Android Geek
O maior site de Android em Português

Análise MateBook D 14 (2020) elegante e mais rápido

Hoje venho apresentar-vos o novo ultrabook da Huawei o MateBook D 14. Acredito que muitos de vocês associam o nome Huawei a telemóveis, tecnologia 5G e infelizmente, ainda à guerra comercial com os EUA.

Hoje venho apresentar-vos o novo ultrabook da Huawei o MateBook D 14. Acredito que muitos de vocês associam o nome Huawei a telemóveis, tecnologia 5G e infelizmente, ainda à guerra comercial com os EUA.

Mas a Huawei tem tido um crescimento abismal, e mesmo nas difíceis circunstâncias atuais, os equipamentos da Huawei falam por si.

Matebook D 14

A Huawei para além dos fantásticos Smartphones comercializa computadores, para uso pessoal, empresarial e comercial com o Windows 10.

Hoje, vamos conhecer a solução da Huawei para uso de computador pessoal. Este ultrabook, chegou a Portugal no passado dia 12 de março. E está em campanha de lançamento até 12 de abril, que inclui a oferta de um ano de subscrição do Microsoft Office 360.

Bem, apesar de já ter referido no artigo das primeiras impressões os pontos de destaque deste Matebook 14, neste artigo vamos mais longe. . Vamos começar por rever as especificações do MateBook D 14.

Especificações do MateBook D 14

Sistema operativo Windows 10
Dimensões/peso 214.8mm x 323.5mm x 15.9mm, 138 gramas
Construção/cores A / C / D Liga de alumínio, B Mylar
Ecrã 14 polegadas IPS 1920x1080, 16:9
Processador AMD Ryzen 5 3500U
Placa gráfica Radeon™ Vega 8
RAM 8GB DDR4
Memória interna 512GB PCIe SSD
Bateria 56Wh
Inputs USB-A 3.0 x 1
USB-A 2.0 x 1
USB-C x 1
HDMI x 1
3.5mm 2-in-1 audio jack x 1
Comunicações Wi-Fi: IEEE 802.11a/b/g/n/ac, 2.4GHz e 5GHz, 2 x 2 MIMO
Bluetooth 5.0
Extras HUAWEI PC Manager,

Monitor Manager (Conforto ocular)

Sensor de impressões digitais

Design do MateBook D 14

Este ultrabook destina-se aos consumidores que procuram uma solução, que seja fácil de transportar, sem pôr em causa o seu desempenho e produtividade.

Análise MateBook D 14 (2020) elegante e mais rápido 1

O Huawei MateBook D herda o ADN dos predecessores computadores da Huawei, que se expressa no seu design estético, tecnologia inovadora e na experiência inteligente que proporciona.

Análise MateBook D 14 (2020) elegante e mais rápido 2

Para além de ter uma carcaça leve, temos a presença de um ecrã com paineis finos graças à tecnologia Huawei FullView, que é possível graças à sua câmara se encontrar escondida no teclado.

Análise MateBook D 14 (2020) elegante e mais rápido 3

Temos também a presença do leitor de impressões digitais integrado, de maneira perfeita e invisível no botão liga / desliga.

Com um peso de 1,4 kg e uma espessura de apenas 16 mm, é um dispositivo leve, e com uma estrutura fina e elegante.

Análise MateBook D 14 (2020) elegante e mais rápido 4

Temos um design com linhas muito minimalistas, uma geometria quadrada, semelhante ao que temos em equipamentos da Apple.

E, no entanto, apesar de ser um equipamento de entrada de série, temos uma construção em alumínio.

A tampa apresenta alguma flexibilidade quando exercemos força sobre a mesma, mas não senti isso, na base onde o teclado está assente.

Análise MateBook D 14 (2020) elegante e mais rápido 5

Ainda falando na tampa, esta não abre só com uma mão, continua a ser um exclusivo de equipamentos mais premium.

Mas abre com facilidade, e o seu sistema de abertura é solido, e curiosamente abre num angulo de 180º graus.

O que permite, que possam usar o vosso MateBook em vários ângulos diferentes, o que inicialmente, não me pareceu útil. Mas rapidamente me apercebi que é mesmo.

Terá tudo a ver, com o facto da Huawei querer proporcionar o maior conforto e diversidade de posições, na utilização deste UltraBook.

Somos todos diferentes, e todos temos formas diferentes, de utilizar os nossos computadores.

O MateBook D 14 foi desenhado, de forma a simplificar e otimizar, ao máximo o nosso trabalho.

Desde a oferta de entradas, à forma de como é possível interagir com outros equipamentos Huawei.

O MateBook D 14 apresenta no lado direito da sua carcaça uma entrada áudio de 3.5mm para auscultadores ou microfones externos, e uma porta USB 2.0.

