Android Geek
O maior site de Android em Português

Google I/O 2015: 7 coisas que precisas saber sobre o Android M

Google I/O 2015: 7 coisas que precisas saber sobre o Android M

 

App Permissions

Sim,  a função App Permissions estará dísponivel no Android M como era dito. Basicamente a Google vai permitir aos utilizadores Android mais controlo sobre a sua privacidade. A aplicação irá solicitar permissões quando necessitar de usar a câmara ou localização, etc, ao invés de pedir todas as permissões no momento da instalação. Os utilizadores podem ainda revogar uma permissão já concedida. Para os utilzadores familiarizados com o conceito ROOT, esta função será similar aos pedidos de permissões do nosso conhecido SuperUser.

 

Web Experience

A Web Experience  no Android também será melhorada. Chrome Custom Tabs é como os programadores podem aproveitar as novas funcionalidades mantendo a aparência geral intacta quando um utilizador navega no smartphone.

Android Pay

Android Pay irá funcionar em 700 lojas nos EUA, incluindo Macy, Bloomingdales. A Google também está a trabalhar com programadores de aplicações que em breve irão começar a usar  Android Pay.

Sensor Biométrico

Android M terá sensor biométrico para impressão digital também. Podemos ainda usar este suporte de impressão digital para desbloquear aparelhos, fazer compras com Android Pay. A API para impressão digital estará disponível para os programadores, e podem incorporar este recurso nas suas aplicações. Claro, que para utilizar o suporte de impressão digital é necessário um telefone com um sensor de impressão digital.

Power and Charging

Power and Charging é a próxima área de foco do Android Android M.

M terá um novo recurso chamado Doze (soneca em tradução livre). Doze irá detectar se o dispositivo não for tocado ou movimentado por um longo período de tempo e, em seguida, o dispositivo vai dormir ou seja usar menos bateria. Os dispositivos com Android M durarão até duas vezes e meia mais do que com o Android L. em termos de autonomia.

USB Type C

USB Type C chegou ao Android M. Estes conectores são flippable (funcionam em qualquer posição) e oferecem um carregamento mais rápido.

Não foi referido quais os equipamentos que vão incorporar para já o  USB Type C. Partilhar é mais fácil no Android M pois o sistema operativo vai adivinhar automaticamente quais são as aplicações  usamos mais nas aprtilhas. Android M Developer Preview saiu ontem, com os Nexus 5,6,9 e Player.

 

Projeto Brillo

Este sistema , será a base subjacente para a Internet das coisas. É derivado do Android, de acordo com Pichai e esta é a versão base do Android. Pode ser executado em coisas como fechaduras e basicamente tudo o que tenha um sensor compatível. Brillo requer um mínimo de gestão por parte dos programadores, diz Pichai. Pichai fala sobre como uma camada de comunicações chamado Weave permitirá que estes dispositivos se liguem uns com os outros. Weave será a multi-plataforma e os programadores terão de obter uma licença para isso também. Voice-APIs será uma parte do Weave. Qualquer dispositivo Android irá reconhecer um dispositivo construído sobre Brillo ou Weave.O Brillo Developer Preview sairá em Q3 2015 e o Weave Preview nor Q4 de 2015.

Nota aparte: Repararam que agora o Google Photos permite armazenamento ilimitado? Já está disponível, experimentem já!

Partilhem com os vossos amigos e ajudem este projecto em Português.

Obrigado pela visita!

Este Website usa cookies para providenciar uma melhor experiência. Pode recusar se desejar. Aceitar Saber Mais

Partilhem com os vossos amigos e ajudem este projecto em Português.

Obrigado pela visita!
close-link