Android Geek
O maior site de Android em Português

Se têm uma conta no Snapchat é melhor lerem isto

E, aparentemente, alguns funcionários da Snap (controladora do Snapchat com acções negociadas publicamente) usaram uma ferramenta especial para aceder a esse conteúdo. Com uma ferramenta chamada SnapLion, criada para ajudar as autoridades a aceder à informações das contas do Snapchat (com uma ordem judicial), alguns funcionários do Snap conseguiram aceder aos dados dos clientes.

Só porque as mensagens e vídeos enviado no Snapchat  desaparecem depois de serem lidos, isso não significa que este conteúdo esteja seguramente escondido de olhares indiscretos. De acordo com Motherboard (através da SlashGear), esses dados acabam nos servidores do Snapchat, mesmo que por um breve período de tempo.

Se têm uma conta no Snapchat é melhor lerem isto 1

E, aparentemente, alguns funcionários da Snap (controladora do Snapchat com acções negociadas publicamente) usaram uma ferramenta especial para aceder a esse conteúdo.

Com uma ferramenta chamada SnapLion, criada para ajudar as autoridades a aceder à informações das contas do Snapchat (com uma ordem judicial), alguns funcionários do Snap conseguiram aceder aos dados dos clientes. Snaps que ainda não foram excluídos, dados de localização, endereços de e-mail e números de telefone foram supostamente acedidos ilegalmente por pessoas que trabalham para a empresa.
Essas alegações foram feitas por ex-funcionários da Snap.

Nem todas as pessoas que trabalham para a empresa usam a ferramenta SnapLion ilegalmente. é utilizado principalmente pela equipa de segurança do Snapchat e por pessoas dentro da empresa que estão à procura membros que criam publicações abusivas que intimidam, assediam ou enviam spam a outros membros. O Snapchat monitoriza aqueles que usam a ferramenta, mas, aparentemente, não é um sistema perfeito, de acordo com um ex-funcionário.

Outra pessoa que trabalhava para a Snap salienta que ter acesso ao SnapLion era como possuir "as chaves do reino".

Um outro funcionário da Snap não admite que a ferramenta SnapLion foi usada abusivamente pelos funcionários, mas salienta que a empresa tem um "bom sistema" para evitar que tais coisas ocorresse.

A Snap emitiu uma declaração em que afirma manter apenas uma pequena quantidade de dados dos utilizadores. A empresa acrescentou que as suas "políticas e controlos robustos" limitam quem pode ver estes conteúdos e qualquer funcionário que aceda a informações sem a devida autorização é imediatamente demitido.

Em janeiro passado, o Snapchat adicionou criptografia de topo, isto três anos depois da Amnistia Internacional classificar o Snapchat como uma das aplicações de mensagens menos protegidas em termos de privacidade dos membros.

 

Este Website usa cookies para providenciar uma melhor experiência. Pode recusar se desejar. Aceitar Saber Mais