Enquanto no lado esquerdo, temos disponível: uma porta USB-C por onde recarregamos a bateria, uma porta USB 3.0 e uma entrada HDMI.

Aqui para termos uma configuração perfeita, apenas fica a faltar uma entrada para cartões microSD.

Mas acredito que a razão da ausência da mesma, seja a forma da Huawei promover o seu serviço do Huawei Share.

Análise MateBook D 14 (2020) elegante e mais rápido 8

E para quem não tem um telemóvel da chinesa? Bem, talvez seja altura de ponderar aquisição de um.

Mas voltando ao design do Matebook D 14, os pontos físicos, com os quais  interagimos com um computador portátil, são talvez, dos fatores mais importantes.

É necessário um touchpad, superfície de repouso para as mãos repousarem, e claro um teclado ergonómico e eficiente.

E o MateBook D 14, faz check em todas as caixas, ora vejamos, o que temos:

Touchpad

Análise MateBook D 14 (2020) elegante e mais rápido 9
touchpad com drivers do W10

Temos um touchpad grande com 101 x 5.5 milímetros, com uma textura mate e uma superfície suave.

Enquanto os botões de clique esquerdo e direito têm um deslocamento baixo, há um clique sólido. O touchpad vem com drivers do Windows 10 e responde bem aos gestos do Windows.

Como por exemplo, o deslizar com dois dedos e passagem entre as guias com três dedos.

Atrevo-me a dizer quase tão bom, como o dos Macbooks, ao ponto que não necessitei de usar um rato externo.

Teclado

Análise MateBook D 14 (2020) elegante e mais rápido 10
teclado estilo chiclete

Teclado estilo chiclete, mas daqueles que os MacBooks tinham em 2015, os bons basicamente.

Com uma distância muito pequena com 1.3 milímetros de distância e um layout que faz dele um ótimo teclado para escrever longos textos, com teclas largas com espaçamento largo entre elas.

Com teclas de funções especiais e essências presentes, mas outras que foram removidas. Por exemplo, não temos as teclas: home, pg up e down e end.

Fora isso, temos teclas de navegação completas e um Enter enorme, pelo qual me apaixonei.

E ainda temos a tecla mistério, entre o F6 e o F7, a tecla que esconde a nossa webcam.

Com simples click abre e fecha, e ainda temos dois níveis de iluminação das teclas, suaves, e nada agressivo. Precisam de mais? Eu diria que não.

Repouso das mãos

Análise MateBook D 14 (2020) elegante e mais rápido 13
simples, ergonómico e de dimensões idênticas

Largos e de medições idênticas, perfeitamente alinhados com o teclado e todo o layout do MateBook, e numa utilização normal são frescos.

Mas assim que puxamos, mais pelo CPU ou GPU começamos a sentir a temperatura a subir, mas nada de alarmante.

Ecrã de 14 polegadas maior do que parece

Para além dos pontos que acima referi, não me posso esquecer de talvez o mais importante - o ecrã do computador.

Análise MateBook D 14 (2020) elegante e mais rápido 14

O Huawei MateBook D 14 está equipado com um ecrã IPS, com uma resolução 1920 x 1080, e os painéis que o rodeiam foram reduzidos para uns espantosos: 4,8 mm.

O que faz dele um ecrã FullView de 14 polegadas, “quase infinito”, com o seu ângulo de visão de 178°. O que faz dele um ótimo dispositivo para consumo de multimédia com uma proporção de 16:9.

Análise MateBook D 14 (2020) elegante e mais rápido 15

Pequeno aparte, gostava de ver mais equipamentos deste “género”, mas com proporções 3:2, como a linha Surface tem.

Apenas pelo facto de oferecerem mais espaço vertical para trabalho de escritório.

Com um brilho máximo de 250 nits, durante a minha utilização diária, não me deparei com fugas de luz, e apesar de não se tratar de ecrã AMOLED. Temos um ecrã IPS bem calibrado com tons reais.

A Huawei teve em consideração a nossa saúde ocular e incorporou filtros de luz azul embutidos no ecrã com o certificado TÜV Rheinland. O que reduz significativamente a dita luz azul, que prejudica os nossos olhos.

Análise MateBook D 14 (2020) elegante e mais rápido 16

A sua utilização no exterior, apesar de estarmos de “quarentena” é decente, e o conteúdo do ecrã é legível, mesmo com o sol diretamente sobre o ecrã.

Áudio

As colunas do MateBook D 14, tem força suficiente para preencher uma pequena sala com música.

Tendo em conta a sua localização (por baixo do ultrabook, uma em cada cantos). O MateBook oferece um som estéreo sólido, com graves fundos e um som uniforme.

