Android Geek
O maior site de Android em Português

Google explica como o melhor modo noturno em Android funciona

Da Universidade de Stanford à equipa de engenharia do Google. Já sabemos quase tudo sobre o funcionamento das câmaras no Google Pixel,  hoje temos a oportunidade de complementar esta informação com a informação dada por Marc Levoy, chefe da equipa de fotos do Google.

Da Universidade de Stanford à equipa de engenharia do Google. Já sabemos quase tudo sobre o funcionamento das câmaras no Google Pixel,  hoje temos a oportunidade de complementar esta informação com a informação dada por Marc Levoy, chefe da equipa de fotos do Google.

O modo Visão noturna, permite maior luminosidade e é capaz de ser no Android o único capaz de melhorar os resultados mesmo em situações diurnas. O modo noturno do Google é um exemplo de como a fotografia computacional pode evoluir e marca um antes e um depois na fotografia móvel.

Visão Nocturna: um novo palco para a fotografia

O principal calcanhar de Aquiles de qualquer câmara é a fotografia noturna. Nos telefones temos sensores ainda menores, que têm a vida dificultada para capturar a luminosidade em cenas complicadas. É frequente o aparecimento de ruído, com a consequente perda de detalhes, quando tiramos fotografias em condições de baixíssima luminosidade, já que o processamento do telefone tende a tentar recolher todas as informações possíveis, mesmo que seja necessário elevar o ISO ao máximo e aumentar o tempo do obturador, resultando em imagens mais instáveis ​​e menos nítidas.

Levoy diz-nos que os smartphones começam a passar por dificuldades quando o brilho da cena cai para 30 lux, embora os telefones com bom HDR sejam capazes de ter resultados aceitáveis ​​de até 3 lux. O Google Pixel com visão noturna é capaz de ter resultados em condições de 0,3 lux, sem necessidade de tripé ou flash. Para isso, é importante entender como capturam as informações da cena.

O Google Pixel não usa atraso do Obturador Zero para evitar limitações na velocidade do obturador, que neste caso é muito mais lenta. Desta forma, eles conseguem combinar várias fotografias de longa exposição, e através dos seus algoritmos de redução de ruído e processamento geral da imagem, obtemos o equivalente a uma fotografia exposta por três segundos. O objetivo da Visão Noturna é conseguir ter fotos de áreas escuras que o não podemos ver, mesmo com os nossos próprios olhos.

https://twitter.com/MrBrickerTech/status/1062791955598503937?ref_src=twsrc%5Etfw

Outro dos principais problemas da fotografia emttelemóvel é o balanço dos brancos. Normalmente, não há problemas durante o dia, mas à noite os terminais tendem a compensar a fotografia definindo o equilíbrio de branco de acordo com o que o "sensor vê". Na fotografia noturna, o normal é que se houver alguma luz laranja, toda a imagem fica laranja. A equipa do Google trabalhou num algoritmo de balanço de branco automático, que tende a neutro e elimina qualquer cor que entre na imagem.

Este modo também funciona durante o dia, ter imagens ainda mais brilhantes com pouco ruído, por isso, torna-se um dos telemóveis mais versáteis hoje em dia quando se trata de tirar boas fotografias.

 

Este Website usa cookies para providenciar uma melhor experiência. Pode recusar se desejar. Aceitar Saber Mais