar o Huawei Mate Xs por um dia inteiro de trabalho.

Análise Huawei Mate Xs. Os nossos sonhos tornados realidade 18Além disso, só usei o Mate Xs na rede 4G, por isso não sei o impacto na vida da bateria com conectividade 5G. É o que temos nos tempos de Covid-19.

 

Especificações técnicas Huawei Mate Xs

Tamanho da bateria: 4500 mAh
Tamanho do ecrã: 8 Polegadas (aberto)
Câmara traseira: 40 megapixels
Versão do Android: 10
Interface de utilizador: Huawei EMUI
RAM: 8 GB
Armazenamento interno: 512 GB
Chipset: HiSilicon Kirin 990 5G
Número de núcleos: 8
Máx. Velocidade do relógio: 2,86 GHz
Conectividade: HSPA, LTE, Bluetooth 5.0

 

Data e preço de lançamento do Huawei Mate Xs

As diferenças para com outras ofertas dobráveis são evidentes, uma das diferenças notórias é a velocidade de carregamento que é de uns incríveis 55w no Mate Xs.

Análise Huawei Mate Xs. Os nossos sonhos tornados realidade 6

2499€ é a etiqueta de preço que coloca este Huawei Mate XS apenas ao alcance de alguns., e agora também em Portugal.

Veredito Análise Huawei Mate Xs

O Huawei Mate Xs é, como o antecessor, um impressionante smartphone dobrável, mas também tem um preço a condizer. Com uma etiqueta de € 2.499, não é certamente acessível para todos. Pelo preço de compra de um Mate Xs, podem comprar um MateBook X Pro na sua versão mais robusta e também um Huawei P30 Pro. É impressionante quando começamos a fazer contas.

Análise Huawei Mate Xs. Os nossos sonhos tornados realidade 20

Ainda assim, devo dizer que gostei do Huawei Mate Xs e do seu ecrã que dobra para fora e que funciona melhor do que eu pensava quando quando vi o Mate X há um ano. É menos frágil e sensível do que pensava. É na verdade muito robusto, isso talvez seja o que me surpreendeu mais.

A maior parte dos utilizadores não irá comprar o Huawei Mate Xs, mas isso também é verdade para outros smartphones dobráveis, como o Samsung Galaxy Fold, Galaxy Z Flip ou o Motorola Razr. Estes smartphones com ecrãs dobráveis.

PROS

  • ✓Excelente ecrã
  • Mecanismo dobrável robusto
  • ✓Boas câmaras
  • Boa duração da bateria
  • Boa performance

Podia ser melhor

  • Preço elevado
  • ✕Ecrã propenso a riscos

Este Website usa cookies para providenciar uma melhor experiência. Pode recusar se desejar. Aceitar Saber Mais