Mais um sinal, que comprova que esta máquina foi pensava, para ser usada como um equipamento de consumo de multimédia.

Com um sistema Dolby Atmos, que vem incorporado, bem como um equalizador de forma a ajustarmos o áudio.

Desempenho do MateBook 14

Equipado com um processador AMD Ryzen 5 3500U, com velocidades de relógios que vão dos 2.1 até 3.7 GHz, ele consegue trabalhar com 8 threads simultaneamente, e com 8 GB de RAM, um disco SSD de 512 GB e uma GPU móvel AMD Radeon Vega 8.

Análise MateBook D 14 (2020) elegante e mais rápido 17

Apesar de por fora, ser um equipamento direcionado para multimédia, o seu interior revela outa história. Pois, esta configuração é mais direcionada para “equipamentos de escritório”

Nos testes de benchmark, o MateBook D 14 apresentou resultados fortes, e  curiosamente superior, a outros equipamentos da mesma gama de preço
Análise MateBook D 14 (2020) elegante e mais rápido 18
resultados do Geekbench 5

 

Processador e desempenho do hardware

Em comparação com o modelo do ano passado, que vinha com um processador Ryzen 5 2500U, o AMD Ryzen 5 3500U deve oferecer um desempenho significativamente superior.

Análise MateBook D 14 (2020) elegante e mais rápido 19

Efetivamente são especificações muito boas para um computador desta gama, tendo em conta o preço de 699 euros, a que está a ser comercializado.

Em termos da sua utilização no mundo real, o MateBook D 14 consegue lidar facilmente com tarefas padrão de trabalho e reprodução de conteúdos.

Seja trabalho de Office, pesquisa na web, redes sociais, edição básica de fotos e até jogos leves.

Análise MateBook D 14 (2020) elegante e mais rápido 20

Não se tratra de um computador para jogos de forma alguma; portanto, não esperem rodar jogos mais pesados, mas no que toca a jogos menos exigentes.

Até em jogos, é possivel, divertirem-se, sem problemas reais de desempenho.

Fui simpático, e deixei a minha Carla, brincar um bocado com ele (com onauktraBook) , e ela pediu para instalar o jogo Sims 4 no MateBook D 14. Correu bem. 

Análise MateBook D 14 (2020) elegante e mais rápido 21

Outra coisa surpreendente sobre o MateBook D 14, é que inicializa quase instantaneamente e, graças a ao seu scanner de impressões digitais suportado pelo Windows Hello embutido no botão ligar/desligar, todo o processo é automático e basta um único clique.

O MateBook D, é praticamente silencioso graças à inclusão do sistema de ventiladores Shark Fin 2.0 da Huawei.

No entanto, ouve-se bem as suas ventoinhas quando estamos a jogar - algo que este ultrabook não foi projetado para fazer em primeiro lugar.

Análise MateBook D 14 (2020) elegante e mais rápido 22

Ainda no que toca à velocidade de leitura e escrita do disco, o disco SSD Samsung de 512 GB. O MateBook D apresentou resultados consistentes, com velocidades rápidas.

Software

Análise MateBook D 14 (2020) elegante e mais rápido 23

Para além, de vir com hardware impressionante, algo que distingue o MateBook D é que vem com alguns truques na manga no lado do software.

Este vem com uma versão do Windows 10, instalado e pronto a ser usado. Para além da promoção que temos em vigor até ao dia 12 de abril. Na compra de um MateBook D, ficamos com acesso a um ano de office 365 grátis.

Huawei MateBook  D14 com OneHop e PC Manager

Análise MateBook D 14 (2020) elegante e mais rápido 24

Estes novos modelos de MateBook vêm com suporte para o OneHop, o que permite transferir arquivos entre o computador e um “telemóvel compatível” (basicamente qualquer aparelho Huawei ou Honor, com a versão do EMUI 9.0 ou posterior).

Análise MateBook D 14 (2020) elegante e mais rápido 25

Basta emparelhar o telefone com o MateBook e, com uma combinação de Wi-Fi Direct e NFC, basta tocar com telefone no computador para compartilhar fotos e vídeos, e até documentos.

Leva apenas alguns segundos para colocar uma foto ou várias do telemóvel no ecrã do MateBook D 14.

E não ficamos só por aí, a Huawei incorporou uma aplicação estilo gestor do computador com alguns extras por debaixo da manga.

Aqui podemos fazer a gestão de todos os drivers do Matebook D, saber o estado de “saúde” do nosso computador, bem como fazer gestão e backup de fotos do nosso telefone.

Para além disso, temos uns extras que podem ajudar o nosso trabalho, como por exemplo: guardar no “clipboard” todos os textos que copiamos, acesso rápido à calculadora, e bloco de notas.

