Android Geek
O maior site de Android em Português

Hands Galaxy Note 10 e Note10+. O que gostámos, o que adorámos e o que nem por isso

Galaxy Note 10 e Note10 Plus

Agora já podemos falar abertamente sobre estes novos monstros da Samsung que mostram porque razão a Samsung ocupa o lugar que ocupa no pódio do mercado de tecnologia móvel.

Agora que os segredos acabaram e que podemos falar livremente sobre os novos "monstros" da Samsung, estamos em condições de vos dizer o que achámos da experiência que tivemos com os equipamentos, ainda que tenha sido por poucas horas.

O Design está cada vez melhor

Estes Galaxy Note10 e Note10+ são os mais finos de sempre com apenas 7.9mm de espessura, isto traduz-se numa ergonomia quase perfeita e uma sensação muito confortável na mão. Não nos podemos no entanto esquecer que isto se deve também ao facto de a entrada de Jack 3.5mm ter sido removida o que permitiu aos engenheiros da Samsung "emagrecerem" o equipamento em quase 1.1mm quando comparado ao anterior Galaxy Note9.

Note10 é perfeito para utilizadores que nunca sequer pensaram em ter um equipamento desta linha

Pela primeira vez na história da série Note, vamos ter dois equipamentos que diferem entre si em vários pontos, mas talvez o mais importante seja mesmo as dimensões. O Galaxy Note10 é menor que o Note10+ o suficiente para passar a ser uma opção até para o público feminino ou na verdade qualquer utilizador que valorize equipamentos mais compactos.

O Note10 adopta o ecrã Infinity-O da Samsung - aquele com um furo para a câmara frontal, parecido com o adotado pelo Galaxy S10, mas desta vez a perfuração está centrada no ecrã. Como podem ver na imagem abaixo o conteúdo que estamosa visulizar foi "empurrado" para baixo criando ali uma margem virtual que apesar de fornecer um efeito de imersão, não nos parece que esteja a ser aproveitada da forma mais conveniente. No entanto será um uso mais prolongado que nos permtirá dizer se esta nova forma de alojar a câmara frontal é uma vantagem ou desvantagem desta linha Galaxy Note10.

 

Design, Ecrã e recursos biométricos

O Note10 adopta o ecrã Infinity-O da Samsung - aquele com um furo para a câmara frontal, parecido com o adotado pelo Galaxy S10, mas desta vez a perfuração está centrada no ecrã. Dando-lhe um visual único, pelo menos na parte frontal.  No entanto não somos fâs do alinhamento traseiro das câmaras dos Galaxy Note10, esta configuração de câmara já foi vista em inúmeros equipamentos como o Huawei P30 Pro e apesar de não ser esteticamente reprovável rouba, na minha opinião, alguma identidade ao Galaxy Note10 que fora isso é um equipamento único em todos os sentidos.

Com o display a ocupar a parte frontal praticamente na totalidade, o Note10 é um dos equipamentos que se pode dizer que não tem praticamente margens vísiveis. Em relação a botões físicos, a Samsung eliminou o botão Bixby e integrou esta funcionalidade de uma forma inteligente no botão de energia. Estamos 100% de acordo com a opção dos enegnheiros da Samsung em retirar o Bixby Button e permitir que configuremos o botão de energia para abrir as aplicações que quisermos, este é um ponto muito positivo.

Em relação ao ecrã ecrã, é o mesmo Super AMOLED já conhecido da linha Galaxy S e Note. A novidade é que o Note10 vem em duas versões conforme referimos acima:

  • Galaxy Note10+ com ecrã de 6,8 polegadas Dynamic Amoled Infinity-O Display 3040x1440 (498 dpi), HDR10+
  • Galaxy Note10 com ecrã de 6,3 polegadas Dynamic Amoled Infinity-O Display 2040x1080 (401 dpi), HDR10+

Processador, memória e armazenamento

A família Note10 tem hardware de ponta: processadores entre os mais potentes da atualidade, até 12 GB de RAM e até mesmo variantes compatíveis com redes 5G.

O cérebro do Note10 é o Qualcomm Snapdragon 855 nos EUA , o que pode ser uma desilusão para os utilizadores daquele mercado, mas nós cá contaremos com o novo Exynos 9825. Nas poucas horas que estive com o Galaxy Note10+ tive a oportunidade de jogar o novo Cal Of Duty Mobile (que ainda não saiu.. só privilégios) e a performance foi de facto impressionante. 12GB de RAM e um chipset a 7nn traduzem-se numa experiênica fluída e que será certamente capaz de fazer tudo o que quiserem fazer com estes equipamentos. A versão standard difere da versão Plus ao contar com 8 GB de RAM em comparação com os 12 GB da versão de topo. O armazenamento começa em 256 GB chegando a 512 GB na versão Note10+.

A tradição aponta que a série Galaxy SGalaxy Note sejam alimentadas pelo mesmo processador Exynos. No entanto, isto muda este ano. O Galaxy Note10 e Galaxy Note10 + são alimentados por um novo chipset Exynos 9825.

O Exynos 9825 é um chipset de 7nm ao contrário do Exynos 9820 que é de 8nm. O tamanho de nó menor deve trazer melhorias no desempenho e na eficiência de energia.

