Android Geek
O maior site de Android em Português

Huawei regista substituto do Android 'HongMeng OS' na América do Norte, Asia e Europa

Fazendo referência à marca “HongMeng”, o executivo garantiu que a plataforma para substituir o Android já está a ser testada pela Huawei, especialmente na China. Na entrevista Williamson afirmou:

Andrew Williamson, vice-presidente de Relações Públicas e Comunicações da Huawei Tecnologies Ltd., acaba de confirmar que o sistema operativo da empresa para substituir o Android está a ser testado em mercados selecionados e que, embora não fosse este o caminho que a empresa queria seguir, o novo sistema pode ser o potencial substituto do Android.

Parece que a Huawei é um membro da Associação SD mais uma vez.

Fazendo referência à marca "HongMeng", o executivo garantiu que a plataforma para substituir o Android já está a ser testada pela Huawei, especialmente na China. Na entrevista Williamson afirmou:

A Huawei está no processo de lançar um potencial substituto (para o Android). Isso não é algo que a Huawei quisesse fazer. Estamos muito felizes em fazer parte da família Android, mas o HongMeng está a ser testado, principalmente na China.

O executivo afirmou também que a empresa estáeem processo de registar a marca Hongmeng, e que o sistema estará pronto "em meses" e que a companhia vai, mesmo assim, crescer em 2019.

androidgeek-2019-06-15_11-52-20_679731.jpg

Comparando com o ano passado e a sua expansão de 19,5%, a previsão da Huawei é que a fabricante siga a crescer, agora com 20%.

"HongMeng" registado no WIPO

A Organização Mundial de Propriedade Intelectual (WIPO na sigla em inglês) é um órgão cuja certificação permite que uma marca registada possa ser utilizada em centenas de países sem precisar passar por nova aprovação em cada um dos novos países. Dados do WIPO revelaram que a Huawei já está preparada para lançar a marca em alguns países. as regiões incluem países da América do Norte, Europa e Ásia como Austrália, Canadá, Coreia do Sul, México, Índia, Indonésia, Reino Unido e dezenas de outros.

Huawei Hongmeng OS
É claro que as reações a esse facto não se fizeram esperar, porque embora a empresa quisesse deixar os seus utilizadores descansados avisando que os serviços do Google continuarão a funcionar nos dispositivos Huawei existentesa verdade é que há muita preocupação entre os consumidores. A Huawei tem um plano B Mas a Huawei tem um plano.

No mês passado a marca HongMeng já havia sido aprovado pela CNIPA, órgão de Propriedade Intelectual da China, permitindo que a Huawei possa espalhar a sua nova plataforma pelo país.

Um novo sistema e uma nova loja de aplicações

A empresa vai precisar utilizar a base do Android para desenvolver o seu sistema operativo, permitindo que as aplicações e jogos possam ser utilizados no HongMeng sem muitos problemas de compatibilidade. Como o Android já é baseado num código livre Open Source, a empresa tem acesso a tudo o que precisa. A Huawei App Gallery já existe no mercado chinês e nos próprios smartphones da empresa e permite que os utilizadores instalem jogos e aplicações sem precisarem recorrer à Google Play Store. Há indícios de que a Huawei pode trabalhar ao lado do Aptoide para fornecer uma grande quantidade de apps no lançamento, o que poderia elevar para mais de 900 mil o número de aplicações e jogos.

Com previsão para lançamento no mercado chinês para o mês de outubro, precisamos esperar mais alguns detalhes para afirmar com maiores garantias se a Huawei deve apostar no HongMeng OS e se vai chamá-lo de Ark OS no mercado mundial fora da China ou ainda se a empresa vai trabalhar em cima do Aurora OS, baseado no Sailfish OS.

Mais novidades devem surgir nas próximas semanas e vamos estar atentos a todos os principais desenvolvimentos.

Este Website usa cookies para providenciar uma melhor experiência. Pode recusar se desejar. Aceitar Saber Mais