Android Geek
O maior site de Android em Português

Huawei pode revelar o seu primeiro carro no Shanghai Auto

O automóvel contará com comunicações no veículo, suporte para a rede sem fios de quinta geração e funções de nuvem. Incluirá funções de consulta de informações, gestão de veículos, programação de tráfego e gestão de equipamentos.

 

A Huawei está a enfrentar diversos problemas agora, especialmente nos países ocidentais com a actual guerra comercial EUA-China e as preocupações relacionadas à segurança dos equipamentos de telecomunicações da Huawei. Mas a empresa ainda está a avançar nos seus planos de expansão.

O negócio de electrónicos de consumo da empresa testemunhou um enorme crescimento no ano anterior e a Huawei agora está a dominar o mercado chinês de smartphones. No futuro, a empresa está de olho no mercado de automóveis.

Primeiro carro da Huawei

De acordo com um novo relatório, a Huawei está pronta para lançar o seu primeiro automóvel, um carro no Shanghai Auto. Esta informação diz que o primeiro carro da empresa que em breve será apresentado, é desenvolvido em conjunto com a Dongfeng Motor, uma fabricante de automóveis sediada em Wuhan, na China.

O automóvel contará com comunicações no veículo, suporte para a rede sem fios de quinta geração e funções de nuvem. Incluirá funções de consulta de informações, gestão de veículos, programação de tráfego e gestão de equipamentos.

A Huawei e a Dongfeng Motor assinaram um acordo de 3 biliões de yuans (cerca de US $ 446 milhões) com as autoridades locais em Xiangyang, no início deste mês para desenvolver plataformas de nuvem para carros inteligentes, logística e transporte em direcção a veículos autónomos de 5G.

Durante a cerimónia de assinatura do acordo do governo de Xiangyang, um modelo de mini autocarro foi exibido. No entanto, não há detalhes específicos disponíveis sobre o primeiro carro da Huawei, que pode ser revelado no final deste mês no Shanghai Auto.

(Fonte)

Todos os dias vos trazemos dezenas de notícias sobre o mundo Android em Português. Sigam-nos no Google Notícias. Cliquem aqui e depois em Seguir. Obrigado!

Este Website usa cookies para providenciar uma melhor experiência. Pode recusar se desejar. Aceitar Saber Mais