Mercado de iPhones pode chegar a 23% no 4º trimestre de 2021, destronando a Samsung

O aumento pode ser atribuído a uma forte procura neste trimestre talvez devido à época festiva, e a uma melhor gestão da cadeia de abastecimento versus concorrentes, tal como visto no 9to5Mac.

De acordo com os dados de uma empresa de pesquisa de mercado sobre os níveis de produção de smartphones, uma empresa de inteligência de mercado prevê que a quota de mercado do iPhone aumente para 23,1% no último trimestre de 2021. O aumento é bastante significativo quando comparado com a quota do trimestre anterior de apenas 15,9%. Além disso, a subida irá impulsionar a Apple para além da Samsung em termos de quota de mercado.

O aumento pode ser atribuído a uma forte procura neste trimestre talvez devido à época festiva, e a uma melhor gestão da cadeia de abastecimento versus concorrentes, tal como visto no 9to5Mac. Apesar destas melhorias, não há dúvida de que a escassez de semicondutores continua a ter um impacto negativo nas vendas globais de smartphones.

Mercado de iPhones pode chegar a 23% no 4º trimestre de 2021, destronando a Samsung 1

No que diz respeito ao aumento da procura de smartphones, a maior parte pode ser atribuída à segunda metade da época alta deste ano para atividades promocionais de e-commerce. Embora o relaxamento das restrições COVID-19 no Sudeste Asiático tenha resultado no reinício das operações de fábrica em países como o Vietname, persistiram uma escassez significativa de componentes como soCs 4G, SoCs 5G de baixo custo e ICs de controladores de ecrãs. Estes constrangimentos estão a impedir que a produção de smartphones aumente no segundo semestre de 2021.

Além disso, a TrendForce afirmou que o lançamento do iPhone 13 da Apple foi um sucesso. Devido aos três modelos, a produção total de iPhone aumentou 22,6% ao ano para 51,5 milhões de unidades no Q3 de 21. A Apple também conseguiu subir ao segundo lugar do ranking mundial como resultado deste resultado.

A Apple evitou a escassez de chips para a linha iPhone 13 - A escassez global de chips impacta menos o iPhone do que o resto da indústria

Com o atual trimestre festivo, a empresa sediada em Cupertino tem dias mais brilhantes pela frente. De acordo com os relatórios da cadeia de fornecimento sobre os níveis de produção, a Samsung, a Oppo, a Xiaomi e a Vivo deverão perder quota de mercado, enquanto que a quota da Apple irá aumentar de 15,9% no último trimestre para 23,2% neste trimestre. Isto será suficiente para ultrapassar a Samsung e tornar-se líder do mercado global de smartphones.

Leiam as últimas notícias do mundo da tecnologia no Google News , Facebook  e Twitter e também no nosso Grupo de Telegram
Todos os dias vos trazemos dezenas de notícias sobre o mundo Android em Português. Sigam-nos no Google Notícias. Cliquem aqui e depois em Seguir. Obrigado!