Android Geek
O maior site de Android em Português

GEAR S3 Frontier um Smartwatch que não parece ser

O Samsung Gear S3 é um relógio que personifica a tentativa de combinar o que de melhor podemos ter num smartwatch com o mais elegante de um relógio dito tradicional. Apesar do sistema operativo TIZEN não ser a minha preferência no que a wearables diz respeito, a verdade é que este Gear S3 Frontier surpreende e providencia uma experiência de utilização de alta qualidade. Venham conhecer este smartwacth que não parece ser.

Este Gear S3 Frontier é grande, mas nenhum do espaço no dispositivo se encontra desaproveitado, isto porque podemos encontrar no seu interior todos os recursos que se esperaria de um smartwatch, incluindo GPS, monitor de frequência cardíaca, resistência à água, NFC, rastreamento de atividades, um altímetro e, em alguns casos, até mesmo LTE.

Ele combina com um ótimo ecrã, uma bateria duradoura e – semelhante à Apple – um preço alto, tudo envolvido num acabamento desportivo ‘Frontier’ ou um olhar ‘clássico’ mais “Smart”.

GEAR S3 Frontier um Smartwatch que não parece ser image
Gear S3 Frontier Classic

Esse preço e o facto de que o Gear S3 executa o Tizen em vez do Android Wear (e tem muito menos aplicativos como resultado), e aliado ao recente lançamento do Android Wear 2.0 em alguns concorrentes como o LG Watch Sport e o Huawei Watch 2, pode haver quem torça o nariz á solução TIZEN que é aparentemente mais limitada. Mas o TIZEN está melhor e merece um voto de confiança.

SAMSUNG GEAR S3 ESPECIFICAÇÕES

  • Peso: 62g
  • Dimensões: 49 x 46 x 12,9 mm
  • SO: Tizen
  • Armazenamento: 4 GB
  • Tamanho do ecrã: 1,3 polegadas
  • Resolução: 360 x 360
  • Tipo de ecrã: Super AMOLED
  • Bateria: 380mAh
  • Processador: Exynos 7270
  • RAM: 768MB
  • Classificação IP: IP68

Acham que a Samsung está a perder tempo com o TIZEN nos seus smartwatches? Claro que não!

A Sul Coreana não chegou a número um mundial a tomar más decisões e o TIZEN está a ser usado porque tem potencialidades e permite uma liberdade que só um sistema  operativo proprietário pode conferir a um fabricante.

GEAR S3 Frontier um Smartwatch que não parece ser image
Gear S3 Frontier Classic

Um dos principais argumentos de venda é o facto de o Gear S3 ser compatível com os últimos telefones da Samsung, mas também com a maioria dos outros telefones Android que corram a versão 4.4 do sistema operacional ou posterior, desde que tenham pelo menos 1,5 GB de RAM.

Recentemente, o suporte também foi adicionado para dispositivos iOS, a partir do iPhone 5 em diante, desde que estejam executando pelo menos iOS 9.

Portanto, estatisticamente é muito provável que seja qual for o smartphone que têm neste momento (desde que cumpra os requisitos acima) funcione na perfeição com este Gear S3 Frontier.

Testámos este Gear S3 com um Galaxy S7 Edge e também com equipamentos de topo de outras marcas e o funcionamento é igual desde que instalemos as aplicações que a Samsung necessita para comunicar com o relógio como por exemplo o S Health.

 

Design

Grande e bem feito inclui um painel e botões giratórios que se revelam bastante úteis. Pesa apenas 62g, o Gear S3 Frontier Classic pode não parecer pesado, mas é um pouco e isso para quem está habituado a usar relógios a sério é uma coisa boa. Para termos comparação o Apple Watch 2 pesa apenas 45.6g e o Samsung Gear S2 é ainda mais leve a 42g.

GEAR S3 Frontier um Smartwatch que não parece ser image
Gear S3 Frontier Classic

Também é grande no pulso, mas é inegavelmente um relógio de alta qualidade e bem montado, o conforto na utilização também se deve ao ecrã de 1,3 polegadas e da armação de metal à sua volta. Também foi construído para durar, com certificação IP68 para resistência à poeira e à água.

