Microsoft mete travão a fundo nos Chatbots IA

Esta medida pode potencialmente perturbar muitas das populares empresas de tecnologia de IA que dependem dos serviços e dados da Microsoft. Por exemplo, muitos assistentes virtuais populares como Siri e Alexa confiam nas suas respectivas bases de dados para fornecer aos utilizadores respostas e informações precisas.

Relatórios recentes revelaram que a gigante tecnológica Microsoft pode estar a tomar uma posição dura contra a utilização da sua licença de indexação Bing para outros fins que não a optimização dos motores de busca. A empresa tem alegadamente ameaçado revogar o seu licenciamento se os dados forem utilizados para alimentar chatbots de inteligência artificial (IA). Esta medida pode potencialmente perturbar muitas das populares empresas de tecnologia de IA que dependem dos serviços e dados da Microsoft. Por exemplo, muitos assistentes virtuais populares como Siri e Alexa confiam nas suas respectivas bases de dados para fornecer aos utilizadores respostas e informações precisas. Com a Microsoft ameaçando agora revogar o seu licenciamento de indexação Bing, estes serviços poderiam ser significativamente afectados. Além disso, muitas empresas que utilizam chatbots alimentados por IA como ferramentas de serviço ao cliente estão agora a enfrentar potenciais perturbações devido a esta notícia. Como a tecnologia da IA continua a avançar, é crucial que empresas como a Microsoft não limitem o acesso aos seus dados ou restrinjam o desenvolvimento de novas inovações neste espaço.

Microsoft mete travão a fundo nos Chatbots IA 1

Microsoft poderia sufocar a revolução chatbot da IA antes mesmo de esta começar

No panorama em rápida mudança da Inteligência Artificial (IA), está a tornar-se cada vez mais importante para as empresas proteger os seus dados dos concorrentes. Isto foi destacado recentemente após relatórios de que a Microsoft está a ameaçar revogar as licenças de indexação Bing se estas forem utilizadas para os “chatbots” de Inteligência Artificial. Se estes relatórios forem verdadeiros, poderá ter um grande impacto no desenvolvimento de “chatbots” de IA, limitando potencialmente o âmbito e desempenho dos “bots”, bem como minando o objectivo da OpenAI de IA “user friendly”.

Não é segredo que o mundo da tecnologia AI chatbot é altamente competitivo e os dados são a chave para o sucesso. A Microsoft investiu fortemente na sua própria oferta de IA, Cortana, e por isso faz sentido que eles queiram proteger os seus dados de serem acedidos por outras empresas. Os relatórios sugerem que a Microsoft está preparada para tomar medidas drásticas contra aqueles que violam as suas licenças de indexação. Parece que isto inclui não só a revogação do acesso, mas também o bloqueio da utilização dos dados Bing para qualquer outra aplicação fora das páginas de resultados dos motores de busca.

No entanto, esta mudança poderia ser prejudicial para o desenvolvimento de “AI chatbots”, uma vez que terceiros irão achar que é um processo difícil e dispendioso aceder a dados de empresas como a Google, que já tem o seu próprio “AI Chatbot- Allo”. Isto significa que há menos concorrência quando se trata de desenvolver novos bots ou melhorar os já existentes, o que poderia travar a inovação no terreno. Também levanta preocupações sobre a declaração de missão da OpenAI de criar IAs amigáveis para todos – como se certas empresas fossem capazes de limitar o acesso aos seus dados, então isto poderia ter um impacto negativo no progresso para atingir esse objectivo.

Vai gostar de saber:  Microsoft Revela Impacto da Crise do Windows em Número de Dispositivos

As notícias em torno das acções da Microsoft causaram uma grande agitação na comunidade tecnológica, tendo muitos manifestado preocupação sobre o que isto poderia significar para o futuro do desenvolvimento do chatbot da IA. É evidente que a protecção de dados é importante, mas a que custo? Se estas restrições forem postas em prática, então poderá impedir os criadores mais pequenos ou independentes de tirar partido de todos os recursos disponíveis e ganhar vantagem sobre as empresas maiores com mais recursos à sua disposição.

Resta saber como esta decisão se vai desenrolar, mas uma coisa é certa – o AndroidGeek vai mantê-lo actualizado sobre todos os desenvolvimentos no mundo da tecnologia, por isso assegure-se de que volta regularmente para todas as suas notícias e informações! Com especialistas que lhe fornecem informações sobre novas tendências e análises sobre os desenvolvimentos da indústria, pode confiar no AndroidGeek para se manter à frente do jogo quando se trata de notícias tecnológicas!

Leiam as últimas notícias do mundo da tecnologia no Google News , Facebook  e Twitter e também no nosso Grupo de Telegram
Todos os dias vos trazemos dezenas de notícias sobre o mundo Android em Português. Sigam-nos no Google Notícias. Cliquem aqui e depois em Seguir. Obrigado!