S Pen parece uma varinha de condão com os seus "AirGestures"

Além do hardware de ponta, a Samsung também trouxe melhorias à caneta S Pen, acessório que é um dos grandes diferenciais da linha Note para outros dispositivos. Todos os anos a empresa sul coreana inclui novos recursos compatíveis com a caneta e em 2019 temos novos "AirActions" que permitem fazer ainda mais com a esta Stylus em esteróides. Com a S Pen é possivel fazer Zoom na câmara, mudar de moto da fotografia, fazer slide em documentos até a 40mts de distância do dispositivo. Paralelamente um carregamento de 6 minutos dará para até 10h de utilização o que torna esta S Pen a mais poderosa e versátil de sempre.

O Galaxy Note10 recebe um novo sistema de controlo por gestos. Batizado de "Air Action Gestures" pela Samsung, a tecnologia foi incorporada também no tablet Galaxy Tab S6 e usa um acelerômetro que foi integrado na caneta S Pen. Essa novidade permite utilizar gestos à distância para controlar algumas das funções do dispositivo, como tirar fotos, mudar de música ou avançar para o próximo slide numa apresentação.

Ficha Técnica: Samsung Galaxy Note10

  • Ecrã: 6,3 polegadas Infinity-O AMOLED: Dynamic Amoled Infinity-O Display 2040x1080 (401 dpi), HDR10+
  • Processador e memória: Snapdragon 855+/Exynos9825 (dependendo da região) e 8GB de RAM
  • Armazenamento: 256GB
  • Câmara Tripla Traseira: Ultra Wide: 16MP F2.2 (123º) + Wide Angle: 12 MP 2PD AF F1.5/F2.4 OIS (77º) +Telephoto: 12MP F2.1 OIS (45º)
  • Câmara Frontal: 10MP 2PD AF F2.2 (80º)
  • Bateria: 3500 mAh (velocidade de carregamento pendente de confirmação)
  • S-Pen com "AirActions"

Ficha Técnica: Samsung Galaxy Note10+

  • Ecrã: 6,8 polegadas Infinity-O AMOLED: Dynamic Amoled Infinity-O Display 3040x1440 (498 dpi), HDR10+
  • Processador e memória: Snapdragon 855+/Exynos9825 (dependendo da região) e 12GB de RAM
  • Armazenamento: Até 512 GB
  • Ultra Wide: 16MP F2.2 (123º) + Wide Angle: 12 MP 2PD AF F1.5/F2.4 OIS (77º) +Telephoto: 12MP F2.1 OIS (45º) + DephtVision Camera: VGA F1.4 (72º)
  • Câmara Frontal: 10MP 2PD AF F2.2 (80º)
  • Bateria: 4300 mAh (velocidade de carregamento pendente de confirmação)
  • S-Pen com "AirActions"

 

Perdemos o Jack de 3.5mm mas recebemos uns fones AKG USB-C na caixa

Uma das mudanças externas mais notáveis nos novos modelos é falta de uma entrada de 3.5mm para headphones. A Samsung toma assim o passo de também abdicar desta porta, deixando os utilizadores limitados ao uso de auriculares Bluetooth ou soluções com conexão Type-C. Felizmente virão incluídos na caixa uns fones e ouvido da AKG (como é habitual) mas desta feita com entrada USB-C.

 

Galaxy Note10+ Câmaras

Além do tamanho do ecrã, a câmera também é um diferencial entre os dois modelos Galaxy Note10. O Note10+ tem quatro sensores traseiros, enquanto o modelo de 6,3 polegadas apresenta três câmeras. As câmaras estarão situadas do lado esquerdo da traseira do smartphone. Quanto à câmara frontal, fica alojada no centro dos dispositivos no ecrã.

Em relação à configuração do conjunto de câmeras, o Note10+ use um sensor primário, um de telefoto, um ToF (time of flight, usado para profundidade de campo), e uma lente grande angular. O Note10 tem a mesma configuração, mas sem a lente ToF.

  • Ultra Wide: 16MP F2.2 (123º) + Wide Angle: 12 MP 2PD AF F1.5/F2.4 OIS (77º) +Telephoto: 12MP F2.1 OIS (45º)

O departamento de câmaras está extremamente bem servido nestes Galaxy Note10, sendo uma das maiores novidades a inclusão de uma DephtVision Camera no modelo Plus para efeitos de profundidade, algo como uma cãmara TOF mas com um nome diferente.

Conclusão Hands On Galaxy Note 10 e Note10+

A Samsung manteve-se sóbria no planeamente destes Galaxy Note10 e Note10+ e oferece uma das ofertas mais consistentes e equilibradas no mercado actual. Teremos que conhecer em pormenor todas as características do software e explorar as suas câmaras para podermos ver se efectivamente se destaca da concorrência.

Preço e Disponibilidade Galaxy Note10 e Note10+

As pré-encomendas do Galaxy Note10 devem começar já hoje na maior parte das superfícíes comerciais de grande dimensão e chegam ás lojas no dia 23 de agosto. Relativamente aos preços para território nacional: O Galaxy Note10 irá começar nos 979€ e o Note10+ começará nos 1129€ e chegará aos 1229€ consoante a variante de armazenamento escolhida.

 

Este Website usa cookies para providenciar uma melhor experiência. Pode recusar se desejar. Aceitar Saber Mais