A Samsung também pensou na forma como utilizamos o Gear S3, dando-lhe uma moldura giratória e dois botões que podemos usar, bem como o ecrã sensível do touchscreen.

GEAR S3 Frontier um Smartwatch que não parece ser image
Gear S3 Frontier Classic

A moldura giratória é o principal método de navegação, e um dos recursos destacados dos recentes smartwatches da Samsung.

É essencialmente um mostrador que podemos girar para a esquerda ou para a direita para percorrer ecrãs e notificações, ou selecionar aplicativos. Ainda que tenhamos que recorrer ao touchscreen para uma interacção completa com o dispositivo.

Dos dois botões, ambos na lateral, um serve para regresssar ao ecrã inicial e aplicações, enquanto o outro é um botão de “back” com uso torna-se fácil a navegação entre menus e revela-se mesmo bastante prático.

Virando o Gear S3 e encontramos o monitor de frequência cardíaca, que pode detectar as batidas cardíacas ao longo do dia.

Esta análise foca-se no Samsung Gear S3 Frontier Classic, que vem com uma correia de couro. O couro é de qualidade, mas bastante rígido no início, é preciso algum uso até se tornar agradável e flexível.

A correia usa a medida padrão de 22mm, isso significa que há muitas opções de correias alternativas.

Ecrã

Brilhante ecrã Super AMOLED de 1,3 polegadas
Always On Display é útil, mas exigente na bateria

O ecrã Super AMOLED 360 x 360 de 1,3 polegadas no Samsung Gear S3 Frontier Classic é, sem surpresa, um dos melhores do mercado. A Samsung faz consistentemente os melhores ecrãs de smartphone, e está a usar exatamente a mesma tecnologia aqui, para imagens claras e definidas.

GEAR S3 Frontier um Smartwatch que não parece ser image
Gear S3 Frontier Classic

A Samsung também está a dar ênfase ao facto de que o Gear S3 Frontier usa um Display sempre ligado, o mesmo usado no smartphone Galaxy S8. Isso, opcionalmente, mantém o ecrã parcialmente iluminado em todos os momentos, para se veja sempre as horas, mas, como seria de esperar, não é amigo da bateria.

Mas eu não me importo de carregar o smartwatch todos os dias (dia sim dia não) para ter aquele ecrã lindo e brilhante sempre vísivel, mas se para vocês não for importante ter o ecrã sempre ligado, podem esperar uma autonomia extendida de mais alguns dias.

GEAR S3 Frontier um Smartwatch que não parece ser image
Gear S3 Frontier Classic

Um dos aspectos que é impossível deixar de lado é a escassez de aplicações dísponiveis para o Gear S3 FRontier Classic e na verdade qualquer outro equipamento com TIZEN. A Samsung continua corajosamente a apostar neste seu sistema operativo, mas ainda não conseguiu convencer de forma absoluta marcas e programadores a entrar neste desafio.

Há excepções e ainda bem, como por exemplo o Spotify que chegou finalmente ao TIZEN, ainda que com algumas limitações quando comparado com a versão Android Wear.

Mas outras aplicações estarão a caminho, na CES 2017, a Samsung confirmou que estava em contacto com a Under Armour para trazer o MyFitnessPal e o Under Armor Record para tracking GPS offline aos seus wearables.

É estranho que uma marca tão grande não tenha um ecossistema de aplicativos, mas é presumivelmente porque corre o Tizen, isto significa que os programadores precisam refazer os seus próprios aplicativos para suportar os smartwatches Samsung e se as contrapartidas não forem apelativas isto não vai acontecer.

Não só isso, mas para instalar as aplicações temos que ir ao próprio portal da Samsung, em vez de poder usar a Google Play Store.

Isto mostra o quão dependente a Samsung , e outras fabricantes, estão realmente do Google – a marca sul-coreana nunca poderia usar seu sistema operacional Tizen em telefones, ao invés de Android, pois haveria poucos aplicativos disponíveis e a gama Galaxy smurcharia e morreria como os dispositivos Windows Phone.

Ligações

A Samsung sabe como escolher as opções técnicas corretas, e isso é exemplificado na forma como o Gear S3 consegue alternar sem problemas entre Wi-Fi e Bluetooth para permanecer ligado ao mundo.

