Não será apenas a Qualcomm a cooperar com a Huawei no HarmonyOS

Durante este evento, a Huawei Connect Hardware e Powered by HarmonyOS foram apresentadas como uma única entidade HarmonyOS Connect.

A 18 de maio, a Huawei organizou uma conferência de Parceiros HarmonyOS sobre o tema “Criar possibilidades infinitas juntos”. Durante este evento, a Huawei Connect Hardware e Powered by HarmonyOS foram apresentadas como uma única entidade HarmonyOS Connect. Neste momento, o gigante chinês de tecnologia está concentrado principalmente no HarmonyOS e nos seus planos para tornar o sistema operativo um sucesso. Os testes beta programador HarmonyOS 2.0 estão em curso e prestes a entrar para a segunda fase. Sem surpresa, os utilizadores de dispositivos Huawei estão ansiosos para colocar as mãos no HarmonyOS. Recentemente, Já sabemos que a Huawei lançará o HarnonyOS 2.0 estável a 2 de junho.

Não será apenas a Qualcomm a cooperar com a Huawei no HarmonyOS 1

Alguns modelos de smartphone como o Huawei Mate 40, Mate 30, P40 e Mate X2 podem instalar a versão beta do programador HarmonyOS 2.0 no primeiro lote do lançamento.

Hoje, uma conhecida fonte de segredos da rede social chinesa Weibo - divulgou que o HarmonyOS desenvolvido pela própria Huawei não suporta apenas chipsets HiSilicon Kirin da Huawei , mas também se adapta a várias plataformas. Portanto, a novidade é que a versão do HarmonyOS não se limita apenas a Qualcomm mas mais linha de plataformas para juntar-se à plataforma que ainda está para ser confirmada.
Não será apenas a Qualcomm a cooperar com a Huawei no HarmonyOS 2

Relacionado:  Redmi 10 lançado com MediaTek Helio G88, câmara quad de 50MP e ecrã de 90Hz display

De acordo com informação anterior, alguns fabricantes de smartphones iniciaram negociações com a Huawei para adotar o HarmonyOS nos seus dispositivos. Como o HarmonyOS é um sistema operativo de código aberto, pode ser facilmente adquirido pelos interessados. Além disso, também já sabemos que a Huawei tem planos para integrar o HarmonyOS com outros processadores como Qualcomm e MediaTek, o que pode significar um potencial extra para o plano da Huawei da expansão do HarmonyOS. A Huawei abrirá assim mais opções para os fabricantes de telefones usarem este HarmonyOS nos seus smartphones.
Não será apenas a Qualcomm a cooperar com a Huawei no HarmonyOS 3

Leiam as últimas notícias do mundo da tecnologia no Google News , Facebook  e Twitter e também no nosso Grupo de Telegram
Todos os dias vos trazemos dezenas de notícias sobre o mundo Android em Português. Sigam-nos no Google Notícias. Cliquem aqui e depois em Seguir. Obrigado!