Android Geek
O maior site de Android em Português

Google lança críticas à Nova proposta da Comissão Europeia sobre direitos de autor

A Google mostrou-se descontente com a nova proposta da Comissão Europeia (CE) sobre direitos de autor no meio digital, na óptica da gigante de Mountain View os últimos desenvolvimentos atentam contra o progresso.

logo-google-chrome.png

A Google comparou o conteúdo da proposta ás “leis falhadas tanto em Espanha como na Alemanha” e afirma que esta proposta representa “um passo atrás para os direitos de autor na Europa”.

Segundo a Google as novas regras irão colocar em causa a capacidade da Google de gerar tráfego gratuito para os autores, e desta forma prejudicar aqueles que esta proposta pretende “proteger”.

“Pagar para mostrar fragmentos de informação não é uma opção viável para ninguém”

Refere em comunicado a vice-presidente de Política Global da Google, Caroline Atkinson.

Esta polémica advém do facto da CE ter proposto uma atualização das normas de telecomunicações e direitos de autor que coloca na mira plataformas como o Youtube ou o Google News no combate à pirataria.

A Comissão afirma ter como objectivo conceder aos editores da imprensa um "novo direito" para que sejam "pela primeira vez reconhecidos juridicamente como titulares de direitos" e estejam em "melhor posição para negociar o uso dos seus conteúdos em relação a serviços online que os utilizam ou oferecem acesso a eles".

Na opinião da Google, a via escolhida por Bruxelas não é a melhor.

"A inovação e os acordos (sem impostos ou subsídios) são a chave para ter um setor de meios de informação bem-sucedido, diversificado e sustentável na Europa, e na Google, comprometemo-nos a desempenhar o nosso papel"

Vice-presidente de Política Global da Google, Caroline Atkinson.

Na visão que a Google tem da  'web', a mesma assenta na capacidade dos utilizadores partilharem textos, imagens e vídeos e criticou que as obras que incluam texto, vídeo ou imagens devam "ser filtradas pelos serviços 'online'".

O que vos parece esta nova proposta da comissão Europeia?

Deve a Google pagar por toda a informação que disponibiliza? Ou colocando a questão de outra forma, devem os autores de conteúdo único e original serem pagos pelo que disponibilizam online?

Partilhar é importante, mostra este artigo aos teus amigos!

Obrigado, ficamos a dever-te uma 😉

Este Website usa cookies para providenciar uma melhor experiência. Pode recusar se desejar. Aceitar Saber Mais

Partilhar é importante, mostra este artigo aos teus amigos!

Obrigado, ficamos a dever-te uma ;)
close-link