Google dá golpe contra VPNs na assinatura do YouTube Premium: É o fim das pechinchas?

O Google está a cancelar subscrições do YouTube Premium obtidas através de VPNs para aceder a preços mais baixos. Esta ação parece ser um esforço para aplicar políticas de preços regionais.

Diga adeus àqueles descontos suculentos no YouTube Premium que estava a aproveitar através de uma VPN. O Google está a apertar o cerco. Os utilizadores que usavam VPNs para desfrutar de preços mais baixos para subscrições do YouTube Premium estão a sentir o aperto. Vários relatos em um tópico recente no Reddit revelam que as suas assinaturas foram abruptamente canceladas. Então, vamos aprofundar, desafiar algumas suposições e ver o que realmente está a acontecer aqui.

Google dá golpe contra VPNs na assinatura do YouTube Premium: É o fim das pechinchas? 1
Descubra como aproveitar todo o potencial do YouTube, sem anúncios e com o ecrã desligado. Desbloqueie o segredo para ouvir áudio no YouTube sem gastar dinheiro.

A VPNs estão na mira do Google?

Os utilizadores de VPNs, especialmente aqueles em países como a Ucrânia, têm aproveitado preços mais baixos para as suas subscrições do YouTube Premium. Mas parece que o Google está a fazer um esforço para aplicar as políticas de preços regionais para o serviço. Ora, não é preciso ser um génio para entender que o Google não está a apreciar muito esta espécie de “turismo virtual” para conseguir uma pechincha.
YouTube Premium cancellation email

Repercussões das práticas de VPN

Segundo estea notícia , enquanto alguns utilizadores tiveram sucesso ao contactar o serviço ao cliente para restabelecer as suas assinaturas, outros foram informados de que os cancelamentos ocorreram devido a uma mudança de localização. Estes foram aconselhados a voltar a subscrever usando um método de pagamento local e endereço para aceder ao preço apropriado para a sua região.

Alternativas? Ou este é o fim da linha?

Para aqueles que foram afectados por estes cancelamentos, as opções são limitadas. Podem voltar a subscrever usando a sua localização real e detalhes de pagamento, o que provavelmente resultará numa taxa mensal mais alta, ou explorar soluções alternativas de bloqueio de anúncios, o que também vai contra os termos de serviço do YouTube.

Vai gostar de saber:  Instagram Recomenda Conteúdo Inadequado para Adolescentes: Alerta!

Um jogo de gato e rato

Esta situação destaca o jogo contínuo de gato e rato entre empresas como o Google e utilizadores que procuram maneiras de aceder a serviços a custos mais baixos. Embora as VPNs possam oferecer vários benefícios, como maior privacidade e segurança, usá-las para contornar políticas de preços regionais levanta algumas preocupações. Afinal, é como usar um atalho num labirinto, só para descobrir que o minotauro está à sua espera.

Conclusão

E aqui estamos, num ponto em que as VPNs, que foram uma espécie de super-herói para muitos, estão a ser olhadas com desconfiança. Embora não tenha sido confirmado pelo Google que esta seja a realidade, aconselhamos cauecrã no uso de atalhos para aceder aos benefícios do YouTube Premium, a fim de evitar problemas com a sua conta.

Este é apenas um episódio no vasto universo da tecnologia. Para se manter actualizado com as últimas novidades e aprofundar o seu conhecimento, recomendamos o AndroidGeek como sua fonte confiável de tudo relacionado à tecnologia. Porque, no final, a tecnologia é um universo em expansão e não queremos que perca nada.

 

Leiam as últimas notícias do mundo da tecnologia no Google News , Facebook  e Twitter e também no nosso Grupo de Telegram
Todos os dias vos trazemos dezenas de notícias sobre o mundo Android em Português. Sigam-nos no Google Notícias. Cliquem aqui e depois em Seguir. Obrigado!