Android Geek
O maior site de Android em Português

Huawei traz processador de 7nm Kirin 810 para fora da China

De acordo com as informações mais recentes, a Huawei está a planear usar o Kirin 810 para equipamentos lançados fora da China com o lançamento do Huawei Nova 7i que estará em pré-venda a partir de 14 de fevereiro na Malásia. O Kirin 810 é construído com tecnologia de processo de 7 nm e usa o NPU da arquitetura Da Vinci, desenvolvido pela Huawei, que melhora a eficiência do software e acelera o desempenho da IA, mas como já dissemos é um SoC de media gama.

O chipset Kirin 810 é o segundo processador de 7nm da Huawei anunciado para smartphones de gama média e lançado inicialmente com o Huawei Nova 5 em junho do ano passado na China.

Huawei Kirin 810 SoC

De acordo com as informações mais recentes, a Huawei está a planear usar o Kirin 810 para equipamentos lançados fora da China com o lançamento do Huawei Nova 7i que estará em pré-venda a partir de 14 de fevereiro na Malásia.

O Kirin 810 é construído com tecnologia de processo de 7 nm e usa o NPU da arquitetura Da Vinci, desenvolvido pela Huawei, que melhora a eficiência do software e acelera o desempenho da IA, mas como já dissemos é um SoC de media gama.

O processador consiste em dois núcleos Cortex A76 de alto desempenho (2,27 GHz) + seis núcleos A55 (1,88 GHz). A GPU é a Mali-G52.

O desempenho da unidade NPU do Kirin 810 é maior que o processador Snapdragon 855 e ainda maior que o Chipset Kirin 980. Como mostram alguns benchmarks de IA.

Além do Huawei Nova 7i, o Kirin 810 alimenta o Huawei Nova 5, o Huawei Nova 5i Pro, o Novo 5z, o Honor 9X, o Honor 9X, o Honor 9X Pro e o Honor 20S.

Este Website usa cookies para providenciar uma melhor experiência. Pode recusar se desejar. Aceitar Saber Mais