Android Geek
O maior site de Android em Português

Apesar dos diversos avisos CEO continua a defender o controverso redesenho do Snapchat

Segundo o The Information, que em entrevistas a atuais e antigos funcionários da empresa, dizem que o cofundador e CEO da Snap, Evan Spiegel, continua a defender o controverso redesenho do Snapchat, apesar das inúmeras advertências dos especialistas em produtos da empresa.

A reformulação da aplicação, que levou a movimentos online e reações de inúmeros utilizadores, incluindo os de alto perfil, foi inspirada por uma série de aplicações que Spiegel viu na China durante a sua viagem ao país do Extremo Oriente no outono passado. O Snap começou a reverter algumas das mudanças introduzidas pela primeira vez em dezembro, com esse movimento vindo da equipa de design da empresa cujos alertas foram ignorados pela primeira vez pelo CEO, uma vez que dano já tinha sido feito, com a empresa agora a esperar "receita desacelerada" em 2018.

Snapchat

Quando a empresa se estava a preparar para a sua oferta pública inicial no ano passado, teve que emitir folhetos explicativos de como a aplicação funciona para os investidores, com esses materiais ressaltando o quanto o Snapchat era inacessível quem quisesse investir. Os investidores estavam, portanto, a pedir uma reformulação que atraísse mais utilizadores para a plataforma, tornando-a mais acessível, embora a reformulação de dezembro aparentemente tivesse o efeito oposto, tendo alienado parte da base de utilizadores existente da empresa e colocando um travão no seu crescimento; nos últimos três meses de 2017, o Snapchat adicionou quase nove milhões de pessoas à sua plataforma, enquanto essas adições foram reduzidas pela metade durante o primeiro trimestre deste ano.

O redesenho polarizador que separava o conteúdo postado por celebridades e marcas daquele criado pelos amigos também foi entendido como confuso devido a um cronograma irreal associado a ele, com Spiegel originalmente a querer que fosse feito em seis semanas, a tempo da última época natalícia. Embora o novo visual tenha começado a ser lançado para alguns utilizadores em dezembro, ele não ficou disponível até o final do inverno. Pelo menos um funcionário entrevistado pela The Information alega que Spiegel não descreveu especificamente o qual era  objectivo do redesign, adicionando mais confusão ao esforço, embora outra pessoa tenham contestado essa noção.

Os engenheiros e designers da empresa também ficaram surpresos que Spiegel anunciasse o novo visual em novembro, enquanto eles ainda tinham apenas um protótipo, com a polémica reformulação que acabou por ser baseada inteiramente na sua premissa original, delineada em setembro. A nova reformulação que reverte algumas das alterações anteriores foi redigida pela equipa de produtos da Snap, e supervisionada por Spiegel. "Não há dúvida de que a colaboração produz melhores resultados", disse o CEO num comunicado enviado por email ao The Information, aparentemente reconhecendo que o esforço inicial poderia ter sido organizado de forma mais eficaz.

Partilhem com os vossos amigos e ajudem este projecto em Português.

Obrigado pela visita!
Fonte theinformation

Este Website usa cookies para providenciar uma melhor experiência. Pode recusar se desejar. Aceitar Saber Mais

Partilhem com os vossos amigos e ajudem este projecto em Português.

Obrigado pela visita!
close-link