Android Geek
O maior site de Android em Português

Google e Huawei sentados no banco dos réus por causa dos problemas de Bootloop do Nexus 6P

Em abril do ano passado, uma investigação de ação coletiva começou após os problemas de inicialização do Nexus 6P, que foi construído pela Huawei para a Google. Muitos utilizadores relataram problemas com o Nexus 6P que se desligava aleatoriamente, mesmo quando a bateria apresentava carga de até 60%. Outros utilizadores relataram bootloops infinitos e consumo excessivo de bateria. Os proprietários do Nexus 6P alegaram que a Google e a Huawei não responderam à questão. O processo alegou que eles estavam cientes dos defeitos, e ainda assim vendiam os dispositivos.

O caso está em curso há quase um ano e finalmente temos uma atualização. A juíza Beth Labson Freeman, do Tribunal distrital da Califórnia do Norte, nos EUA, emitiu uma decisão para negar moções da Google e da Huawei para ocultar o caso. Ela também afirmou que os casos não garantem uma ação coletiva. Os pedidos de garantia serão autorizados a prosseguir contra a Huawei e os pedidos estatais de proteção ao consumidor avançarão contra a Google.
Google e Huawei sentados no banco dos réus por causa dos problemas de Bootloop do Nexus 6P imageNem tudo foram más notícias para a Google e Huawei. A juiza anulou as alegações de fraude, garantia e enriquecimento ilícito. Os queixosos podem refazer esses pedidos numa queixa modificada (que indicaram o que pretendem fazer) numa data posterior. Então, o que significa toda esta confusão legal? O processo de acção coletiva não terminou. No entanto, o caso está longe de estar terminado.
Levou quase um ano para obter esta atualização e provavelmente levará ainda mais tempo para resolver completamente a situação.

Partilhar é importante, mostra este artigo aos teus amigos!

Obrigado, ficamos a dever-te uma 😉


Fique atento à nossa página do Facebook e Twitter para obter as notícias em primeira mão.
Fonte xda

Partilhar é importante, mostra este artigo aos teus amigos!

Obrigado, ficamos a dever-te uma ;)
close-link