Embora alguns aplicativos não funcionem sem o telefone (WhatsApp, por exemplo), a maioria das informações que chegam podem chegar através da sua conexão Wi-Fi. O que há de bom é que isso não precisa ser configurado manualmente,  o Gear S3 usa os dados do seu telefone e se liga-se ao Wi-Fi doméstico automaticamente.

GEAR S3 Frontier um Smartwatch que não parece ser image
Gear S3 Frontier Classic

Transferir música (e outros dados, como fotos) é uma experiência realmente perfeita, e parabéns á Samsung por tornar o processo tão simples.

A interação através do bezel é talvez uma das melhores coisas sobre este relógio, em teoria. Nós adicionamos esta ressalva, pois é uma maneira suave de interagir com o dispositivo, um slide circular através de menus e opções, mas ainda é necessário usar o ecrã sensível ao toque.

A variedade de whatchfaces em oferta já é muito maior do que a da Apple, e a qualidade parece bastante alta – é uma ótima maneira de personalizar o relógio como quiser.

Há GPS a bordo para rastreamento de corrida, um acelerometro para contar repetições de atividades cross-fit, integração inteligente com a plataforma S Health da Samsung e alguns outros pormenores para sejamos mais ativos ao longo do dia.

O Samsung Gear S3 Frontier Classic possui outra característica importante que gostamos: detecção automática de exercícios. Se estivermos a andar de bicicleta, andar ou fazer algo dinâmico (como pesos ou apenas o trabalho doméstico geral), ele começará a monitorizar após 10 minutos e estimará a queima de calorias.

É uma característica muito boa e funciona perfeitamente, ainda que por vezez possa falhar no tipo de exercicio identificado

 

Bateria

A bateria do Samsung Gear S3 é 380mAh e dura bastante tempo. Na verdade, conseguimos facilmente um par de dias de uso deste relógio, e muito mais se não usarem o rastreamento GPS ou a funcionalidade Always On.

O máximo talvez sejam três dias de uso com uma única carga, e isso é muito bom. Também é muito rápido a carregar, considerando que é sem fios.

 

Devo comprá-lo?

O Gear S3 Frontier Classic é dos smartwatches mais bonitos que já testámos, isto porque não parece um. Assemelha-se muito mais a um relógio verdadeiro do que a um wearable tecnológico e aqui a Samsung está de parabéns. A forma de interacção com o relógio também é excelente pois temos a possibilidade de usar o bezel giratório e ainda o ecrã sensível ao toque. A performance e autonomia são excelente, este é sem dúvida um equipamento quase perfeito nestes quesitos.

GEAR S3 Frontier um Smartwatch que não parece ser image
Gear S3 Frontier Classic

O ecrã é também um dos pontos mais fortes deste telefone, em alguns momentos esqueci-me por completo que não se tratava de um relógio dito normal, pela qualidade que o mostrador apresenta nos detalhes. Mas um bom produto é a soma das partes e há um aspecto que nos deixa de pé atrás com este lindo Gear S3 Frontier Classic.

Samsung Gear S3 preço e disponibilidade

O Samsung Gear S3 Frontier Classic já pode ser comprado em grandes superficies por preços a partir de 299,99€.

Veredito

O Samsung Gear S3 é efetivamente o quarto smartwatch da marca, e a cada iteração a Samsung adiciona algo novo- ter GPS faz uma grande diferença para o que podemos fazer com um relógio.

O rastreamento é bom, embora muito longe do perfeito. A duração da bateria é boa, as opções de reprodução de música são fortes … e, apesar de sofrer de uma grave falta de aplicativos de terceiros, no geral faz tudo aquilo que precisamos.

GEAR S3 Frontier um Smartwatch que não parece ser image
Gear S3 Frontier Classic

Em suma, o Samsung Gear S3 é um smartwatch brilhante de várias maneiras – só sofre com o facto de que ninguém precisa realmente de um smartwatch. Se for apenas para ter notificações não vale a pena gastar tanto dinheiro, se for para interagir com todas as vossas aplicações a partir do vosso pulso vão ficar desapontados com a escassez de aplicações de terceiros. Pode ser que a Samsung possa vir a mudar isso em breve.

 

Fique atento à nossa página do Facebook e Twitter para obter as notícias em primeira mão.

Comentários estão fechados.