Android Geek
O maior site de Android em Português

Facebook comprometido, 50 milhões de utilizadores foram afetados

O Facebook foi atacado, 50 milhões de contas de utilizadores podem estar em risco, depois que de um grupo de hackers terem explorado uma vulnerabilidade de segurança no site da rede social. A empresa mencionou num post através do blog esta Sexta-feira, que a sua equipa de programadores descobriu o bug no início da semana.

O Facebook foi atacado, 50 milhões de contas de utilizadores podem estar em risco, depois que de um grupo de hackers terem explorado uma vulnerabilidade de segurança no site da rede social.

A empresa mencionou num post através do blog esta Sexta-feira, que a sua equipa de programadores descobriu o bug no início da semana. O bug faz parte do recurso “Visualizar como” do site, que permite que um utilizador veja o perfil dele como outra pessoa. O Facebook desligou o “View As” enquanto investiga o bug mais a fundo de forma a solucionar o mesmo.

O bug permitia que os hackers obtivessem tokens de acesso à conta, que são usados para manter os utilizadores logados quando eles inserem o seu nome de utilizador e password. Os tokens roubados podem permitir que hackers usem contas alheias.

O Facebook disse que está a redefinir os tokens de acesso de todos os utilizadores afetados, segundo os responsáveis são mais de 40 milhões de contas que podem ter sido afetadas ou em risco, por isso tenham atenção. Isso significa que cerca de 90 milhões de utilizadores terão sido desconectados das suas contas – no telefone ou no computador ao longo do dia de hoje. O Facebook também disse que os utilizadores serão notificados sobre o incidente de segurança assim que fizerem login novamente.

“Ainda precisamos determinar se essas contas foram mal utilizadas ou qualquer informação acedida) comprometida”, disse Guy Rosen, vice-presidente de gestão de produtos do Facebook. ” Também não sabemos quem está por trás destes ataques ou de onde estão a ser realizados”.

O presidente-executivo da empresa, Mark Zuckerberg, disse numa teleconferência que a empresa não sabe se contas foram acedidas indevidamente, embora tenha dito que os invasores tentaram aceder às informações de contas consultando as suas APIs de programador, que o Facebook fechou ontem à noite.

Como os utilizadores na Europa também foram afetados, a empresa informou as autoridades de proteção de dados na Irlanda – onde a sede europeia da empresa está localizada.

“Se encontrarmos mais contas afetadas, iremos redefinir imediatamente os tokens de acesso”, disse Rosen. “Isto é uma quebra de confiança e levamos a segurança muito a sério.”

A rede social tem 2,2 biliões de utilizadores ativos e a crescer, vamos esperar para ver qual é o alcance deste ataque, bem como se alguém o virá redivincar.

 

Fonte

Partilhar é importante, mostra este artigo aos teus amigos!

Obrigado, ficamos a dever-te uma 😉

Este Website usa cookies para providenciar uma melhor experiência. Pode recusar se desejar. Aceitar Saber Mais

Partilhar é importante, mostra este artigo aos teus amigos!

Obrigado, ficamos a dever-te uma ;)
close-link