Análise MateBook D 14 (2020) elegante e mais rápido 30

E uma ferramenta de recorte de imagem, que para além de guardar imagem automaticamente, se esta tiver texto, é possível extraí-lo para um formato editável.

Esse reconhecimento de texto também é surpreendentemente preciso, funciona melhor com parágrafos únicos, pois a formatação fica quase perdida no processo, mas, além de perder alguns bits de pontuação, é uma execução respeitável do reconhecimento ótico de caracteres (OCR).

Infelizmente, não consegui ter a oportunidade de testar um dos recursos mais atraentes do OneHop - uma área de transferência compartilhada entre portátil e telefone, em que podemos copiar texto num dos dispositivos e colá-lo imediatamente no outro, bem como a partilha de ecrã do meu telefone.

Análise MateBook D 14 (2020) elegante e mais rápido 31

Será, esta uma forma da Huawei gradualmente começar a criar o seu - “eco-sistema”, tal como a Apple?

No entanto, acredito, que se existisse a possibilidade de funcionar com outros dispositivos Android. Seria mais uma razão, para comprar um MateBook.

Bateria

Análise MateBook D 14 (2020) elegante e mais rápido 4

O modelo D 14 é obviamente um dispositivo mais pequeno em comparação ao seu modelo maior, o MateBook D 15.

O MateBook D 14, possui a bateria maior dos dois, com 56Wh, esta oferece uma excelente duração da bateria. Consegue aguentar um dia de trabalho sem precisar de recarga.

A Huawei afirma que pode durar 9,5 horas com uma única carga, e seja verdade ou não, posso dizer que entrava no escritorio às 9.00 e saí pelas 18:30. Sem precisar ligar o Matebook 14 à tomada.

Chegava a casa e ainda tinha bateria para ver um filme ou umas séries, ler umas noticias antes de terminar o meu dia.

E quando, foi necessário recarregar, o Huawei MateBook D 14 tem o seu carregamento rápido de 65W via USB-C, a média de tempo, era meia hora para ter novamente 43% de bateria de volta.

Quando combinado com a impressionante duração da bateria e carregamento rápido. Podemos usar o dia todo sem preocupações, e se for necessário, basta conectá-lo à carga, e rapidamente estamos de volta.

Curiosamente, quem tiver um telemóvel que recarregue via USB-C, como o caso do P40 Lite pode usar o mesmo carregador e cabos, o que simplifica a nossa vida. A cereja no topo do bolo, seria, se o carregador tivesse duas saidas, assim era possivel carregar dois dispositivos simultaneamente.

Conclusão

Temos um equipamento que o seu valor ronda os 700 euros no mercado português, com hardware e especificações técnicas bem acima da média dos equipamentos nesta faixa de preço.

Será este MateBook D 14 um “Mackbook air killer” ?

Análise MateBook D 14 (2020) elegante e mais rápido 33

Design premium, autonomia para um dia e um desempenho rápido, e tudo isso num equipamento que custa 699.99 euros, são argumentos incontornáveis.

Apesar de se tratar de um equipamento para trabalho de escritorio, temos um conjunto de extras que fazem dele um ultrabook muito sólido.

Ecrã IPS Full HD, com um conjuntos extra de segurança, que muitos equipamentos desta gama de preço não apresentam.

Torna-se dificil, não recomendar este computador.

Mesmo comparado com o modelo maior de 15.6 polegadas o Matebook 14 ganha.

Uma vez que apresenta as mesmas caracteristicas técnicas, com uma bateria menor. Sendo que inclusive, é comercializado a um valor mais elevado, do que o modelo de 14 polegadas.

Se procuram um ultrabook para trabalhar no escritorio, lazer moderado: como ver filmes, séries ou alguns jogos e edição de fotos mais básicas o Matebook 14 é o candidato perfeito.

Trata-se de um equipamento perfeito: é leve, bom desempenho, com boa autonomia e económico. Sem esquecer os seus extras, que fazem diferença, para quem procura produtividade.

Pontos chaves

Fortes Fracos
  • Design premium
  • Desempenho gráfico
  • Autonomia e carregamento rápido
  • Ausência de leitor de cartões
  • Preço / Qualidade
  • Barulhento quando em esforço

 

Selo de recomendação AndroidGeek

Análise MateBook D 14 (2020) elegante e mais rápido 34

Escolha AndroidGeek

O produto / serviço analisado neste artigo mostra-se excelente na relação qualidade preço. Uma análise com a Designação "Escolha AndroidGeek" é a garantia que o produto/serviço em questão tem a melhor relação Valor VS Benefício.  
 
Todos os dias vos trazemos dezenas de notícias sobre o mundo Android em Português. Sigam-nos no Google Notícias. Cliquem aqui e depois em Seguir. Obrigado!